Os rankings de pesquisa são uma parte importante de qualquer estratégia de marketing digital, mas você sabia que os sites do Google podem ser uma ótima maneira de trazer tráfego extra?

Vamos dar um passo atrás por um momento. Ranking bem para suas principais palavras-chave permite que você traga tráfego consistente e relevante para ajudar o seu site a ter sucesso (e crescer). No entanto, embora seja ótimo para classificar bem, isso não significa nada se as pessoas não clicarem no seu site a partir dos SERPs.

É aí que entram os sites de busca do Google. Eles ocupam mais “imóveis” no Google e conseguem que mais pessoas cliquem no seu site nos resultados.

Os sites do Google são uma ótima maneira de melhorar a sua taxa de cliques (CTR), que irá ajudá-lo a trazer mais tráfego, bem como reforçar o seu SEO.

Neste artigo, você vai aprender tudo o que você precisa saber sobre Sitelinks, incluindo:

Soa, bem?

Então, o que são exatamente os links de sites e como você os obtém?

O que São os Sitelinks do Google?

Os links de sites do Google aparecem sob o primeiro resultado de pesquisa nas páginas de resultados do mecanismo de pesquisa (SERPs). São links internos do seu site, apresentados com uma breve descrição. Os Sitelinks são frequentemente encontrados ao realizar uma pesquisa de marca e ajudam o usuário a navegar pelo seu site.

Você provavelmente já viu o resultado principal de uma pesquisa do Google com dois, quatro ou seis links internos exibidos abaixo. Estes são os sites do Google e têm este aspecto:

Sitelinks do Google em SERPs

Sitelinks do Google em SERPs

Ao procurar uma marca, a página inicial pode não ser a página mais relevante para as necessidades de um usuário. Um usuário pesquisando por “Barneys” pode clicar no link “Designer Women’s Clothing” para ir diretamente para esta página ao invés da homepage.

Isso proporciona uma melhor experiência do usuário e permite que os usuários dirijam-se diretamente à sua página de escolha sem cliques extras.

4 razões pelas quais o Google Sitelinks São Importantes

Há muitas razões pelas quais os links de sites podem beneficiar tanto o seu site como os seus visitantes.

Aqui estão quatro razões pelas quais os sites do Google são importantes para o seu site:

1. Google Sitelinks Melhorar Click-Through Rate (CTR)

Um bom CTR é tudo sobre o quão popular é um link, que está diretamente relacionado ao quão relevante ele é para uma determinada consulta de pesquisa. Embora uma pessoa possa realizar uma simples pesquisa de marca, os links de sites oferecem páginas mais relevantes que podem levá-la diretamente ao produto ou serviço desejado.

Mas porque é que te deves preocupar com o CTR? Bem, em média, os três primeiros resultados no Google obter a maioria dos cliques, (de acordo com este estudo por AWR). Depois, cai rapidamente a partir daí:

Estudo por meio de cliques

Estudo por meio de cliques

Dar aos pesquisadores acesso instantâneo às suas páginas mais populares ajudará a atraí-los a clicar a partir do mecanismo de pesquisa. Quanto mais pessoas clicarem no seu site nos SERPs, mais consistentemente você irá classificar para esse termo de busca, por sua vez aumentando seu tráfego orgânico.

Na verdade, foi demonstrado que os sites de busca do Google aumentaram o CTR em 64%, portanto, fazer um esforço para otimizar seu site para links de sites vale bem a pena o investimento.

2. Google Sitelinks criam confiança e credibilidade

Sitelinks não são mostrados para todos os sites. Sites menos conhecidos ou pouco otimizados são improváveis de ter links de sites exibidos nos SERPs.

O Google diz:

“Só mostramos links de sites para resultados quando achamos que serão úteis para o usuário. Se a estrutura do seu site não permitir que os nossos algoritmos encontrem bons links de site, ou se não acharmos que os links de site do seu site são relevantes para a consulta do usuário, não os mostraremos””

Se os links de site são exibidos para um site, ele mostra que ele é bem estruturado e que os links de site são relevantes para a consulta de um usuário.

Afinal, o Google pretende fornecer a melhor resposta à consulta de um pesquisador. E com os links de sites ocupando tanto espaço nos resultados do Google, eles não dariam tanto espaço a um site pouco otimizado ou não confiável.

Os Sitelinks ocupam um monte de “bens imóveis” no Google, basta olhar para o espaço acima dos sitelinks dobrados que ocupam no desktop:

Sitelinks do Google no desktop

Sitelinks do Google no desktop

E o mesmo sitelinks no celular (ocupando a maior parte da tela):

Sitelinks do Google no celular

Sitelinks do Google no celular

Estes são factores que ajudam a promover um website como sendo de confiança, e o facto de nem todos os resultados os terem dá um sentido de exclusividade.

Alguns sites ainda se beneficiam de uma caixa de pesquisa dentro dos links de sites:

Caixa de pesquisa do Google Sitelinks

Caixa de pesquisa do Google Sitelinks

Isso permite que os usuários pesquisem dentro do site externo diretamente dos SERPs. A inclusão da caixa de pesquisa irá novamente melhorar o CTR e a experiência do usuário, dando-lhes uma melhor opinião sobre o seu site como um todo.

3. Google Sitelinks Aumenta a sua marca e conhecimento do produto

O objetivo do Google Sitelinks é apresentar algumas das páginas mais importantes de um site aos pesquisadores para melhorar a sua experiência de pesquisa. Estas são as páginas que o Google considera mais relevantes com base na estrutura, conteúdo e termo de pesquisa do seu site.

As páginas que o Google escolhe para links de sites são muitas vezes páginas de produtos, páginas de preços, sobre páginas ou blogs, que ajudam o usuário a descobrir mais sobre um site ou empresa.

O sitelinks mostrando para Fomo fazer um bom trabalho de destacar as páginas-chave sobre a empresa (sobre nós), páginas de produtos úteis (integrações, tour do produto, etc.), bem como informações-chave como a página de preços e o blog.

Sitelinks de notoriedade da marca

Sitelinks de notoriedade da marca

Ao realizar uma pesquisa de marca, um link de site pode ser exibido para um determinado produto ou gama como este exemplo para a GoPro:

Gamas de produtos sitelinks

Gamas de produtos sitelinks

Isso ajuda a educar os usuários sobre o que você tem a oferecer sem que eles sequer visitem seu site. Ele também acelera o acesso de potenciais clientes às suas melhores/páginas de produtos mais populares. Obrigado, Google!

4. Os Sitelinks do Google permitem que os usuários naveguem por páginas mais profundas

A maioria dos visitantes não vai explorar o seu site com grande profundidade. Na maioria das vezes, as pessoas irão navegar em sua página inicial, páginas de produtos e páginas de serviço sem aprofundar ainda mais o seu conteúdo.

Os links de sites de pesquisa do Google exibem as páginas mais populares de um site, o que significa que sua publicação no blog principal, produto mais vendido ou guia de como fazer downloads frequentes podem aparecer como links de sites.

Um bom exemplo disso em ação é o site do webdesigner-tornou-se-empresário-e-autor Paul Jarvis, que tem artigos de topo e páginas de produtos sendo todos puxados para os links do site:

Sitelinks de links profundos

Sitelinks de links profundos

Ele também funciona bem para ferramentas de software. Por exemplo, o sitelinks para o Ahrefs está puxando nas páginas de ferramentas específicas:

Páginas de ferramentas sitelinks para o Ahrefs

Páginas de ferramentas sitelinks para o Ahrefs

Isso direciona o tráfego para suas páginas mais importantes, ajudando a fornecer leads, como consultas e assinaturas, em vez de enviar todos para a página inicial. Assim, juntamente com SEO e CTR melhorados, os links de sites podem ajudá-lo a se beneficiar de maiores conversões.

Está na hora de tirar as más notícias do caminho primeiro:

Infelizmente, não pode criar os seus próprios links de site. Se eles aparecem, e quais links são escolhidos, depende completamente dos algoritmos do Google.

No entanto, como qualquer outro aspecto de SEO, existem certas melhores práticas que você pode seguir para melhorar suas chances de obter links de sites.

Vamos explorá-los com mais detalhes.

1. Tenha um nome de site exclusivo

Os sites de busca do Google são predominantemente encontrados para pesquisas de marcas, portanto, ter um nome de marca exclusivo o ajudará a ocupar a primeira posição.

Um nome genérico como “A Agência Digital” terá dificuldade em se classificar, porque é difícil para o Google saber se o usuário está procurando uma agência digital em geral ou uma empresa específica.

Os nomes de marcas genéricas não são bons para obter sites do Google

Os nomes de marcas genéricas não são bons para obter sites do Google

Nomes de empresas ambíguos podem, por vezes, ser bem classificados nas condições certas. Por exemplo, uma busca por “maçã” trará resultados para o gigante da tecnologia em vez da fruta, porque o Google entende a intenção do usuário.

No entanto, sem ter uma presença de marca incrivelmente forte, é difícil classificar para um nome bastante genérico.

Se a sua empresa já está estabelecida, não mude apenas o nome para melhor visar o SEO, pois esta é uma tarefa muito complicada que coloca muitos dos seus próprios riscos e dificuldades.

No entanto, se você estiver na fase de pré-arranque, escolha um nome de empresa que seja único, pois isso o ajudará a ter um bom desempenho nas buscas de marca.

2. Rank na posição #1 para o seu nome de marca

Os links de sites do Google são apenas atribuídos ao primeiro resultado de pesquisa, por isso, você precisa estar na posição # 1 se quiser ter uma chance de obter esses links de sites.

Ranking #1 seu nome de marca para obter links de sites

Ranking #1 seu nome de marca para obter links de sites

Além de garantir que o seu site ou nome da empresa seja único, faça o máximo que puder para reforçar a presença online da sua marca.

Verifique se todas as citações online usam o nome, endereço, número de telefone e URL corretos. Mantenha seus perfis de mídia social ativos e faça uso de métodos de marketing de conteúdo, como blogs, para divulgar sua marca na web.

3. Usar dados estruturados

Também conhecidos como rich snippets ou schema, os dados estruturados ajudam o Google e outros motores de busca a entender melhor o seu site.

Há muitas maneiras que os dados estruturados podem ajudar a melhorar a aparência do seu site nos SERPs, tais como a exibição de revisão ou trechos de eventos, mas também podem ajudá-lo quando se trata de links de sites.

Você pode dizer ao Google qual menu considerar para links de site, especificar sua página sobre ou de contato e ativar migalhas de pão ou uma caixa de pesquisa de links de site.

Ao usar o esquema não garante que o Google irá exibir Sitelinks, ou que eles serão sempre aqueles que você especificar, é uma boa maneira de empurrar as coisas na direção certa.

4. Utilizar uma estrutura e uma navegação claras do site da Web

Websites com estruturas complicadas ou pouco claras são mais difíceis para os motores de busca como o Google rastejar, além de serem difíceis de navegar para os usuários.

Se o Google não conseguir encontrar todas as suas páginas ou entender como elas se relacionam entre si, não poderá atribuir links de sites. Considere este exemplo de arquitetura de site:

Exemplo de uma arquitetura de site clara

Exemplo de uma arquitetura de site clara

Certifique-se de que a página inicial é a página principal do seu site, e que todas as outras páginas se ramificam facilmente a partir daí. Use cabeçalhos claros e uma estrutura intuitiva para organizar suas páginas e divida tudo em subcategorias relevantes sempre que possível.

Também é bom ter as páginas web “padrão” cobertas, como Sobre, Contato e Produtos/Serviços. Estes são muito facilmente compreendidos pelo Google e pelos usuários, e fazem ótimas páginas de destino dos SERPs.

5. Adicionar um Mapa do site XML ao Console de pesquisa do Google

Os Sitemaps ajudam os motores de busca a compreender e rastrear o seu website e a determinar quais são as páginas mais importantes.

Se tiver uma estrutura de Web site clara e tiver associado um mapa do Web site à sua conta da Consola de pesquisa do Google, a Google terá uma perna para cima quando se trata de rastrear e analisar o seu Web site.

Exemplo de um mapa do site bem sucedido

Exemplo de um mapa do site bem sucedido

Ao escolher quais páginas devem ser incluídas como links de sites nos SERPs, o Google analisa a prioridade e o tráfego de cada página para avaliar a sua utilidade para os pesquisadores. Ao adicionar um mapa do site ao seu Console de pesquisa do Google, você ajudará o Google a escolher os links de site mais relevantes.

Você também pode monitorar quais das suas mensagens são elegíveis para a caixa de busca do sitelinks.

Caixa de pesquisa do Google Sitelinks

Caixa de pesquisa do Google Sitelinks

6. Construir links internos

As ligações internas são uma parte importante (e por vezes negligenciada) da SEO. Quanto mais você vincular a uma página interna do seu site, mais importante essa página será exibida para o Google.

Se as suas páginas são frequentemente ligadas a um determinado produto, à página de contacto ou à sua página sobre, estes serão bons candidatos para os links de sites do Google.

Use links internos para direcionar os usuários (e o Google) em seu site. Nat Elison faz um bom trabalho disto no seu post sobre livros de marketing:

Ligação interna: exemplo com Nat Eliason

Ligação interna: exemplo com Nat Eliason

Todos esses links internos direcionam os usuários ao redor de seu site, levando-os a conteúdos relacionados que eles possam achar úteis.

Fazemos a mesma coisa aqui em Kinsta. Basta olhar para este artigo sobre outbound marketing:

Ligações internas Kinsta

Ligações internas Kinsta

Dentro do conteúdo, adicionamos links internos a outros artigos que são relevantes para esse tópico. Isto não só ajuda os rastreadores do Google a navegar melhor no nosso site, como também ajuda os utilizadores a navegar no nosso site enquanto se envolvem com o nosso conteúdo.

Se quiser uma visão geral dos links internos de seus sites, você pode rastreá-los no Console de pesquisa do Google para ver quantas vezes seu site é vinculado a determinadas páginas. Se há um que você está particularmente interessado em ter no sitelinks, certifique-se de que você link para ele em todo o resto do site.

7. Usar títulos de página relevantes

Isto é SEO 101. Os títulos das páginas são um dos elementos de SEO mais importantes no seu website.

Ao certificar-se de que cada página tem o título mais eficaz, pode ajudar a melhorar o seu SEO geral e ajudar a Google a escolher links de sites relevantes.

Os links de sites do Google são gerados a partir dos títulos das suas páginas, por isso certifique-se de que estão alinhados com o conteúdo dessa página. A Trello faz um bom trabalho com isto:

Sitelinks Trello

Sitelinks Trello

Cada título de página deve ser uma descrição curta e lógica do que é a página. Títulos que não têm nada a ver com o conteúdo da página será confuso para o Google, o que significa que eles vão lutar para classificar – e você pode dizer adeus aos links de sites.

É tentador usar títulos interessantes ou incomuns para suas páginas, mas esteja ciente de que isso pode afetar seu SEO e a atribuição de siteslinks. Por exemplo, uma página intitulada “Descubra o que nos faz marcar” não é particularmente clara para os algoritmos de pesquisa do Google.

8. Aumentar a conscientização da marca

Aumentar a notoriedade da sua marca não é um trabalho único. É um processo contínuo.

A divulgação online do seu nome de marca ajudará a melhorar a autoridade e a popularidade do seu site, que são ambos factores que o Google utiliza para determinar as classificações.

Construa uma reputação positiva para a sua empresa e certifique-se de que as pessoas já ouviram falar de você. Aqui estão apenas algumas das maneiras que você pode colocar sua marca lá fora:

  • Blogs de convidados em sites populares da indústria.
  • Dar entrevistas.
  • Alcançando os meios de comunicação online.
  • Obter opiniões e testemunhos positivos.
  • Participar de discussões comunitárias online.

Quanto mais pessoas conhecerem sua empresa pelo nome, mais pesquisas de marca você receberá, e melhores serão suas chances de obter links de sites.

Sidenote: Google AdWords Sitelinks

Vale a pena notar que os sites do Google AdWords não são os mesmos que os sites de pesquisa do Google.

Sitelinks do Google AdWords

Sitelinks do Google AdWords

Quando você configura uma campanha do AdWords, você tem a opção de adicionar links de sites ao anúncio, ajudando a direcionar as pessoas para páginas específicas. Você também pode adicionar uma breve descrição dos Sitelinks, tornando seus anúncios mais relevantes e úteis para as pessoas que os visualizam.

Embora pareçam muito semelhantes, e desempenhem a mesma função, os sites do AdWords são adicionados pelo gestor da campanha, enquanto que os sites orgânicos são gerados pelo Google e não podem ser especificados pelo proprietário do site.

Mais tráfego e SEO melhorado? Os sites do Google são a sua resposta para ambos! Aqui está o nosso guia detalhado sobre como obtê-los 🔝📈 Click to Tweet

Resumo

Agora que já sabe como arranjar Sitelinks para sites… Siga em frente!

Não posso garantir que tenha links para sites ou que eles apareçam sempre. Mas os benefícios valem bem a pena se conseguirmos arranjar tempo.

Ao seguir estes passos, você pode aumentar suas chances de obter Sitelinks, o que levará a um aumento no tráfego orgânico, leads e reconhecimento da marca.

Como qualquer elemento de SEO, obter Siteslinks não acontece de um dia para o outro. Tudo o que você pode fazer é seguir as orientações de melhores práticas e manter seus esforços contínuos de SEO para dar a si mesmo a melhor chance de ganhar esses sites. E seja paciente.

3
Shares