Todos têm um navegador favorito para uso diário. Enquanto quase todos os navegadores oferecem recursos semelhantes, é essencial considerar que alguns navegadores oferecem melhor segurança e privacidade do que outros. Portanto, a escolha do navegador mais seguro para seu uso diário o protegerá enquanto navega na web.

Um navegador seguro também o ajudará a manter seus dados seguros e garantirá que outros não possam bisbilhotar sua atividade. Infelizmente, embora muitos navegadores populares ofereçam recursos semelhantes de segurança e privacidade, nem todos são fáceis de usar.

Neste artigo, vamos ajudá-lo a descobrir o navegador mais seguro para suas necessidades. Cobriremos seis dos navegadores mais populares, que vão do Chrome ao Tor.

Vamos nessa!

O que torna um navegador seguro?

É importante entender que a maioria dos navegadores não oferece a experiência mais segura ou privada fora da caixa. Como usuário, cabe a você decidir como configurar as opções de privacidade e segurança que seu navegador coloca à sua disposição.

Por padrão, a maioria dos navegadores irá acompanhar quais sites você visita, armazenar cookies, e até mesmo pedir que você salve suas senhas. Os sites também podem ter acesso a muitas informações de identificação, incluindo sua localização, a capacidade de mostrar popups, executar scripts, e muito mais.

Configurando as configurações de privacidade do Chrome.
Configurando as configurações de privacidade do Chrome.

Um navegador seguro lhe oferece uma variedade de opções para proteger suas informações e garantir seu anonimato. No entanto, em muitos casos, uma experiência mais privada de navegação na web se traduz em menor conveniência, o que discutiremos na próxima seção.

Todos têm um navegador favorito... mas esse navegador nem sempre é o mais seguro 🔒 Confira esta lista para encontrar seu novo navegador favorito ⬇️Clique para Tweetar

Noções básicas de segurança de navegadores

A segurança do navegador tem tudo a ver com a aplicação das melhores práticas quando se trata de privacidade de dados e navegação segura em geral. Em nossa experiência, os navegadores que oferecem os seguintes recursos que garantem uma experiência segura durante a navegação na web:

  • Avisando você sobre sites e downloads que eles consideram “inseguros”
  • Dando-lhe controle sobre quais permissões você quer conceder aos sites
  • Permitindo que você desabilite os cookies (se você quiser)
  • Desativação de popups por padrão para a maioria dos sites
  • Desativação de redirecionamentos por padrão para a maioria dos sites
  • Permitindo desativar scripts globalmente ou para sites específicos
  • Dando-lhe controle sobre seu histórico de navegação e cache
  • Atualizando seu navegador com freqüência

Alguns navegadores vêm com recurso mais agressivas de privacidade e segurança fora da caixa. No entanto, sempre recomendamos que você configure as configurações manualmente ao configurar um novo navegador. Isto se aplica independentemente do software que você estiver usando.

No geral, navegar na web em 2022 é uma experiência muito mais segura. Muitas características o protegem de sites “perigosos” que podem tentar explorar seus dados ou forçá-lo a baixar arquivos não seguros. Com um pouco de senso comum, seus dados devem estar seguros se você usar um navegador moderno.

Navegadores mais seguros em 2022 (6 opções)

Vamos dar uma olhada de perto em seis dos mais populares navegadores seguros que você pode usar.

Você deve observar que esta lista não é classificada com base em recursos de segurança e privacidade. Depois de passar por todas elas, você pode decidir qual delas se encaixa melhor em suas necessidades.

1. Chrome

Página inicial do Google Chrome.
Página inicial do Google Chrome.

Chrome é o líder indiscutível entre os navegadores quando se trata de participação no mercado. Ele também oferece muitos recursos para ajudar a proteger seus dados e aumentar o anonimato durante a navegação.

Usando o Chrome, você pode:

  • Solicitar que os sites não rastreiem sua navegação
  • Bloquear popups e scripts
  • Bloquear parcialmente ou globalmente os cookies
  • Ativar avisos se você estiver visitando um site “perigoso” ou baixando um arquivo inseguro
  • Receber notificações se suas senhas armazenadas forem expostas
  • Controlar quais permissões os sites têm acesso a
  • Bloquear sites específicos

O Chrome também lhe dá acesso a um modo de navegação anônima que lhe permite navegar na web sem salvar histórico ou cookies para cada sessão. O navegador também é atualizado com freqüência, e parte de seu código é de código aberto.

Embora o Chrome possa ser muito seguro dependendo de suas configurações, ele não é o melhor navegador quando se trata de privacidade. Você tem que acessar sua conta Google para usá-la, e a empresa rastreia muitas informações pessoais sobre você, mesmo que não compartilhe esses dados com outros sites.

Nota: O Google está atualmente no meio de uma ação judicial por supostamente rastrear seus usuários mesmo quando eles estão usando o modo incógnito.

2. Safari

Página inicial do Safari.
Página inicial do Safari.

Se você estiver usando um dispositivo Apple, você provavelmente depende do Safari para a maior parte de sua navegação. O Safari está atrás apenas do Chrome em termos de participação de mercado, e sua fatia da torta continua a crescer.

No que diz respeito à segurança, o Safari inclui muitos recursos que lhe permitem proteger seus dados, inclusive:

  • Impedir que sites perigosos sejam carregados
  • Recurso de Prevenção Inteligente de Rastreamento (ITP), que limita os anunciantes a rastrear sua navegação
  • Bloquear todos os cookies
  • Bloquear sites que não aproveitam o cache do navegador por padrão
  • Fornece a opção de bloqueio de popups
  • Controlar permissões do site
  • Oferecendo acesso a um relatório de privacidade que lhe diz quais rastreadores você encontra na web

Vale ressaltar também que a Apple, como empresa, está dando passos significativos na proteção da privacidade dos usuários. Por exemplo, em 2021, eles lançaram uma atualização que permite que você pare de rastreá-lo, o que é uma excelente notícia se você estiver usando um de seus dispositivos.

Em 2020, os pesquisadores do Google revelaram múltiplas falhas de segurança no Safari. Uma delas alegou que o recurso ITP vazou dados do usuário, mas a Apple alega que corrigiu este problema. No entanto, como o Safari não é de código aberto, é difícil saber o que está acontecendo com seus dados.

É importante observar que embora o Safari proteja sua privacidade de terceiros, o navegador é uma fonte fechada e compartilha suas informações com a Apple. Esse é um problema comum no uso de um navegador intimamente ligado a um ecossistema de aplicativos e plataformas (assim como com o Chrome).

3. Firefox

Página inicial do Firefox.
Página inicial do Firefox.

O Mozilla Firefox é um dos navegadores mais populares do mundo. No entanto, durante a última década, sua popularidade caiu em comparação com os concorrentes Chrome e Safari. Em 2010, o Firefox detinha cerca de 31% do market share global de navegadores. Onze anos depois, caiu para 11,4%.

O Firefox em popularidade fez com que o navegador se reinventasse. Ainda assim, o Firefox tem sido um dos navegadores de internet mais seguros que você pode usar, incluindo recursos como:

  • Proteção de rastreadores através da web (com diferentes níveis de segurança)
  • Relatórios sobre quais sites estão tentando rastreá-lo (divididos em categorias)
  • Dar a você a possibilidade de optar por alertas de violação de dados
  • Deixando você optar por não participar da coleta de dados do Firefox
  • Oferecendo controle sobre as permissões do site
  • Bloquear popups por padrão
  • Bloquear downloads perigosos
  • Forçando todas as conexões a carregar sobre HTTPS

Vale notar também que o Firefox é um projeto de código aberto, o que significa que qualquer pessoa (com o conjunto de habilidades adequado) pode analisar sua base de código e certificar-se de que o navegador não está coletando dados que ele não deveria. O Firefox também recebe atualizações regulares.

Firefox oferece uma combinação fantástica de boas opções de segurança e práticas de privacidade. Além disso, a empresa é grande em privacidade. Como resultado, fez do Firefox um dos principais pontos de venda do navegador para ajudá-lo a competir contra opções como o Chrome, Safari e Edge.

4. Edge

Página inicial da Microsoft Edge.
Página inicial da Microsoft Edge.

Microsoft Edge é o sucessor espiritual do Internet Explorer. Mas, ao contrário de seu predecessor, não é necessariamente um navegador que você pode descontar sem pensar duas vezes. Em janeiro de 2020, a Edge fez a mudança para o Chromium, o que significa que ele é parcialmente código aberto. A Edge também recebe muitas atualizações de segurança, e rivaliza com o Chrome na velocidade de seu calendário de lançamento.

A Edge está ligeiramente à frente da Firefox em termos de participação de mercado, mas atrás tanto do Chrome como do Safari. Quando se trata de recursos, o Edge oferece um conjunto similar de opções relacionadas à segurança, inclusive:

  • Múltiplos níveis de opções de prevenção de rastreamento
  • Relatórios sobre os rastreadores que ele bloqueia através da web
  • Opção para configurar que nível de prevenção de rastreamento usar no modo privado do navegador
  • Bloquear sites para ver se você salvou suas preferências de pagamento
  • Proteção automática contra sites maliciosos e downloads de arquivos
  • Deixando você optar por não rastrear pela Microsoft

A Edge também é culpada de coletar dados de seus usuários com relação à privacidade, semelhante ao Chrome e Safari. Algumas pesquisas apontam para que a Edge tenha menos privacidade do que outros navegadores, pois compartilha identificadores de hardware com terceiros.

Embora a Edge traga um grande salto na experiência do usuário sobre a oferta anterior do navegador da Microsoft, ela não é a melhor opção para a privacidade do usuário. Entretanto, o navegador está dando passos significativos em termos de recursos e ganhando participação no mercado, o que significa que vale a pena ficar de olho.

5. Brave

A página inicial da Brave.
A página inicial da Brave.

Bravo é um recém-chegado ao mundo dos navegadores. Foi lançado em 2019, e ainda mal registra participação de mercado contra as opções mais populares. Se você verificar as estatísticas de participação de mercado dos navegadores em 2022, Brave está no fundo do barril com 0,05% de uso:

Precisa de uma solução de hospedagem que lhe dê uma vantagem competitiva? A Kinsta tem você coberto com incrível velocidade, segurança de última geração e autoescala. Confira
nossos planos

A quota de mercado para os navegadores de topo.
A quota de mercado para os navegadores.

Apesar de sua pequena participação no mercado, o Brave é o navegador mais empolgante lançado nos últimos anos. Ele oferece muitos recursos excitantes que outros navegadores não oferecem, incluindo sua plataforma de publicidade e sua moeda criptográfica intimamente ligada.

Em termos de segurança, o Brave é muito mais agressivo do que outros navegadores. Aqui estão algumas dos recursos que ele inclui:

  • Bloquear anúncios de terceiros por padrão
  • Bloquear rastreamento por padrão
  • Um gerenciador de senhas integrado
  • A capacidade de bloquear cookies e scripts
  • Navegação privada que funciona de forma semelhante ao navegador Tor (sobre o qual falaremos a seguir)
  • Forçando todas as conexões através de HTTPS

É importante notar que o Brave é baseado no Chrome. Isto significa que, apesar da variedade de configurações de privacidade do navegador, há algumas preocupações sobre os dados que estão sendo compartilhados com os servidores do Google.

Além disso, mesmo que a Brave desabilite os anúncios por padrão, ela ainda mostra seus anúncios, o que significa que você está sendo rastreado. Você pode desativar anúncios e recompensas da Brave, mas o programa inteiro entra em conflito com as normas de privacidade declaradas pela Brave.

6. Tor

A página inicial do Projeto Tor.
A página inicial do Projeto Tor.

Não se pode falar de navegadores privados sem falar do Projeto Tor. Sob o capô, é um garfo do navegador Firefox especialmente projetado para uso com a rede Tor.

Tudo isso faz do Tor de longe o navegador web mais seguro que você pode usar. E também faz tudo para proteger sua privacidade. Mas, infelizmente, isso também significa que Tor não é o navegador mais fácil de usar (e também não foi projetado para ser).

Para lhe dar uma idéia do quanto Tor protege sua privacidade, vamos rever algumas de suas principais recursos:

  • Tornando altamente difícil rastreá-lo através de solicitações de revezamento entre servidores de revezamento voluntários
  • Desabilitando o rastreamento por padrão
  • Desativação de scripts por padrão em todos os sites
  • Não rastreia seu histórico de navegação
  • Aplicando o uso de HTTPS em todos os sites
  • Eliminação de todos os cookies após cada sessão, por padrão

Esses recursos também significam que Tor não é a melhor opção para o uso cotidiano. Por exemplo, alguns sites bloqueiam os relés de saída do Tor, o que significa que você não será capaz de acessar suas contas. Além disso, como o navegador bloqueia scripts por padrão, ele não irá renderizar muitos sites corretamente.

O Tor também pode ser bastante lento, mesmo que você tenha uma conexão rápida com a Internet. Isso é um efeito colateral de roteamento de sua conexão através de múltiplos relés. Esse processo oferece maior ofuscação, mas torna a navegação mais lenta.

Em última análise, se você quiser o navegador mais seguro e privado, então recomendamos que você use o Tor. Não é de se admirar que a maioria dos programas de denúncia, como o SecureDrop da Freedom of the Press Foundation, recomende o uso do Tor também.

Qual é o navegador web mais seguro?

Em termos de segurança absoluta, você não pode vencer o Tor. Ele oferece de longe a experiência mais privada de navegação na web, e se esforça ao máximo para proteger seus dados. Entretanto, o Tor não foi projetado para uso diário, e o navegador não oferece uma experiência web particularmente fácil de usar.

Tanto o Firefox quanto o Brave proporcionam um melhor equilíbrio entre recursos sólidos de segurança, práticas de privacidade e facilidade de uso. Qualquer um dos navegadores é uma opção fantástica se você estiver atento à privacidade. No entanto, para maior segurança, recomendamos que você procure extensões que aumentem a privacidade para ambos os navegadores.

Alguns tipos comuns de extensões que você pode usar incluem:

  • Um gerenciador de senhas: A Brave oferece isso fora da caixa, mas usar uma opção de terceiros pode ser mais seguro.
  • Bloqueadores de scripts: Tanto o Firefox quanto o Brave oferecem a funcionalidade de bloqueio de scripts. Entretanto, certas extensões permitem o bloqueio de scripts específicos dentro de cada página, em vez de em uma base site a site.
  • Um ad-bloqueador: A desativação de anúncios faz com que a navegação na web seja muito melhor. O corajoso desabilita os anúncios por padrão, mas também tenta fazer com que você opte por sua rede de anúncios.

O Firefox tem uma extensa biblioteca de complementos, enquanto o Brave aceita extensões Chrome porque é baseado no Chrome. Desde que você mantenha suas extensões escolhidas e seu navegador atualizados e verifique suas configurações de privacidade, você deve estar seguro enquanto navega na web. Além disso, ambos os navegadores estão disponíveis em todos os principais sistemas operacionais.

Fique protegido enquanto navega na web com ajuda destes navegadores ultra-seguros 👩‍💻Clique para Tweetar

Resumo

Escolher o navegador mais seguro em 2022 é relativamente simples. De modo geral, se você estiver usando um navegador vinculado a um ecossistema como o Chrome, Edge ou Safari, você pode ter certeza de que seus dados não serão 100% privados. Isso não quer dizer que os três não sejam navegadores fantásticos, mas eles não colocam a privacidade do usuário em primeiro lugar.

Se você está preocupado com segurança e privacidade, suas melhores opções são Tor, Firefox e Brave. Entretanto, Tor não é particularmente fácil de usar para uso diário. Isso o deixa com Brave ou Firefox. Sua escolha dependerá se você quer usar um navegador baseado em Chrome ou uma alternativa. Em ambos os casos, você não pode errar.

Você tem alguma pergunta sobre qual navegador você deve usar? Então, vamos falar sobre eles na seção de comentários abaixo!


Economize tempo, custos e otimize o desempenho do seu site com:

  • Ajuda instantânea de especialistas em hospedagem do WordPress, 24/7.
  • Integração do Cloudflare Enterprise.
  • Alcance global com 35 centros de dados em todo o mundo.
  • Otimização com nosso monitoramento integrado de desempenho de aplicativos.

Tudo isso e muito mais em um plano sem contratos de longo prazo, migrações assistidas e uma garantia de 30 dias de devolução do dinheiro. Confira nossos planos ou entre em contato com as vendas com as vendas para encontrar o plano certo para você.