O Sistema de Nomes de Domínio (DNS) é a chave para localizar um site na Internet. Com tanta coisa em jogo, fazer mudanças em seus registros DNS pode ser uma experiência de arrebentar os nervos.

Felizmente, há uma maneira de testar as mudanças relacionadas ao DNS sem editar seus registros ao vivo. Modificando seu arquivo hosts local, você pode prever como seus domínios funcionarão em um novo servidor sem colocar seu site ao vivo em risco.

Neste artigo, vamos explorar o que são os arquivos hosts e compartilhar algumas razões pelas quais você pode querer modificá-los. Então mostraremos a você como editar arquivos hosts no Windows 10. Vamos começar!

Uma introdução ao arquivo Hosts

Um arquivo host é um arquivo local de texto simples que mapeia seu servidor ou hostnames para endereços de Protocolo de Internet (IP). Toda vez que o Windows 10 se conectar através de uma rede usando um nome host, ele se referirá ao arquivo hosts. Se o Windows encontrar uma entrada neste arquivo, então ele entrará em contato com o servidor especificado.

Se não encontrar um hostname relevante, o Windows 10 irá resolver o hostname usando um Serviço de Nome de Domínio (DNS). Este é o processo usado para obter o endereço IP do servidor por trás de um nome de domínio.

Cada entrada de arquivo hosts tem sua própria linha, com o endereço IP numérico, um espaço ou um caractere de tabulação e, finalmente, o name host ou domínio. Vamos ver um exemplo de uma entrada de arquivo host:

120.0.0.0 exemplo.com #Exemplo

No exemplo acima, a primeira seção denota o endereço IP para onde esta solicitação será redirecionada (120.0.0.0). A segunda seção designa o local para o qual queremos redirecionar uma solicitação de (exemplo.com). A seção final especifica um comentário para esta entrada. Nós estamos usando uma hashtag para dizer ao Windows 10 para ignorar o comentário ao ler o arquivo hosts local.

Após adicionar as informações do domínio, seu sistema irá resolver para o endereço IP que você especificou. No exemplo acima, nós estamos associando o exemplo de nome de domínio.com com o endereço IP 120.0.0.0.

Vale notar que alguns softwares empregam suas próprias técnicas para pesquisar nomes hosts. Isto significa que há sempre uma chance de que ele possa ignorar completamente o arquivo hosts.

DNS é a chave para localizar um site. 🔑 Com tanta coisa em jogo, fazer mudanças em seus registros DNS pode ser uma experiência de arrebentar os nervos. 😰 Aprenda como modificar com segurança seus arquivos hosts neste guia 👇Click to Tweet

O que acontece quando você modifica um arquivo hosts?

Quando você modifica seu arquivo hosts, faz com que sua máquina local olhe diretamente para o endereço IP especificado por você. Por exemplo, se você quisesse apontar meusite.com para o endereço IP 1.2.3.4.5, você adicionaria o seguinte:

1.2.3.4.5 meusite.com

Agora, toda vez que você tentar visitar meusite.com, você encontrará 1.2.3.4.5. Editando seu arquivo hosts, você pode substituir o DNS de um domínio apenas na sua máquina específica.

Neste artigo, nós estaremos nos concentrando em abrir seu arquivo hosts e adicionar entradas individuais. No entanto, também é possível substituir este arquivo por completo. Esta pode ser uma maneira fácil de bloquear sites maliciosos ou de spam em massa. Há até mesmo sites que publicaram listas prontas de endereços IP associados a anúncios, sequestradores, contadores de páginas e outras conexões indesejadas.

Você pode baixar uma dessas listas pré-preparadas e copiar/colar seu conteúdo em seu arquivo hosts existente. Alternativamente, você pode substituir o seu arquivo hosts nativo pelo arquivo recém-carregado. Se você optar por este último, então nós recomendamos manter uma cópia do seu arquivo original, caso você encontre algum comportamento estranho com sua substituição.

Por que você pode querer modificar o arquivo hosts do Windows 10

Você pode usar seu arquivo hosts para testar as mudanças relacionadas ao DNS sem ter que alterar seus registros DNS. Por exemplo, imagine que você tenha migrado para um novo servidor. Antes de atualizar suas configurações de DNS, é uma boa idéia verificar como seus domínios irão parecer e funcionar neste novo servidor.

No entanto, se você digitar seu nome de domínio atual, então ele será resolvido para o seu antigo servidor. Neste cenário, você pode modificar seu arquivo hosts para apontar o domínio para o IP do novo servidor.

Este arquivo também pode ajudar a testar a aparência do seu site em um servidor diferente quando o seu DNS ainda não se propagou. Em Kinsta nós fornecemos uma URL temporária (sitename.kinsta.cloud), mas isto não pode imitar tudo. Por padrão, por exemplo, um CDN não funcionará em uma URL temporária.

Você também pode usar o arquivo hosts para bloquear certos sites. Isto pode ser útil para empregadores que querem garantir que seus funcionários não estejam perdendo tempo em sites não autorizados como o Facebook, Twitter ou YouTube.

Embora existam menos maneiras técnicas de bloquear o acesso a sites não autorizados, muitos desses métodos são relativamente fáceis de serem revertidos. Por exemplo, uma criança com conhecimentos técnicos pode ter poucos problemas para contornar o controle dos pais, mas modificar o arquivo hosts requer um nível mais alto de conhecimento técnico.

Você pode levar isso um passo adiante e bloquear todos os sites que servem anúncios. Se você mapear os endereços de todos os principais provedores de anúncios para um endereço IP interno não utilizado, então o Windows 10 será incapaz de resolver estes endereços. Você pode então aproveitar a web, sem propagandas.

Finalmente, alguns terceiros maliciosos podem criar redirecionamentos alterando seu arquivo hosts. Isto é conhecido como um sequestro de arquivo hosts. Se você estiver encontrando redirecionamentos estranhos, então pode valer a pena checar seu arquivo hosts para ver se há entradas suspeitas.

Como fazer o Firefox honrar o arquivo hosts do Windows 10

Se você estiver usando Firefox para Windows, então o navegador Mozilla resolve endereços IP de forma ligeiramente diferente em comparação com os outros navegadores principais. Por padrão, o Firefox usa DNS-over-HTTPS (DoH).

Este é um protocolo para realizar resolução DNS remota via HTTPS. Com esta configuração ativada, o Firefox usará o servidor DOH como o resolvedor de nome primário, ao invés de verificar seu arquivo hosts locais ou resolvedor DNS.

Como resultado, o site exibido sempre apontará para o endereço IP que a Internet considera autoritário para aquele domínio. Mesmo se você editar seu arquivo hosts, suas alterações não terão qualquer efeito se o servidor DoH devolver um endereço IP funcional.

Há muitos ótimos navegadores compatíveis com o Windows 10 e que honram os arquivos hosts de forma imediata. No entanto, se você quiser ficar com o Mozilla Firefox, você sempre pode desativar o DoH.

Para começar, selecione o botão Menu no navegador Mozilla Firefox e vá para Configurações.

Selecione o botão Menu no navegador Mozilla Firefox e vá para Configurações.
Selecione o botão Menu no navegador Mozilla Firefox e vá para Configurações.

Na aba subsequente, certifique-se de que a opção Geral esteja selecionada. Em seguida, vá até a seção Configurações de Rede e clique em Configurações.

Configurações de rede no Firefox
Configurações de rede no Firefox

No popup que aparece, clique em Habilitar DNS sobre HTTPS. Em seguida, desmarque a caixa de acompanhamento.

Clique em habilitar o DNS sobre HTTPS
Clique em habilitar o DNS sobre HTTPS

Para salvar suas mudanças, clique em OK e então saia desta janela. A partir deste ponto, o Firefox irá honrar qualquer endereço personalizado que você adicionar ao seu arquivo hosts do Windows 10.

Como editar o seu arquivo hosts do Windows 10 (Em 3 passos)

Há muitas razões pelas quais você pode precisar editar este importante arquivo. Independentemente de você querer bloquear redes de publicidade, verificar um novo domínio ou realizar outros testes relacionados ao DNS, o processo será exatamente o mesmo.

Vamos ver como adicionar endereços personalizados ao arquivo hosts do Windows 10.

1. Encontre seu endereço IP

Muitas vezes, você vai querer mudar como o Windows 10 resolve o endereço de IP de um site que você possui. Para fazer esta modificação, você precisará saber o endereço de IP do seu site.

Se você é um cliente Kinsta, você pode recuperar esta informação facilmente usando o painel MyKinsta.

O painel MyKinsta
O painel MyKinsta

Encontre o domínio com o qual você quer trabalhar e clique nele. Na próxima tela, você encontrará algumas informações sobre este domínio, incluindo seu endereço IP.

Click on the "Sites" option in MyKinsta
Clique na opção “Sites” no MyKinsta

Alternativamente, você pode querer modificar como o Windows 10 resolve um endereço IP de terceiros. Você pode recuperar o endereço de IP de qualquer site usando o tracert.

O Tracert é tipicamente usado como uma ferramenta de diagnóstico de rede para ajudar a resolver problemas de conectividade de rede. No entanto, você também pode usá-lo para rastrear os caminhos que um pacote de dados leva da sua origem até o seu destino, o que revelará o endereço IP do site de destino.

Para iniciar o tracert, clique no ícone Iniciar, depois digite o prompt de comando na barra de pesquisa.

Type command prompt into the search bar
Digite o prompt de comando na barra de pesquisa

Quando o ícone do prompt de comando aparecer, dê um clique nele. Na janela subsequente, digite tracert seguido da URL do site em questão, por exemplo:

tracert site.com

Em seguida, pressione a tecla Enter no seu teclado. O prompt de comando irá então exibir o endereço IP do site.com em um colchete ao lado da URL.

2. Execute o bloco de notas como administrador

No Windows XP e anteriormente, editar o seu arquivo hosts era relativamente simples. Você poderia simplesmente adicionar uma exceção ao seu antivírus, abrir o arquivo hosts no aplicativo Notepad (Bloco de Notas) e então fazer suas alterações.

Entretanto, o Windows 10 adicionou algumas medidas de segurança para evitar que os usuários modifiquem acidentalmente este importante arquivo. Isto faz sentido, pois a edição do arquivo hosts pode potencialmente tornar seus sites favoritos inacessíveis. Na pior das hipóteses, ele pode até mesmo tornar a Internet inutilizável em sua máquina.

No Windows 10, as informações do hosts são armazenadas em um arquivo de texto simples na pasta interna do System32. Enquanto você não deve ter problemas para abrir este arquivo, quando você tenta salvar suas edições você pode encontrar o seguinte erro: “Você não tem permissão para salvar neste local. Entre em contato com o administrador para obter permissão”.

Se você quiser salvar suas mudanças, você vai precisar de acesso de administrador. A maneira mais rápida de conseguir isso é usar um aplicativo de texto que tenha privilégios elevados. Neste artigo, nós estaremos usando o Bloco de Notas.

Para iniciar, pressione a tecla Windows e digite Notepad (Bloco de Notas) no campo de pesquisa.

Pesquisar o aplicativo Notepad (Bloco de Notas)
Pesquisar o aplicativo Notepad (Bloco de Notas)

Em seguida, clique com o botão direito do mouse no Bloco de Notas e selecione Executar como Administrador. O Windows 10 irá agora perguntar se você quer permitir que este aplicativo faça mudanças no seu dispositivo. Selecione Sim.

Selecione Executar como Administrador
Selecione Executar como Administrador

Isto lança uma instância privilegiada do aplicativo Notepad. Note que você pode ser solicitado a digitar uma senha administrativa a fim de se re-autenticar.

Precisa de uma solução de hospedagem que lhe dê uma vantagem competitiva? A Kinsta tem você coberto com incrível velocidade, segurança de última geração e autoescala. Confira nossos planos!

3. Faça suas mudanças

Uma vez que você tenha o Bloco de Notas aberto no modo administrador, você está pronto para editar o arquivo host. Na barra de ferramentas do Bloco de Notas, selecione Arquivo > Abrir.

Selecione Arquivo e depois Abrir na barra de ferramentas do Bloco de Notas
Selecione Arquivo e depois Abrir na barra de ferramentas do Bloco de Notas

Então, navegue até C:WindowsSystem32driversetchosts. Alternativamente, você pode copiar/colar este caminho de arquivo na barra de endereço e então pressionar Enter.

Se você não vê o arquivo hosts no seu diretório /etc, você pode precisar mudar o tipo de filtro de arquivo. No Bloco de Notas, abra o menu suspenso Nome do arquivo e escolha Todos os arquivos.

Abra o menu suspenso Arquivo e escolha Todos os arquivos
Abra o menu suspenso Arquivo e escolha Todos os arquivos

Uma vez que você tenha o arquivo hosts em sua mira, você está pronto para editar. Se esta é a primeira vez que você abre este arquivo, você verá algum texto descrevendo o propósito do arquivo e como fazer modificações, por exemplo:

# This file contains the mappings of IP addresses to host names. Each

# entry should be kept on an individual line. The IP address should

# be placed in the first column followed by the corresponding host name.

# The IP address and the host name should be separated by at least one

# space.

Agora você pode adicionar seu endereço IP e hostname personalizados ao final deste arquivo. Se você estiver adicionando várias entradas, lembre-se de colocar cada entrada em uma linha separada. Assim que você estiver satisfeito com suas mudanças, você pode salvar e fechar o arquivo hosts.

Para garantir que seu computador reconheça suas edições, é uma boa idéia lavar o cache DNS. Se você não tiver uma janela de comandos aberta no momento, clique no botão Windows e procure por comandos. Na janela subsequente, digite o seguinte:

ipconfig /flushdns

Para limpar o cache DNS, pressione a tecla Enter. Uma vez que este processo esteja completo, o Windows 10 deve estar usando suas novas configurações de arquivo hosts. Alternativamente, reiniciar o seu computador deve ter o mesmo efeito.

Como bloquear seu arquivo hosts no Windows 10

Por padrão, você não pode editar o arquivo hosts sem privilégios de administrador. No entanto, não é impossível adquirir estes privilégios, especialmente para indivíduos com conhecimentos técnicos.

Se você está preocupado com edições não autorizadas, você pode adicionar uma camada extra de segurança ao seu arquivo hosts. Por exemplo, você pode estar usando o arquivo hosts para evitar que o pessoal acesse sites de mídia social e você está preocupado em que eles contornem suas restrições. Você também pode estar preocupado com ataques de sequestro de arquivos hosts.

Nestes cenários, você talvez queira considerar travar seu arquivo hosts. Embora esta precaução de segurança não seja à prova de balas, ela dissuadirá terceiros de adulterar o arquivo.

Para bloquear seu arquivo hosts, navegue até C:WindowsSystem32driversetchosts. Então, clique com o botão direito no arquivo e selecione Propriedades.

C:WindowsSystem32driversetchosts
C:WindowsSystem32driversetchosts

Na janela Propriedades, marque o arquivo hosts como somente leitura. Isto irá bloquear o arquivo e impedir que alguém o modifique.

Se você quiser remover este cadeado em qualquer ponto, simplesmente navegue de volta para a janela Propriedades. Você pode então remover esta restrição somente leitura.

Como restabelecer o seu arquivo hosts Windows 10

Você sempre pode remover entradas individuais do seu arquivo hosts. Simplesmente abra o arquivo no Bloco de Notas e exclua a linha em questão.

No entanto, às vezes você pode precisar reverter o arquivo do seu hosts para o seu estado original. Por exemplo, você pode ter feito vários ajustes no seu arquivo e não quer particularmente desmarcar cada uma dessas mudanças manualmente. Você também pode estar encontrando redirecionamentos estranhos, o que sugere que seu arquivo hosts se tornou corrompido.

Para reiniciar seu arquivo hosts de volta ao seu estado original, abra seu File Explorer. Na barra de endereço, ou digite ou copie/colar o seguinte:

%systemroot% system32driversetc

Em seguida, pressione a tecla Enter no seu teclado. Neste ponto, nós recomendamos renomear seu arquivo hosts original. Este arquivo então servirá como backup, caso você encontre algum problema com seu novo arquivo hosts. Você pode ser solicitado a tomar posse deste arquivo primeiro, dependendo de como os privilégios são configurados em seu computador.

O próximo passo é criar um novo arquivo hosts padrão. Para conseguir isso, crie um arquivo de texto no diretório %WinDir%system32driversetc, e nomeie esse arquivo como host.

Agora você pode copiar/colar o texto do arquivo hosts padrão do Windows, que é fornecido pela Microsoft:

# Copyright (c) 1993-2009 Microsoft Corp.

#

# This is a sample HOSTS file used by Microsoft TCP/IP for Windows.

#

# This file contains the mappings of IP addresses to host names. Each

# entry should be kept on an individual line. The IP address should

# be placed in the first column followed by the corresponding host name.

# The IP address and the host name should be separated by at least one

# space.

#

# Additionally, comments (such as these) may be inserted on individual

# lines or following the machine name denoted by a '#' symbol.

#

# For example:

#

# 102.54.94.97 rhino.acme.com # source server

# 38.25.63.10 x.acme.com # x client host

# localhost name resolution is handled within DNS itself.

# 127.0.0.1 localhost

# ::1 localhost

Salve este arquivo. Como sempre, você pode precisar reiniciar o seu computador ou limpar o seu cache DNS para que estas mudanças tenham efeito.

Preocupado em testar mudanças relacionadas ao DNS? 😅Não se preocupe. 😄 Aprenda como usar seu arquivo hosts locais para visualizar as edições sem colocar seu site em risco 👇Click to Tweet

Resumo

Fazer mudanças nos seus registros DNS pode parecer um esforço estressante. No entanto, como discutimos neste artigo, você pode testar com segurança seu arquivo hosts local sem colocar seus registros ao vivo em risco. No Windows 10, você pode fazer isso encontrando seu endereço IP, rodando o Bloco de Notas como administrador e, em seguida, fazendo suas alterações.

Se você gostou deste tutorial, então você vai adorar nosso suporte. Todos os nossos planos de hospedagem incluem suporte 24/7 de nossos desenvolvedores e engenheiros WordPress de classe mundial. Nós podemos fornecer a ajuda que você precisa para ter sucesso, independentemente de serem 2:00 da manhã ou 2:00 tarde.


Economize tempo, custos e otimize o desempenho do seu site com:

  • Ajuda instantânea de especialistas em hospedagem do WordPress, 24/7.
  • Integração do Cloudflare Enterprise.
  • Alcance global com 32 centros de dados em todo o mundo.
  • Otimização com nosso monitoramento integrado de desempenho de aplicativos.

Tudo isso e muito mais em um plano sem contratos de longo prazo, migrações assistidas e uma garantia de 30 dias de devolução do dinheiro. Confira nossos planos ou entre em contato com as vendas com as vendas para encontrar o plano certo para você.