As bibliotecas e estruturas (frameworks) JavaScript facilitam o desenvolvimento de sites e aplicativos com características e funcionalidades abrangentes – tudo graças às características dinâmicas, flexíveis e envolventes do JavaScript. De acordo com uma pesquisa StackOverflow de 2020, o JavaScript continua sendo a linguagem de programação mais utilizada (para o 8º ano), com 67,7% dos entrevistados usando-o.

Sua versatilidade favorece tanto o desenvolvimento back-end quanto o front-end, além de testá-los. Como resultado, você pode encontrar muitas bibliotecas e estruturas (frameworks) JavaScript que servem a vários propósitos. Portanto, pode ser confuso para os desenvolvedores ao escolher o ajuste certo para seu projeto.

Mas não se preocupe! Compilamos um total de 40 bibliotecas e estruturas (frameworks) JavaScript neste artigo, juntamente com suas características, benefícios e casos de uso. Fique atento para saber mais sobre elas e decidir qual delas é adequada para seu projeto.

O que são bibliotecas JavaScript?

As bibliotecas JavaScript contêm várias funções, métodos ou objetos para realizar tarefas práticas em uma página web ou aplicativo baseado em JS. Você pode até mesmo construir um site WordPress com eles.

Pense neles como uma biblioteca de livros onde você revisita para ler seus livros favoritos. Você pode ser um autor e apreciar os livros de outros autores, obter uma nova perspectiva ou idéia e utilizar o mesmo em sua vida.

Da mesma forma, uma biblioteca JavaScript tem códigos ou funções que os desenvolvedores podem reutilizar e redirecionar. Um desenvolvedor escreve esses códigos, e outros desenvolvedores reutilizam o mesmo código para realizar uma determinada tarefa, como preparar um slideshow, em vez de escrevê-lo do zero. Isso os economiza tempo e esforço significativos.

Eles são precisamente o motivo por trás da criação de bibliotecas JavaScript, e é por isso que você pode encontrar dezenas delas para casos de uso múltiplo. Elas não apenas economizam seu tempo, mas também trazem simplicidade a todo o processo de desenvolvimento.

Você sabia que o JavaScript foi nomeado a linguagem de programação mais usada por 8 anos consecutivos? 😲 Veja os 40 melhores estruturas (frameworks) e bibliotecas JavaScript para usar em seu próximo projeto aqui mesmo 👩‍💻Click to Tweet

Como usar as bibliotecas JavaScript

Para usar uma biblioteca JavaScript em seu aplicativo, adicione <script> ao elemento <head> usando o atributo src que referencia o caminho da fonte da biblioteca ou a URL.

Leia a documentação da biblioteca JavaScript que você pretende usar para obter mais informações e siga os passos ali fornecidos.

Para que são usadas as bibliotecas JavaScript?

Como já dissemos, as bibliotecas JavaScript são usadas para executar funções específicas. Há cerca de 83 delas, cada uma criada para servir a algum propósito, e vamos cobrir parte de sua usabilidade nesta seção.

Você pode usar as bibliotecas JavaScript para:

A visualização de dados em aplicativos é crucial para que os usuários possam visualizar claramente as estatísticas no painel de administração, painéis de controle, métricas de desempenho e muito mais.

A apresentação desses dados em gráficos e mapas ajuda a analisar esses dados facilmente e a tomar decisões comerciais informadas.

Exemplos: Chart.js, Apexcharts, Algolia Lugares

Document Object Model (DOM) representa uma página web (um documento) como objetos e que você pode modificar usando JavaScript. Você pode modificar seu conteúdo, style e structure.

Exemplos: jQuery, Umbrella JS

Com a enorme quantidade de dados que as empresas agora lidam diariamente, é essencial tratá-los e gerenciá-los adequadamente. O uso de uma biblioteca JavaScript facilita o manuseio de um documento seguindo seu conteúdo, ao mesmo tempo em que acrescenta mais interatividade.

Exemplos: D3.js

Um gerenciamento eficaz do banco de dados é necessário para ler, criar, excluir, editar e classificar dados. Você também pode usar consultas sofisticadas, criar automaticamente tabelas, sincronizar e validar dados, e muito mais.

Exemplos: TaffyDB, ActiveRecord.js

Use as bibliotecas JS para simplificar as funções dos formulários, incluindo validação de formulários, sincronização, manuseio, capacidades condicionais, controles de campo, transformação de layouts, e muito mais.

Exemplos: wForms, LiveValidation, Validanguage, qForms

As pessoas adoram animações, e você pode aproveitá-las para tornar sua página web interativa e mais envolvente. Adicionar micro-interações e animações é fácil, usando bibliotecas JavaScript.

Exemplos: Anime.js, JSTweener

Os usuários podem adicionar efeitos às imagens e fazê-las sobressair usando as bibliotecas JS. Os efeitos incluem embaçamento, clareamento, relevo, nitidez, escala de cinza, saturação, tonalidade, ajuste de contraste, inverter, inverter, reflexão, etc.

Exemplos: ImageFX, Reflection.js

Os usuários podem incorporar qualquer fonte que desejarem para tornar sua página web mais atrativa com base no tipo de conteúdo.

Exemplos: typeface.js

Adicionar expressões matemáticas, data, hora e strings pode ser complicado. Por exemplo, uma data consiste de muitos formatos, cortes e pontos para tornar as coisas complexas para você. O mesmo se aplica quando se trata de matrizes e vetores.

Use bibliotecas JavaScript para simplificar essas complexidades, além de manipular URLs sem esforço.

Exemplos: Date.js, Sylvester, JavaScript URL Library

Você pode proporcionar uma melhor experiência ao usuário através de páginas web tornando-as mais ágeis e dinâmicas, diminuindo o número de operações DOM, aumentando a velocidade da página, e assim por diante.

Exemplos: ReactJS, Glimmer.js

E esses são apenas os casos de uso mais comum. Outros usos das bibliotecas JavaScript incluem:

As Mais Populares Bibliotecas JavaScript

jQuery

jQuery é uma biblioteca JavaScript clássica que é rápida, leve e rica em recursos. Foi construída em 2006 por John Resig no BarCamp NYC. jQuery é um software livre e de código aberto com uma licença do MIT.

Torna as coisas mais simples para manipulação e travessia de documentos HTML, animação, manipulação de eventos e Ajax.

De acordo com a W3Techs, 77,6% de todos os sites utilizam jQuery (a partir de 23 de fevereiro de 2021).

Biblioteca jQuery

Biblioteca jQuery

 

Características/Benefícios:

Casos de uso:

React.js

React.js (também conhecido como ReactJS ou React) é uma biblioteca JavaScript de código aberto, front-end. Foi criada em 2013 por Jordan Walke, que trabalha no Facebook como engenheiro de software.

Agora, ele tem a licença do MIT, mas foi inicialmente liberado sob a Licença Apache 2.0. O React foi projetado para tornar as criações interativas da IU indolor.

Basta projetar uma visão simples para estados individuais em seu aplicativo. Em seguida, ele renderá e atualizará o componente correto de forma eficiente em caso de alterações de dados.

Biblioteca de reações

Biblioteca de reações

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Um ponto de bonificação: Facebook, Instagram e Whatsapp todos usam React.

D3.js

Data-Driven Documents (D3) ou D3.js é outra famosa biblioteca JS que os desenvolvedores usam para manipulação de documentos com base em dados. Ela foi lançada em 2011 sob a licença BSD.

Biblioteca D3.js

Biblioteca D3.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Underscore.js

Underscore é uma biblioteca utilitária JavaScript que fornece várias funções para tarefas típicas de programação. Ela foi criada em 2009 por Jeremy Askenas e lançada com uma licença do MIT. Agora, Lodash a ultrapassou.

Biblioteca de sublinhados

Biblioteca de sublinhados

Características/Benefícios:

      1. Objetos
      2. Arrays
      3. Tanto objetos quanto matrizes
      4. Outras funções

Casos de uso:

Ele suporta helpers funcionais como filtros, mapas, etc., juntamente com funções especializadas, como encadernação, indexação rápida, modelos JavaScript, testes de qualidade, etc.

Lodash

Lodash é também uma biblioteca utilitária do JS que facilita o trabalho com números, arrays, strings, objetos, etc. Foi lançada em 2013 e também utiliza o projeto de programação funcional como Underscore.js.

Biblioteca Lodash

Biblioteca Lodash

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Seus métodos modulares ajudam você a entrar:

Algolia Places

Algolia Places é uma biblioteca JavaScript que fornece uma maneira fácil e distribuída de usar o auto-completar de endereços em seu site. É uma ferramenta extremamente rápida e maravilhosamente precisa que pode ajudar a aumentar a experiência do usuário do seu site. Algolia Places aproveita o impressionante banco de dados de código aberto do OpenStreetMap para cobrir lugares do mundo inteiro.

Por exemplo, você pode usá-lo para aumentar as conversões de páginas de seus produtos.

Algolia Places library

Algolia Places library

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Anime.js

Se você quiser adicionar animações ao seu site ou aplicativo, Anime.js é uma das melhores bibliotecas JavaScript que você pode encontrar. Foi lançada em 2019 e é leve com uma API poderosa, porém simples.

Biblioteca Anime.js

Biblioteca Anime.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Animate On Scroll (AOS)

Animate On Scroll funciona muito bem para sites de paralaxe de página única. Esta biblioteca JS é totalmente open-source e ajuda a adicionar animações decentes em suas páginas que parecem doces enquanto você rola para baixo ou para cima.

Ele faz do seu site um passeio alegre, ajudando-o a adicionar efeitos de fade, posições estáticas de âncora e muito mais para encantar seus usuários.

Biblioteca Animate On Scroll

Biblioteca Animate On Scroll

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Bideo.js

Você quer incorporar vídeos em tela cheia ao fundo do seu site? Experimente o Bideo.js.

Biblioteca Bideo.js

Biblioteca Bideo.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Para adicionar vídeos de fundo com tela cheia e responsiva em um site.

Chart.js

Seu website ou projeto está relacionado com o campo de análise de dados?

Você precisa apresentar muitas estatísticas?

Chart.js é uma excelente biblioteca JavaScript para usar.

Chart.js é uma biblioteca flexível e simples para designers e desenvolvedores que podem adicionar gráficos e gráficos bonitos a seus projetos em pouco tempo. Ela é de código aberto e tem uma licença MIT.

Biblioteca Chart.js

Biblioteca Chart.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Cleave.js

Cleave.js oferece uma solução interessante se você quiser formatar seu conteúdo de texto. Sua criação visa proporcionar uma maneira mais fácil de aumentar a legibilidade do campo de entrada através da formatação dos dados digitados.

Desta forma, você não precisa mais mascarar padrões ou escrever expressões regulares para formatar o texto.

Biblioteca Cleave.js

Biblioteca Cleave.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Choreographer.js

Use o Chreographer.js para animar o complexo CSS de forma eficaz. Ele pode até adicionar mais funções personalizadas que você pode usar para animações não-CSS.

Para utilizar esta biblioteca JavaScript, instale seu pacote através do npm ou adicione seu arquivo de script.

Biblioteca Choreographer.js

Biblioteca Choreographer.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Glimmer

Lançado em 2017, Glimmer apresenta componentes leves e rápidos de IU. Ele usa o poderoso Ember CLI e pode trabalhar com o EmberJS como um componente.

Biblioteca Glimmer

Biblioteca Glimmer

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Granim.js

Granim.js é uma biblioteca JS que ajuda você a criar animações fluidas e interativas de gradiente. Desta forma, você pode fazer com que seu site se destaque com fundos coloridos.

Biblioteca Granim.js

Biblioteca Granim.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

fullPage.js

A biblioteca JS de código aberto, fullPage.js, ajuda você a criar facilmente sites de rolagem em tela cheia ou sites de uma página. É simples de usar e também pode adicionar um deslizador de paisagem dentro de suas seções do site.

biblioteca fullpage.js

biblioteca fullpage.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Leaflet

O Leaflet é uma das melhores bibliotecas JavaScript que você pode usar para incluir mapas interativos em seu site. É de código-fonte aberto e móvel, pesando cerca de 39kb. O MapPress Maps for WordPress plugin usa o Leaflet para alimentar seus mapas interativos.

Biblioteca de Leaflet

Biblioteca de Leaflet

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Adicione um mapa em seu site com melhor zoom e panorâmico, renderização inteligente de polígono/polilinha, construção modular, e animação móvel com tap-delay.

Multiple.js

Multiple.js permite o compartilhamento de imagens de fundo através de vários elementos usando CSS ou HTML sem processamento de coordenadas JavaScript.

Como resultado, ele cria um efeito visual impressionante para aumentar a interação do usuário.

Biblioteca Multiple.js

Biblioteca Multiple.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Moment.js

O Moment.js ajuda a gerenciar tempo e data efetivamente quando se trabalha com diferentes fusos horários, chamadas API, idiomas locais, etc.

Você pode racionalizar datas e horários validando, analisando, formatando ou manipulando-os.

Biblioteca Moment.js

Biblioteca Moment.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Masonry

Masonry é uma incrível biblioteca de layout de grade JS. Esta biblioteca ajuda a colocar seus elementos de grade em posições adequadas com base em quanto espaço vertical está disponível. É até utilizada por alguns dos plugins populares da galeria de fotos WordPress.

Compare isto com a forma como um pedreiro encaixa as pedras enquanto constrói uma parede.

Biblioteca de alvenaria

Biblioteca de alvenaria

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Omniscient

Omniscient.js é uma biblioteca do JS que fornece abstração de componentes Reagir para uma rápida renderização de cima para baixo que abraça dados imutáveis.

Esta biblioteca pode ajudar você a construir seu projeto sem problemas, pois é otimizado e oferece características interessantes.

Biblioteca onisciente

Biblioteca onisciente

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Parsley

Você quer acrescentar formulários aos seus projetos?

Se sim, Parsley pode ser útil para você. É uma biblioteca JS fácil mas poderosa que você pode usar para validar formulários.

Biblioteca Parsley

Biblioteca Parsley

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Popper.js

Popper.js foi criado para facilitar o posicionamento de popovers, dropdowns, pontas de ferramentas e outros elementos contextuais que aparecem próximos a um botão ou outros elementos similares.

Popper fornece uma excelente maneira de organizá-los, colá-los a outros elementos do site e permitir que eles tenham um desempenho perfeito em qualquer tamanho de tela.

Biblioteca Popper.js

Biblioteca Popper.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Three.js

Three.js pode fazer seu projeto 3-D delicioso. Ele usa WebGL para renderizar cenas em navegadores modernos. Use outros renderizadores CSS3, CSS2 e SVH se você usar o IE 10 e abaixo.

Biblioteca Three.js

Biblioteca Three.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Screenfull.js

Use Screenfull.js para adicionar um elemento de tela cheia ao seu projeto. Devido à sua impressionante eficiência de cross-browser, você não terá problemas ao utilizar esta biblioteca JavaScript.

Biblioteca screenfull.js

Biblioteca screenfull.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Polymer

A biblioteca JavaScript de código aberto do Google – Polymer é usada para construir aplicativos web usando componentes.

Biblioteca Polymer

Biblioteca Polymer

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Voca

A idéia por trás da criação da Voca é aliviar a dor enquanto se trabalha com String JavaScript. Ela vem com funções úteis que facilitam a manipulação de String como troca de estojo, almofada, guarnição, truncado e muito mais.

Biblioteca Vocacional

Biblioteca Vocacional

Características/Benefícios:

Casos de uso:

O que são estruturas (frameworks) JavaScript?

As estruturas JavaScript são estruturas de aplicativos que permitem aos desenvolvedores manipular o código para atender às suas exigências exclusivas.

O desenvolvimento de aplicativos web é análogo à construção de uma casa. Você tem a opção de criar tudo do zero com materiais de construção. Mas isso vai consumir tempo e pode incorrer em altos custos.

Mas se você utiliza materiais prontos como tijolos e os monta com base na arquitetura, então a construção se torna mais rápida, economizando dinheiro e tempo.

O desenvolvimento de aplicativos funciona de forma semelhante. Em vez de escrever cada código do zero, você pode usar códigos pré-escritos trabalhando como blocos de construção com base na arquitetura do aplicativo. Frameworks podem se adaptar ao design do site mais rapidamente e facilitar o trabalho com JavaScript.

Como usar uma estrutura (frameworks) JavaScript

Para usar uma estrutura JavaScript, leia a documentação da estrutura JS que você pretende usar e siga os passos.

Para que são usadas as estruturas (frameworks) JavaScript?

As Estruturas (frameworks) JavaScript mais populares

AngularJS

AngularJS do Google é uma estrutura JavaScript de código aberto lançada em 2010. Este é um framework JS de front-end que você pode usar para criar aplicativos web.

Precisa de uma hospedagem rápida, segura e de fácil desenvolvimento para os sites de seus clientes? Kinsta é construído com os desenvolvedores em mente e fornece muitas ferramentas com um poderoso painel de controle. Confira nossos planos

Foi criado para simplificar o desenvolvimento e teste de aplicativos web com uma estrutura para as arquiteturas MVC e MVVM do lado do cliente.

Estrutura AngularJS

Estrutura AngularJS

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Bootstrap

Projetar rapidamente sites rápidos e móveis usando Bootstrap, um dos mais populares conjuntos de ferramentas de código aberto para o desenvolvimento de front-end.

Foi lançado em 2011 e oferece aos desenvolvedores grande flexibilidade na personalização de vários elementos sob medida para as necessidades do cliente.

Estrutura Bootstrap

Estrutura Bootstrap

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Aurelia

Lançado em 2016, o Aurelia é uma estrutura JS de código aberto simples, discreta e poderosa para construir aplicativos móveis, desktop e de browser com capacidade de resposta.

Seu objetivo é focar no alinhamento das especificações da web com a convenção, em vez da configuração, e requer menos intrusão da estrutura.

Estrutura Aurelia

Estrutura Aurelia

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Vue.js

O Vue.js foi criado em 2014 por Evan You enquanto ele trabalhava para o Google. É uma estrutura JavaScript progressiva para construir interfaces de usuário.

O Vue.js é incrementalmente adotado a partir do seu núcleo e pode escalar entre uma estrutura e uma biblioteca facilmente com base em vários casos de uso.

Estrutura Vue.js

Estrutura Vue.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Ember.js

A estrutura de código aberto do JS Ember.js é testada e produtiva para construir aplicativos web com UIs ricas, capazes de trabalhar através de dispositivos.

Foi lançado em 2011 e foi denominado SproutCore 2.0 naquela época.

Estrutura Ember.js

Estrutura Ember.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Node.js

Node.js é um framework JavaScript de código aberto, construído sobre o motor JS V8 da Chrome, criado em 2009. É um ambiente de tempo de execução que executa os códigos JS fora de um navegador.

O Node.js foi projetado para ajudá-lo a desenvolver aplicativos escaláveis, rápidas e confiáveis do lado do servidor baseadas em rede.

Estrutura do Node.js

Estrutura do Node.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Backbone.js

A estrutura leve do JS Backbone.js foi criada em 2010 e baseada na arquitetura Model View Presenter (MVP).

Tem uma interface RESTful JSON e ajuda a construir aplicativos web do lado do cliente. Ele estrutura aplicativos web com modelos para eventos personalizados e encadernação de valores-chave, coleções com uma API eficiente, e visualizações usando o tratamento de eventos declarativos.

Estrutura backbone.js

Estrutura backbone.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Next.js

A plataforma Open source do Next.js oferece uma estrutura de desenvolvimento web de front-end React. Lançada em 2016, ela permite que você habilite funcionalidades como a criação de sites estáticos e renderização do lado do servidor.

Estrutura Next.js

Estrutura Next.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Mocha

Todo aplicativo precisa ser testada antes de ser implantada. Isto é o que o Mocha ou Mocha.js faz por você.

É uma estrutura de teste JS de código aberto rica em recursos que roda no Node.js, bem como em um navegador.

Estrutura Mocha

Estrutura Mocha

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Ionic

Lançado em 2013, o Ionic é uma estrutura JavaScript de código aberto para construir aplicativos móveis híbridos de alta qualidade. Seu último lançamento permite que você escolha qualquer estrutura UI como Vue.js, React, ou Angular. Ele usa CSS, Sass e HTML5 para construir aplicativos.

Estrutura Ionic

Estrutura Ionic

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Webix

A estrutura fácil de usar do Webix ajuda a desenvolver UIs ricas, utilizando códigos mais leves. Ele oferece 102 widgets de interface de usuário como DataTable, Tree, Spreadsheets, etc., juntamente com controles JS HTML5/CSS ricos em recursos.

Estrutura Webix

Estrutura Webix

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Gatsby

Gatsby ajuda você a desenvolver websites e aplicativos de rápido desempenho com React. Esta é uma estrutura JS de front-end que é de código aberto e gratuita. Confira isto no GitHub.

Estrutura Gatsby

Estrutura Gatsby

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Meteor.js

O meteoro é uma estrutura de código aberto do JS lançada em 2012. Ele permite que você construa aplicativos de pilha cheia sem problemas para celular, desktop e web.

Estrutura do Meteor.js

Estrutura do Meteor.js

Características/Benefícios:

Casos de uso:

MithrilJS

Embora não tão popular quanto alguns dos outros itens desta lista, Mithril é uma estrutura JS avançada do lado do cliente para desenvolver aplicativos do lado do cliente. Ele é leve – menos de 10kb gzip – mas rápido e oferece XHR e utilitários de roteamento.

Estrutura do MithrilJS

Estrutura do MithrilJS

Características/Benefícios:

Casos de uso:

ExpressJS

Express.js é uma estrutura back-end do JS para o desenvolvimento de aplicativos web. Foi lançado em 2010 no MIT incense como software livre e de código aberto.

É uma estrutura web rápida e minimalista do Node.js que vem com uma série de recursos úteis.

Estrutura do ExpressJS

Estrutura do ExpressJS

Características/Benefícios:

Casos de uso:

Algumas ferramentas úteis de Javascript

Slick é uma ferramenta útil do JS que cuida de suas necessidades de carrossel. Ela é responsiva e escalável com seu recipiente. Suas características incluem suporte CSS3, swipes, mouse dragging, acessibilidade total, looping infinito, autoplay, carregamento preguiçoso, e muito mais.

Babel é um compilador JS de código aberto e gratuito que você pode usar para converter novas características JS para executar um padrão JS antigo. O plugin também é usado para transformação de sintaxe que não é suportado em uma versão antiga. Ele fornece polifilamentos para suportar características ausentes em certos ambientes JS.

O iziModal é um plugin modal elegante, leve, flexível e ágil que funciona com jQuery. É útil para notificar algo a seus usuários ou pedir informações usando um modal popup. Ele é fácil de usar e vem com muitas personalizações.

Encontrar bugs e consertá-los em seu código JS é fácil usando ESLint. Ele analisa os códigos estatisticamente para capturar rapidamente erros de sintaxe, problemas de estilo de linha de comando, etc., e corrigi-los automaticamente.

Shave é um plugin JS de dependência zero que você pode usar para truncar texto dentro de elementos HTML, definindo uma altura máxima para caber perfeitamente dentro do elemento. Ele também armazena alguns textos originais extras dentro de um elemento escondido <span> , garantindo que você não perca esses textos.

O Webpack é uma ferramenta para agrupar módulos JS para aplicativos modernas. Você pode escrever o código e usá-lo para agrupar seus ativos de forma razoável, mantendo o código limpo.

Como as Bibliotecas e Estruturas (frameworks) JavaScript funcionam em conjunto

A diferença entre bibliotecas e estruturas (frameworks) JavaScript está em seu fluxo de controles. Eles são exatamente o oposto no fluxo, ou invertidos.

Nas bibliotecas do JS, o parent code chama a função que uma biblioteca oferece.

Nas estruturas do JS, a própria estrutura chama o código e o utiliza de uma forma específica. Ela define o projeto geral do aplicativ.

Simplificando, você pode pensar em bibliotecas JavaScript como uma função particular do aplicativo. Em contraste, a estrutura age como seu esqueleto, enquanto uma API atua como o conector para reuni-las.

Normalmente, os desenvolvedores iniciam o processo de desenvolvimento com uma estrutura JS e depois completam as funções do aplicativo com bibliotecas JS e uma API.

Com tantas estruturas (frameworks) e bibliotecas JavaScript para escolher, como você pode encontrar a que melhor se adapta às necessidades do seu projeto? 🤯 Nós compilamos as 40 melhores opções, juntamente com seus benefícios e casos de uso para facilitar as coisas ✅Click to Tweet

Resumo

As bibliotecas e estruturas (frameworks) JavaScript são eficientes para acelerar seu website ou processo de desenvolvimento de aplicativos. E como um desenvolvedor web, é crucial usar o adequado para seu projeto.

Diferentes bibliotecas e estruturas servem a diferentes propósitos e têm seus próprios conjuntos de prós e contras. Portanto, você precisa escolhê-las com base em seus requisitos únicos e objetivos futuros associados a um website ou aplicativo.

Espero que esta extensa lista de bibliotecas e estruturas (frameworks) JavaScript ajude você a escolher a correta para seu próximo projeto.


Economize tempo, custos e otimize o desempenho do seu site com:

  • Ajuda instantânea de especialistas em hospedagem do WordPress, 24/7.
  • Integração do Cloudflare Enterprise.
  • Alcance global com 28 centros de dados em todo o mundo.
  • Otimização com nosso monitoramento integrado de desempenho de aplicativos.

Tudo isso e muito mais em um plano sem contratos de longo prazo, migrações assistidas e uma garantia de 30 dias de devolução do dinheiro. Confira nossos planos ou entre em contato com as vendas com as vendas para encontrar o plano certo para você.