A revisão é algo a que muitas vezes não é dada a prioridade que merece. É fácil deixá-la para a última hora, e depois ser forçada a fazê-lo rapidamente. Mas a revisão é importante e deve ser vista como um passo crucial no processo de escrita que requer um bom bloco de tempo. ⌛

Não há nada pior do que criar um post de blog realmente interessante, só para perceber uma vez que tenha subido que você perdeu alguns erros. A revisão não tem que ser difícil, só requer tempo e algumas boas estratégias. Aqui estão algumas boas maneiras de revisar seu blog WordPress.

Proofreading helps you look professional and avoid the grammar police! 🚓 Confira estas dicas.Click to Tweet

1. Revisado pela manhã

Ok, então nem todo mundo é uma pessoa matutina. Independentemente de como seja sua agenda, faça sua revisão no início do dia. Fazer sua revisão no início do dia de trabalho significa que você estará mais alerta e bem desperto. Não revise se estiver cansado, é muito mais provável que você perca algo ou cometa um erro. Muitas pessoas se sentem sonolentas à tarde, quando sua cafeína começa a se desgastar.

Cansado (Fonte de imagem:

Cansado (Fonte de imagem: SayingImages.com)

Conclusão: sempre que você estiver mais desperto, este é o momento de revisar.

2. Faça uma pausa e volte a ela

Como escreve Madeline Jones, revisora da Academized:

Uma vez que você tenha terminado de escrever e sinta que está pronto para começar a editar, é uma boa idéia ir embora por um pouco de tempo. Neste momento, seu cérebro está muito acostumado com o que você tem escrito para fazer um trabalho de edição adequado.

É muito provável que você perca alguns erros porque você está olhando para esta peça escrita há algum tempo. Volte com os olhos frescos algumas horas depois, ou mesmo alguns dias depois, se você tiver o luxo. A edição com olhos frescos permite que você realmente olhe as palavras com uma sensação de desapego, lendo o que está lá, ao invés do que você quis escrever.

Isto é especialmente importante naquelas peças de conteúdo super longas de mais de 10.000 palavras! 😉

3. Preste atenção especial à pontuação

A pontuação ruim apenas parece ruim. Cuidado com os apóstrofos e períodos equivocados. Os ponto e vírgula também são uma coisa com a qual muitas pessoas parecem ter dificuldades. Lembre-se de que um ponto-e-vírgula é usado para ligar duas cláusulas independentes intimamente relacionadas em uma única frase.

Aqui está um exemplo:

Tenho um blog enorme para publicar amanhã; não posso jogar Xbox hoje à noite.

As duas cláusulas acima são separadas por ponto e vírgula, mas poderiam funcionar como suas próprias sentenças se, em vez disso, fosse colocado um período entre elas:

Tenho um blog enorme para publicar amanhã. Não posso jogar Xbox hoje à noite.

Se você os achar confusos, é melhor evitá-los. Você pode escrever um post de blog perfeitamente bom sem usar um ponto-e-vírgula único.

Outro blogueiro às vezes se debate com as palavras a serem capitalizadas em um título ou cabeçalho. Existem quatro estilos principais de capitalização de título: estilo Chicago, estilo APA, estilo MLA, e estilo AP. Não há seleção certa ou errada, mas escolha uma e fique com ela para que sua escrita seja a mesma. Você sempre pode verificar seu trabalho em uma ferramenta on-line gratuita como Capitalizar meu título. Marque isto em seu navegador para quando você estiver escrevendo.

Capitalizar títulos

Capitalizar títulos

O uso correto da pontuação faz toda a diferença em um pedaço de escrita.

4. Acompanhe com seu dedo ou mouse

Uma das coisas mais importantes envolvidas na revisão efetiva é a leitura lenta. Muitas pessoas lutam contra isso, mas há maneiras de diminuir a velocidade das coisas. Uma maneira é apontar para cada palavra com seu dedo indicador enquanto você lê. Outro hábito popular que alguns escritores usam é o de destacar as palavras com o mouse à medida que vão lendo. Ao fazer isso, você será capaz de se concentrar em cada palavra.

O impulso natural é a brisa através do seu documento enquanto você revisa. Você se sente como se estivesse quase pronto e só precisa rever rapidamente seu trabalho antes de apresentá-lo. Mais devagar, você vai agradecer a si mesmo mais tarde. 👏

5. Livre-se de Distrações e Mantenha-se Focado

Yolanda Fite, editora da AustralianHelp,sugere o seguinte:

Faça sua revisão em um lugar tranqüilo e livre de distrações. Desligue seu telefone celular, afaste-se da mídia social e desligue a TV. Coloque-se em um ambiente onde é pouco provável que você seja interrompido.

Às vezes isso pode até significar desligar-se completamente da Internet, imprimir seu documento, fechar o laptop e editar com uma caneta. É também uma boa idéia ter um tempo de edição claramente definido, ao contrário da edição em movimento. Se você edita enquanto vai, vai estar constantemente mudando os modos de escrita para a edição. Trocar modos como esse pode distrair e fazer com que as coisas fiquem perdidas.

Também é fácil de se desviar e não focar completamente enquanto você está fazendo a revisão. Se você encontra sua mente vagando enquanto está editando, então você precisa encontrar uma maneira de se reorientar. Você não pode fazer uma boa revisão se estiver prestando atenção apenas parcialmente. A revisão é um momento em que você precisa estar atento porque é muito fácil perder um erro. Monitore você mesmo, e se você se encontrar à deriva, é importante voltar e reexaminar a seção que você estava revisando.

Tente bater seu pé ou mão enquanto lê cada palavra para se manter concentrado. Às vezes você só precisa se levantar e esticar, tomar um pouco de ar fresco e voltar alguns minutos depois. Muitas vezes é tentador querer apenas continuar até terminar, mas a qualidade do seu post sofrerá se você estiver revisando enquanto estiver cansado ou distraído.

Às vezes ajuda tomar notas enquanto você escreve, para que você permaneça no modo escrito e não se distraia e perca seu fluxo ou trem de pensamento. É muito mais fácil voltar mais tarde, olhar para as anotações e depois fazer suas correções.

Aproveite os comentários em @googledocs para quando você der sua revisão final no seu blog. ✏️Click to Tweet

6. Esteja certo de que você tem permissão para usar o material

Seu blog pode realmente se beneficiar da inclusão de material de outras pessoas cujos conhecimentos e opiniões você respeita. Apenas tenha certeza de que está tudo bem antes de usá-lo para melhorar seu post no blog. Deve ser óbvio, mas o plágio não está bem. Se você vai usar o material de outra pessoa, você precisa citá-lo como autor original ou pedir sua permissão se você não tiver certeza.

7. Descubra quais são suas fraquezas

Descubra quais são seus erros mais freqüentes. Até mesmo escritores experientes lhe dirão que eles têm erros específicos aos quais tendem. Talvez você tenha problemas para misturar “dois”, “também” e “para”, ou você tenha o mau hábito de colocar o apóstrofo incorretamente. Quaisquer que sejam suas fraquezas, o mais importante é que você as identifique para que possa prestar atenção especial a elas ao revisá-las.

Comece a trabalhar em uma lista dos seus erros comuns, e mantenha-a com você enquanto você a revisa como um lembrete. Ter a lista à mão também lhe poupará o trabalho de consultá-la on-line. O Google Keep e Evernote são ótimos para este tipo de listas.

8. Peça que alguém mais leia sobre seu trabalho

Se você puder, peça a um amigo, colega de trabalho ou membro da família que leia sobre seu post. Não há nada como um par de olhos verdadeiramente frescos olhando sobre sua escrita. Alguém que não esteja familiarizado com o material do assunto tem muito mais chances de identificar inconsistências ou áreas que exijam mais explicações. Como você está tão familiarizado com sua escrita e seu tema, seu cérebro pode facilmente preencher pontos onde seu post carece de explicação. Traga alguém que não esteja familiarizado e ele será capaz de lhe dar feedback que tornará seu post mais acessível para o leitor médio.

9. Leia-o em voz alta

Cornelia Jefferson, escritora da PaperFellows aconselha:

Leia sua escrita em voz alta em vez de silenciosamente. Ler em voz alta o ajudará a identificar frases que não fluem bem, ou que geralmente são apenas desajeitadas de ler. É também uma boa maneira de determinar quais de suas frases são muito longas.

A edição lendo silenciosamente em sua cabeça é muito menos provável que encontre este tipo de deficiências. É muito mais óbvio quando se lê em voz alta que algo está errado. Ao ler em voz alta você está se colocando na posição do seu leitor e isso faz com que a escrita seja mais facilmente compreensível e agradável.

10. Alterar a fonte

Parece muito simples, mas às vezes uma simples mudança é tudo o que você precisa. Tente mudar a fonte ou imprimir seu correio antes de editá-lo. Seus olhos se acostumaram muito com a fonte que você digitou. Você está olhando para essa fonte há horas, então mude um pouco as coisas para que você esteja olhando para ela de novo. Você pode tentar mudar as margens também. O que importa é que a escrita pareça diferente, para que você possa abordá-la como algo que você nunca viu antes. É fácil começar a escumar seu post sem querer, porque você já olhou para ele tantas vezes.

Às vezes pode ser bom sair do editor do WordPress e usar uma ferramenta diferente. 🤓 Para aqueles que estão no MacOS, o aplicativo Bear é fantástico e as fontes são lindas (não deixe de ler nosso guia detalhado sobre fontes WordPress)! Ele também pode ser exportado para markdown, HTML, etc. para uma fácil transferência para o WordPress. Ou você pode tentar mergulhar em Gutenberg.

Bear writer app (Fonte de imagem: Bear)

Bear writer app (Fonte de imagem: Bear)

11. Verifique duas vezes suas preposições

As preposições são palavras como sob, sobre, com e depois. Elas são usadas para descrever a posição de algo, a hora em que algo aconteceu, e a maneira como algo é feito. As preposições podem ser difíceis, especialmente se o inglês não for sua primeira língua, porque não são necessariamente lógicas. O casal chegou no domingo, ou chegou no domingo? Se você estiver tendo problemas, ferramentas como o Google Ngram Viewer podem mostrar em um gráfico qual é o caminho mais comumente utilizado. Você também deve consultar um dicionário se estiver inseguro sobre o significado de uma palavra e como usá-la.

12. Revisado em Etapas

Uma boa maneira de evitar erros ausentes é revisar em etapas, em vez de tentar observar tudo de uma só vez. Revisar uma vez para erros ortográficos, depois novamente para fluxo, novamente para pontuação, novamente para gramática, e assim por diante. Concentrar-se em um tipo de erro de cada vez deve dar-lhe uma taxa muito maior de precisão. Crie um sistema para que você não perca nada. Apenas certifique-se de ter dado a si mesmo muito tempo porque este método obviamente será mais demorado.

Lutando com tempo de inatividade e problemas no WordPress? Kinsta é a solução de hospedagem projetada para economizar seu tempo! Confira nossos recursos

Não confie 100% em um corretor ortográfico, pois eles não são perfeitos; você vai querer fazer da ortografia uma de suas etapas. Um corretor ortográfico não pode ler sua mente e saber que você estava tentando soletrar “aflição”, e não “afeição”. Embora ferramentas como a Gramática possam ajudar a detectar erros comuns à medida que você avança. Especialmente se você estiver revisando quando não estiver mais desperto. Mas lembre-se, você não deve fazer isso. 😉

Exemplo gramatical

Exemplo gramatical

Outra grande pequena ferramenta que você deve conferir é o Editor Hemingway. Ele destaca sentenças longas e complexas e erros comuns.

Editor Hemingway

Editor Hemingway

13. Veja suas contrações

É ou é deles? A maioria dos escritores sabe a diferença, mas quando você está digitando milhares de palavras em um dia, erros acontecem, e a verificação ortográfica não os sinaliza. Fique de olho em sua/seu e em outras contrações. Falhá-las pode realmente fazer sua escrita parecer amadora. A polícia gramatical vai encontrá-lo! 🚓

Polícia gramatical

Polícia gramatical (Fonte de imagem: Rysis on DeviantArt)

14. Tente ler para trás

Uma boa maneira de revisar é simplesmente ler seu post para trás. Quando você lê para trás, não há fluxo e por isso você está se concentrando em cada palavra individual. Você será capaz de se concentrar na ortografia correta de cada palavra em vez de se distrair com o que se trata a frase. Este método leva bastante tempo, portanto é apenas mais um motivo para priorizar a conclusão de sua escrita bem antes do tempo para que você tenha tempo suficiente para a revisão.

15. Recursos online podem ajudá-lo a ler

A revisão é algo que poucas pessoas gostam de fazer, mas é uma habilidade importante para qualquer escritor. É comum lutar contra a revisão, mas existem muitos recursos que você pode usar para melhorar suas habilidades.

16. Títulos, Títulos e Listas

Muitas pessoas se esquecem de revisar seus títulos, títulos e listas. Certifique-se de revisar tudo. Para alguns, isso ajuda a fazer destas uma das etapas de revisão, para garantir que elas não sejam esquecidas. Cabeçalhos e títulos são fáceis de esquecer, mas se houver um erro, será completamente óbvio para as pessoas que os lerem. Não se esqueça de verificar duas vezes qualquer lista em seu post e garantir que os números estejam na ordem correta, e que não faltem números.

17. Essas mudanças de última hora

Às vezes, quando você está na fase de revisão, você percebe que precisa acrescentar uma ou duas frases para maior clareza. Ao fazer isso, é importante que você volte e releia o parágrafo para ter certeza de que tudo se encaixa. É comum que os escritores adicionem informações e depois esqueçam de voltar e ajustar outras palavras relacionadas no parágrafo. Certifique-se de editar aquelas frases adicionais que você acrescenta na fase de revisão.

18. Verifique duas vezes seus fatos, nomes e lugares

É importante que você consiga acertar seus fatos. Ferramentas como o corretor ortográfico não podem ajudá-lo aqui. Você precisa fazer uma verificação dos fatos. Certifique-se de ter usado os nomes corretos para quaisquer lugares ou pessoas que você tenha mencionado em seu post. Se você estiver citando estatísticas, certifique-se de tê-las acertado e de ter incluído citações apropriadas.

Seu post pode ser totalmente minado se você se esquecer de fazer isso, e deixar seu leitor com a impressão de que você nem sabe o que é a capital da Austrália (dica: não é Sydney 😉) Um passo rápido de verificação de fatos não precisa levar muito tempo e pode fazer toda a diferença em termos de sua credibilidade. Basta ter certeza de que você tem algumas fontes de qualidade nas quais pode confiar.

19. Não esqueça sua formatação

Faça sua formatação no final, mas não se esqueça disso. Verifique se o espaçamento de parágrafos, as balas, as listas, os textos, as reentrâncias, etc. estão todos formatados corretamente. Você vai querer deixar esta etapa para o final, porque as coisas podem mudar durante o processo de revisão. Mantenha sua formatação consistente. Se você fizer uma manchete em negrito uma vez, continue fazendo isso durante todo o seu artigo. Escolha um estilo que você gosta e mantenha-se fiel a ele.

Resumo

A revisão não tem que ser difícil. Se você se der tempo suficiente e usar algumas estratégias, seus posts no blog serão profissionais. Descubra quais são suas fraquezas e concentre-se especificamente nessas áreas. Faça uma pausa quando terminar de escrever, antes de começar a revisar. Cuidado com as contrações, formatações e preposições.

Aprenda como diminuir a velocidade e ler cada palavra individualmente. Se isso significa apontar com seu dedo indicador, ou ler tudo para trás, então tudo bem. Não deixe que um processo de revisão de uma subparte prejudique o que poderia ter sido um ótimo post no blog. Tenha o hábito de deixar bastante tempo para polir seu post no blog antes da submissão. Descubra o que funciona para você, e esteja preparado para investir algum tempo em seu processo de revisão.

Tem outras dicas de revisão ou truques que você usa ao escrever seus posts no blog? Informe-nos o que eles estão abaixo nos comentários.


Se você gostou deste artigo, então você vai adorar a plataforma de hospedagem WordPress da Kinsta. Turbine seu site e obtenha suporte 24/7 de nossa experiente equipe de WordPress. Nossa infraestrutura baseada no Google Cloud se concentra em escalabilidade automática, desempenho e segurança. Deixe-nos mostrar-lhe a diferença Kinsta! Confira nossos planos