Todo mundo deseja ter rankings altos no Google.

Afinal, é assim que a maioria das pessoas determina se um website tem sucesso ou não. Mas há uma métrica que costuma ser ignorada ou sobre a qual as pessoas não têm muito conhecimento:

O Alexa Rank.

Saber (ou conhecer) o Alexa Rank do seu website pode te ajudar a melhorá-lo e a receber mais tráfego.

Neste artigo, você aprenderá tudo o que precisa saber sobre o Alexa Rank, como ele é calculado, como melhorá-lo, quais são os principais sites e muito mais.

Mas o que significa para um website ter um Alexa Rank alto?

De forma simples, quanto menor o Alexa Rank, melhor é o seu tráfego (estimado).

Vamos entender melhor.

O que é Alexa Rank? (Detalhado)

Alexa Rank é um sistema de ranqueamento global (e uma empresa subsidiária da Amazon.com) que usa dados de tráfego na web para listar os websites mais populares.

Ranking de tráfego segundo o Alexa

Ranking de tráfego segundo o Alexa

Ele classifica, literalmente, milhões de websites em ordem de popularidade, sendo que quanto mais baixo é seu Alexa Rank, mais popular é seu site (pelo menos de acordo com o Alexa). Ele também observa o desempenho de um website em relação aos demais sites, transformando-o em um KPI útil de benchmarking ou para análise de concorrência.

Já se perguntou o que é o Alexa Rank e como ele é calculado? 👨‍🏫 Aprenda tudo sobre ele para fortalecer sua estratégia de SEO! Click to Tweet

Como Funciona o Alexa Rank?

O Alexa Rank é calculado através da combinação do tráfego estimado de um site e o engajamento estimado nos últimos três meses. O tráfego e o engajamento são estimados a partir de dados oferecidos por sua barra de ferramentas. Ela monitora o comportamento de navegação dos usuários, que funciona como uma amostra de todos os usuários da Internet.

Se você deseja contribuir com os dados para o ranking, basta fazer o download e instalar a barra de ferramentas Alexa:

Barra de ferramentas Alexa para Chrome

Barra de ferramentas Alexa para Chrome

Tal barra exibirá o Alexa Rank do website visitado. Ela também enviará dados de tráfego para o servidor central, registrando seu endereço IP e a URL que estiver visitando.

Como Alexa Rank É Calculado?

Abordamos esse tema rapidamente no começo do artigo, mas agora vamos entrar em maiores detalhes.

De acordo com o website oficial do Alexa, o ranking é calculado através de uma combinação da média diária estimada de visitantes únicos do site e o número estimado de visualizações de páginas do site nos últimos três meses.

Os dados para o sistema de ranqueamento são baseados no tráfego oferecido por seu “painel global de dados”. Eles são reunidos junto a usuários de internet que usam uma das extensões de navegador disponíveis para Google Chrome, Firefox, Internet Explorer, etc.

O algoritmo do Alexa Rank faz a auditoria de um site e calcula a frequência das visitas. Se o mesmo usuário visita um website mais de uma vez no mesmo dia, ela é computada como uma única visita.

Os parâmetros usados para medir o ranking de um site individual são baseados em dois fatores:

  • Visitantes únicos diários: o tráfego/número de usuários Alexa que visitam um site durante o dia.
  • Média de visualizações de página:número de vezes que uma página ou URL em particular é visitada por usuários Alexa.

A partir daí, o site com a maior combinação de visitantes únicos e visualizações de página é classificado como Número 1.

(Ei, se estiver curioso, saiba que o site número 1 começa com a letra G e rima com o final oogle).

O algoritmo também procura por potenciais vieses e emendas em seus rankings, para compensar os visitantes que não estejam incluídos no painel de medição do Alexa.

Também já foi dito que o Alexa utiliza dados de terceiros para oferecer uma visão mais ampla dos usuários da Internet.

O Alexa Rank É Preciso?

Embora o Alexa Rank possa ser uma boa forma de comparar o desempenho de um website em relação a outro, suas estatísticas não são, necessariamente, as mais precisas.

Na verdade, algumas pessoas fizeram comparações entre Alexa e Google Analytics e chegaram à conclusão de que Alexa não oferece dados precisos. Alguns sites que apresentaram muito mais visualizações de páginas que outros receberam uma classificação pior no Alexa Rank (GA: 153.177 & Alexa: 346.890 versus GA 3.852 & Alexa: 194.636). Lembre-se que quanto mais baixo o ranqueamento, melhor.

Alexa versus Google Analytics

Alexa versus Google Analytics (Fonte da imagem: Marketing4Restaurants.com)

Isso provavelmente ocorre porque o Google tem uma cobertura muito mais ampla que o Alexa, já que nem todo mundo tem a barra de ferramentas Alexa instalada realizando esse monitoramento.

Devido a essa cobertura menor, considere o Alexa Rank como uma visão geral para propósitos de comparação, não como um panorama completamente preciso de um website.

O Alexa Rank Pode Ser Manipulado?

De acordo com o Search Engine Journal, você consegue manipular o Alexa Rank do seu website. Ao criar uma função JavaScript para abrir uma matriz de endereços a partir do seu website, se torna possível aumentar artificialmente seu Alexa Rank. O objetivo é fazer com que cada endereço abra em uma janela separada, aumentando assim as visualizações de página.

Claro, isso não é algo recomendado devido à terrível experiência de usuário que causa. Quantas vezes você foi incomodado por um daqueles sites que fazem com que seja necessário clicar em várias páginas apenas para ler um único artigo?

É muito irritante. Não seja dessa forma.

No entanto, a melhor e mais recomendada forma de melhorar o ranqueamento é escrever conteúdo bom regularmente, que atraia o tráfego certo para seu site. Sabe como é, SEO 101.

Impulsionar artificialmente seu Alexa Rank é uma estratégia que funciona apenas a curto prazo. E assim como muitas correções rápidas, ela não permanecerá no longo prazo.

Como Vejo o Alexa Rank do Meu Site? (Dica: Use Esse Verificador de Ranking)

Verificar o Alexa Rank do seu website é muito simples. Basta acessar o verificador de ranking oficial do Alexa, inserir a URL do site que deseja verificar e clicar em “Encontrar” (“Find”):

Verificador de rankings Alexa

Verificador de rankings Alexa

Em seguida, você poderá fazer outra pesquisa ou visualizar as estatísticas do site:

Verificador de rankings Alexa: resultados

Verificador de rankings Alexa: resultados

Se você deseja verificar diversos rankings (até cinco URLs de uma única vez), pode usar esse verificador de rankings em massa. Novamente, basta colocar suas URLs e pesquisar:

Verificar múltiplos Alexa Ranks

Verificar múltiplos Alexa Ranks

Quais São os Prós e Contras do Alexa Rank?

Certo, já vimos do que se trata, sua precisão e como visualizá-lo, mas quais são os prós e contras do Alexa Rank? Vejamos mais de perto:

Prós

Aqui estão algumas formas com as quais o Alexa Rank é útil:

  • Se seu site ganha dinheiro através de anúncios, um Alexa Rank alto pode possibilitar que você cobre mais pelos espaços publicitários.
  • Você pode receber uma estimativa de tráfego rápida dos websites dos seus competidores, com os quais é possível comparar seu próprio site.
  • Potencial de atrair escritores convidados de maior qualidade, que desejam contribuir com artigos para sites com rankings melhores.
  • Insights sobre o desempenho do seu website, o que seria útil para ajudar em demais atividades de SEO/marketing.

Contras

Aqui estão algumas formas nas quais o Alexa Rank não é útil:

  • Dados limitados apenas a usuários que têm a barra de ferramentas instalada. Assim, há muitos sites que recebem rankings ruins apesar de terem tráfego alto.
  • Pode ser manipulado facilmente (conforme mencionamos), tornando os rankings não confiáveis.
  • Subdomínios e subpáginas não são ranqueados separadamente, apenas o domínio de nível superior. Assim, pode haver algumas imprecisões nesse aspecto.

Em geral, os rankings mostrados pelo Alexa têm seus prós e contras, mas ainda há incentivo suficiente para que você os monitore (e os melhore).

Mas como é possível melhorá-los? Fico feliz que você tenha perguntado.

Como Melhorar Seu Alexa Rank (5 Dicas Rápidas)

Conforme mencionamos, você pode melhorar o Alexa Rank do seu website sem manipulá-lo. Mas qual é a forma mais rápida?

Aqui estão algumas dicas úteis:

#1 Otimize Seus Metadados

Assim como nas melhores práticas de SEO, você deve adicionar metadados (títulos de página + descrições meta) ao seu site, para que o Alexa (e o Google) saiba do que ele se trata.

Metadados em SERPs

Metadados em SERPs

#2 Escreva Conteúdo que as Pessoas Queiram Ler

Atrair pessoas para seu website com conteúdo de alta qualidade é ótimo por diversas razões: melhora o SEO, traz público ao seu site e permite que você tenha um ranqueamento em palavras-chave que gerem receita. Também aumenta suas chances de receber visitas de pessoas com a barra de ferramentas Alexa instalada, resultando em um ranking melhor.

Afinal, 70% dos usuários da Internet desejam conhecer produtos através de conteúdo:

70% dos usuários desejam aprender sobre produtos através de conteúdo, os invés de ver anúncios tradicionais

70% dos usuários desejam aprender sobre produtos através de conteúdo, os invés de ver anúncios tradicionais

#3 Atualize Seu Site Regularmente

Mantenha seu site atualizado com conteúdo novo (e que as pessoas desejem ler). Seja você um blogueiro, desenvolvedor ou dono de um pequeno negócio, é importante melhorar o engajamento ao produzir conteúdo útil com regularidade.

Conteúdo recentemente publicado no Blog da Kinsta

Conteúdo recentemente publicado no Blog da Kinsta

#4 Compartilhe Seu Conteúdo nas Mídias Sociais

Escrever conteúdo para seu site é muito bom, mas você também deve promovê-lo em canais relevantes das mídias sociais. O ideal é que você vise plataformas que sejam frequentadas por seu público-alvo. Com 3,2 bilhões de usuários diários em mídias sociais, não se deve perder a chance de atrair os olhares dessas pessoas para seu site.

3,2 bilhões de usuários diários de mídias sociais

3,2 bilhões de usuários diários de mídias sociais

#5 Aumente o Tráfego da Web

Essa provavelmente será a etapa mais difícil. Aumentar seu tráfego não acontecerá do dia para a noite. Isso exige esforço constante para criar conteúdo (e não se esqueça de conseguir snippets em destaque), manutenção de um website saudável e receber backlinks de alta qualidade para seu site.

Ah! E certifique-se de ter uma hospedagem que seja capaz de lidar com aumentos de tráfego.

Aumentos de tráfego no Alexa

Aumentos de tráfego no Alexa

Quais São os 10 Websites Mais Populares? (Conforme Classificados pelo Alexa)

Antes de concluirmos este artigo, caso esteja interessado, o Alexa mantém uma lista dos principais sites da web, juntamente com pontos de dados sobre eles, como média diária de tempo no site, média diária de visualizações de página por visitante, média da porcentagem de tráfego vindo de pesquisa e média do total de sites com links para a página.

Aqui está o top 10 dos sites ranqueados pelo Alexa:

  1. Google.com
  2. Youtube.com
  3. Facebook.com
  4. Baidu.com
  5. Wikipedia.org
  6. Qq.com
  7. Taobao.com
  8. Tmall.com
  9. Yahoo.com
  10. Amazon.com

Resumo

É justo dizer que o Alexa Rank pode oferecer dados úteis para comparações de websites. Apenas não baseie demais seu trabalho de marketing ao redor dele, pois não é tão preciso quanto uma ferramenta como o Google Analytics.

Pense nele como uma ferramenta complementar para fortalecer sua estratégia de SEO. Apenas lembre-se:

Quanto menor o Alexa Rank, melhor é o tráfego (estimado).

8
Shares