Há uma batalha em curso na arena do desenvolvimento de software, PHP vs Python. E parece nunca terminar.

O desenvolvimento de um site ou aplicativo de sucesso começa com a escolha de uma linguagem de programação confiável.

Com forte concorrência para produzir produtos web de alto desempenho, escaláveis, confiáveis, seguros e flexíveis, tornou-se necessário escolher uma base tecnológica sábia, incluindo a linguagem de programação.

Enquanto programadores experientes têm suas preferências pessoais, opiniões lógicas e ferramentas favoritas para o desenvolvimento de software, iniciantes e gerentes de projeto enfrentam problemas ao escolher uma linguagem de programação para começar.

Há tantas linguagens de programação por aí como Java, Python, JavaScript, PHP, Ruby, etc., cada uma com seus pontos fortes e fracos. Você também precisa restringir sua escolha de linguagens de programação com base em seus requisitos exclusivos de projeto, cronograma, objetivo final, orçamento, entre outros fatores.

E se você já entrou nesta batalha de PHP contra Python e está confuso de que lado você deve continuar sua luta, este artigo pode lhe ajudar.

Vamos descobrir o que ganha em nosso critério de comparação e o que é adequado às exigências do seu projeto.

PHP vs Python: O que são eles?

Antes de começarmos a comparar as duas linguagens de programação, é importante que entendamos primeiro o que elas são.

Aqui está!

O que é PHP?

Code written in PHP

PHP

Hypertext Preprocessor (PHP) é uma linguagem de script de código aberto usada extensivamente para o desenvolvimento web do lado do servidor.

Criado em 1994 por Rasmus Lerdorf, um programador dinamarquês-canadense, PHP foi nomeado originalmente Personal Home Page. Ele lançou a primeira versão do PHP (PHP 1.0) em junho de 1995.

Desde então, vários desenvolvimentos foram feitos para as versões posteriores do PHP, e nós temos o PHP 8 como a última versão do PHP que foi lançada em novembro de 2020.

A mascote do projeto PHP é um “elePHPant” (elefante) azul com seu logotipo escrito ao lado. Vincent Pontier é o designer creditado pela criação desta mascote.

Um código PHP é processado sobre um servidor web usando um intérprete PHP implantado em um daemon, módulo ou CGI (Common Gateway Interface) executável.

Esta interpretação e execução de código PHP podem ser dados de qualquer tipo, como imagens binárias.

Recursos

Os recursos do PHP incluem:

Características do PHP

Recursos do PHP

Sua sintaxe é bastante semelhante à da linguagem C, com uma estrutura bem organizada e lógica. Também é fácil de aprender PHP e mergulhar na codificação em comparação com muitas linguagens de scripting.

Para que ele é usado?

Esta linguagem de script do lado do servidor pode gerar conteúdo dinâmico de página, criar arquivos em um servidor, abrir, escrever, ler, fechar ou excluir arquivos.

O PHP é amigável ao banco de dados, e é por isso que ele pode adicionar, modificar ou excluir dados dentro de um banco de dados sem esforço.

Além destes, o PHP também pode coletar dados de seus formulários, suportar cookies, realizar criptografia de dados e controlar o acesso dos usuários.

De acordo com um relatório da W3Techs, 79,2% de todos os sites na Internet usam PHP como linguagem de programação do lado do servidor a partir de 19 de março de 2021.

Alguns dos sites populares que usam PHP são WordPress.com, Facebook.com, Wikipedia.org, Zoom.us, Microsoft.com, Canva.com, Salesforce.com, e muitos outros.

Aplicativos

O PHP usa uma arquitetura em três camadas que funciona em seu servidor, sistema de banco de dados e navegador linearmente para atender a esta demanda.

Ele permite aos usuários girar, redimensionar, cortar, adicionar marcas d’água, criar miniaturas e extrair imagens em vários formatos como PNG, GIF, JPEG, WBMP, e XPM.

Portanto, é comum criar sistemas de gerenciamento de conteúdo web como WordPress, Moodle, Drupal, Joomla, e muito mais.

Tudo isso era sobre PHP.

Agora vamos dar uma olhada no Python e estabelecer as bases para nossa competição frente a frente entre as duas línguas.

PHP vs. Python... de que lado você está? 🥊💥Click to Tweet

O que é Python?

Python

Python é uma linguagem de programação de alto nível, interpretada e orientada a objetos.

Foi desenvolvido por Guido van Rossum e lançado em 1991. Com o desenvolvimento em várias versões e subversões, temos agora Python 2 e Python 3, sendo a mais recente Python 3.9.2, lançada recentemente em 19 de fevereiro de 2021.

A filosofia de projeto do PHP se concentra na legibilidade do código e usa indentação significativa e semântica dinâmica. É tipado dinamicamente e suporta a coleta de lixo e vários paradigmas de programação, tais como programação estruturada (principalmente processual), funcional e orientada a objetos.

Como resultado, ajuda os programadores a codificar claramente com lógica e é útil para projetos de grande e pequena escala. Devido a sua extensa lista de bibliotecas padrão, Python também é conhecida como uma linguagem de programação “Baterias Incluídas”.

Recursos

Os principais recursos do Python são:

Características do Python

Recursos do Python

Também é fácil de desenvolver e utiliza uma sintaxe mais simples e menos complexa com o inglês simples e a matemática. Assim, a codificação torna-se sem esforço com Python, e é por isso que muitos desenvolvedores a adoram.

Por exemplo, em Java, você escreve int x = 5

Mas em Python, você vai escrever x = 5. É isso aí. Este “x” pode ser qualquer tipo de variável.

Para que ele é usado?

Há muitos usos do Python, como por exemplo:

Essas estruturas são flexíveis, escalonáveis, seguras e vêm com vários módulos e bibliotecas padrão úteis para simplificar tarefas como interação com bancos de dados, gerenciamento de conteúdo, etc. Sua biblioteca padrão também suporta protocolos de Internet como HTML, XML, FTP, IMAP, POP, etc.

Além disso, seu Índice de Pacotes tem outras bibliotecas úteis, incluindo Pedidos, Feedparser, Beautiful Soup, Paramiko, e Twisted Python.

Sua simplicidade, independência de plataforma, bibliotecas com recursos, consistência e comunidade de desenvolvimento ativa fortalecem o uso do Python pelas pessoas em seus projetos de AI e ML.

Os pacotes Python famosos pela IA e ML incluem SciPy para computação sofisticada, Seaborn para visualização de dados, Pandas para análise de dados, IPython para computação paralela e sessões de trabalho de gravação TensorFlow, e Keras para ML, NumPy para computação científica de alto nível, e muito mais.

Os desenvolvedores usam Python extensivamente, mesmo para controle de construção, gerenciamento e testes. Para estes fins individuais, você pode usar SCons, Trac ou Roundup, e Apache Gump ou Buildbot, respectivamente.

O Python também é usado para construir aplicativos empresariais ou comerciais, exigindo mais escalabilidade, extensibilidade e legibilidade. Para isto, ferramentas de suporte Python estão disponíveis como Odoo e Tryton.

É utilizado no desenvolvimento de linguagens para Boo, Cobra, Swift, CoffeeScript, etc. Python é a linguagem por trás de Oss como distribuições Linux” Ubiquity Installer. Você também pode controlar grandes dados, conectar-se a bancos de dados, realizar raspagens na web, alavancar o design gráfico e o processamento de imagens, etc., usando Python.

PHP vs Python: Comparação em profundidade

Comparação PHP vs Python

Comparação PHP vs Python

Agora que discutimos as duas linguagens, PHP e Python, e suas características e aplicativos, é hora de compará-las com vários parâmetros explicados abaixo.

Ele o ajudará a entender qual linguagem é mais adequada para qual uso, como são eficientes e fáceis de trabalhar, e qual pode dar o melhor resultado para seus esforços de desenvolvimento e tempo.

Vamos começar a luta de braço de ferro – PHP vs Python.

Qual é o mais fácil de aprender?

Mais fácil de aprender

Mais fácil de aprender

O PHP, embora seja uma linguagem de uso geral, é ótimo para desenvolver aplicativos web mais sofisticadas. Sua sintaxe é um pouco semelhante a Java, C, C++, e Perl. A função retorna, se as condições, enquanto e para loops também são similares.

Em PHP, os nomes das variáveis são sensíveis a maiúsculas e minúsculas. Ela encerra declarações por ponto-e-vírgula e trata os espaços em branco e as novas linhas como uma linguagem de forma gratuita. Ele exige que você prefira variáveis com $, usa chaves de caracóis e o operador - > para indicar um método.

No geral, leva bastante tempo para aprender PHP e código nele, especialmente para iniciantes. Mas sua comunidade de desenvolvedores está trabalhando para torná-lo mais fácil.

Por exemplo, o PHP 4 envolve uma melhor programação orientada a objetos com melhor abstração para permitir tarefas mais fáceis.

Por outro lado, Python é mais fácil de aprender, mesmo para os iniciantes. Esta linguagem de script foi projetada para ser facilmente legível com formatação desordenada, sintaxe mais simples e palavras simples em inglês, em vez de pontuação.

ython não usa aparelho para delimitar blocos. Em vez disso, utiliza recuo do espaço branco. Isto dá uma estrutura visual precisa a sua semântica. Python também faz uso raro do ponto e vírgula tem menos casos especiais e exceções sintáticas.

Estes atributos tornam a codificação Python fácil de aprender e escrever, mais curta em comprimento e mais simples de depurar. Além disso, deixa espaço para erros, pois os códigos principais não se quebram em casos de pequenos erros. É por isso que vários cursos de programação usam Python para ensinar os fundamentos da programação para iniciantes.

Conclusão: Python é um claro vencedor.

Facilidade de instalação

Facilidade de instalação

Facilidade de instalação

A instalação do PHP é comparativamente fácil. Ele é instalado e roda bem no Windows, Linux e MacOS X. Você também pode encontrá-lo em muitos sites de hospedagem compartilhada por taxas mais baixas em todo o mundo.

Se você quiser construir um pequeno aplicativo, o PHP seria uma grande ajuda.

Em contraste, Python pode ser um desafio para a instalação. Também pode se tornar mais difícil no MacOS X com outra versão Python já instalada em seu sistema.

Outra desvantagem é que esta versão Python já existente estaria desatualizada, portanto, não seria adequada para desenvolver um aplicativo. E mesmo se você tentar instalar novos pacotes Python, você precisará de uma nova instalação da versão Python.

Sabemos que isto pode se tornar frustrante.

Além disso, a instalação do Python pode ficar um pouco complicada no Windows. Para reduzir o risco de se deparar com problemas, use um gerenciador de pacotes como o Chocolatey.

Mas se você for um usuário Linux, não encontrará nenhum problema para instalar o Python em seu sistema de computador.

Veredito: O PHP vence em termos de instalação.

Desempenho e velocidade

Desempenho e velocidade

Desempenho e velocidade

De acordo com um relatório Unbounce publicado em dezembro de 2018, 79% dos compradores on-line que enfrentam problemas com a velocidade e o desempenho geral do site dizem que não voltarão a visitar ou a patrocinar o site.

Ele mostra que todos os aplicativos e sites que você desenvolve devem ser responsivos e carregar mais rapidamente – no máximo em 2-3 segundos.

Embora a velocidade e o desempenho possam variar devido a vários elementos como recursos de hardware, memória, espaço de armazenamento, lógica de código, tempo de acesso ao disco rígido, largura do caminho de dados e muito mais, qual linguagem de programação você usa também é um fator a ser considerado.

Portanto, comparar a velocidade e o desempenho do Python e do PHP é crucial.

As primeiras versões do PHP eram lentas, incluindo o PHP 5.x que levava muito tempo para executar códigos. Parece que sua comunidade de desenvolvedores trabalhou significativamente para melhorar o desempenho e a velocidade da linguagem de programação com o PHP 7.x.

É excepcionalmente mais rápido do que muitas linguagens de programação, incluindo Python. O Zend Engine 3.0 também foi lançado com PHP 7, tornando a linguagem de programação 2x mais rápida do que sua versão anterior.

Comparativamente, o processo de compilação de código Python é projetado para ser mais rápido, mesmo sem a instalação de sistemas de cache. Quando um arquivo é criado e/ou modificado, ele converte este código em bytecode. Era muito mais rápido do que o que o PHP era antes da introdução do PHP 7.x.

Por exemplo, se você estiver desenvolvendo um sistema bancário, que pode receber uma enorme quantidade de tráfego diariamente, ele precisa ser excepcionalmente rápido. Atrasos mais curtos podem ter um grande impacto no desempenho do sistema. Neste caso, o uso do PHP 7 seria recomendado em relação ao Python.

Entretanto, se você quiser construir um aplicativo simples onde a velocidade e o intervalo de tempo não tenham muito impacto, você pode usar tanto Python quanto PHP.

Conclusão: O PHP vence em termos de velocidade e desempenho.

Suporte à Biblioteca

Os desenvolvedores podem integrar bibliotecas com estruturas web para facilitar o desenvolvimento rápido. Eles podem reutilizar essas bibliotecas sempre que quiserem com alguns ajustes baseados em seus requisitos de desenvolvimento.

Desta forma, seus projetos são concluídos em menos tempo, os testes se tornam menos arriscados, e o custo também é minimizado. Portanto, a gerenciamento da biblioteca é um fator essencial a ser considerado.

O suporte à biblioteca do PHP não é tão forte assim. No entanto, o PHP 7 introduziu uma ferramenta poderosa, o Composer, que é seu gerenciador de dependência. Você pode emparelhá-la com Packagist (repositório de pacotes para PHP) e gerenciar suas bibliotecas de forma mais eficiente.

Mas o Composer ainda é jovem e pode não ser completamente confiável no momento.

A Python, por outro lado, oferece um excelente e maduro suporte para bibliotecas. A Python utiliza “Pip instala Python” (Pip) para o controle de pacotes. Pip é rápido e simplifica o gerenciamento de bibliotecas para um aplicativo Python, além de que você pode analisar os requisitos do seu projeto muito mais facilmente.

Os aplicativos web apoiadas pela IA e ML estão em demanda hoje em dia. E se você também quiser desenvolver tal aplicativo, Python tem algumas bibliotecas excepcionais do ML como TensorFlow, Scikit Learn, Keras, Theano, e muitas outras bibliotecas amadurecidas.

Todas estas bibliotecas se integram perfeitamente com estruturas web e também são bastante rápidas, fáceis de usar e instalar. Portanto, Python ajuda a tornar o desenvolvimento web mais simples.

Conclusão: Python é o vencedor.

Opções de framework (estruturas) Web

Tanto Python quanto PHP oferecem uma ampla gama de opções para estruturas web.

As estruturas baseadas em PHP mais utilizadas são Zend (que é incrivelmente eficiente), CodeIgniter, Symfony, Laravel, Yii, Phalcon, e muito mais.

Muitos aplicativos PHP modernos utilizam Laravel, Symfony e CodeIgnitor hoje em dia devido a seus requisitos mínimos de configuração, maior escalabilidade e desempenho mais rápido.

Exemplos de sites famosos que utilizam essas estruturas: Vogue, Sony VAIO UK, Barracuda, Casio, etc.

Python também oferece muitas estruturas web para apoiar seu desenvolvimento com um alto nível de personalização, suportar funcionalidades como pedidos de interpretação, produzir respostas, armazenar dados, e muito mais.

As famosas estruturas Python são Django, TurboGears, Pylons, CubicWeb, Flask, Bottle, Pyramid, e muito mais.

Django está testemunhando uma alta utilização hoje em dia e é perfeito para desenvolvedores perfeccionistas. É uma estrutura de alto nível que encoraja um projeto limpo e um desenvolvimento rápido. Ela enfatiza a automação, e você pode construir aplicativos mais rapidamente com menos códigos.

Outras estruturas suportadas pela Python também são engenhosas em termos de segurança, desempenho, menos dependências e facilidade de personalização.

Conclusão: PHP vs Python tem um empate quando se trata de estruturas web suportadas.

Gerenciamento do ambiente

É necessário levar em conta o gerenciamento do ambiente para falar em PHP vs Python, especialmente se você não quiser confiar em contêineres de software enquanto constrói aplicativos.

E não usar containers significa que você precisa cuidar da segregação da linguagem instalada no seu aplicativo junto com as versões da biblioteca. Isto não é tão simples quanto parece e requer muita paciência, tempo e esforço.

Portanto, quando se trata de gerenciamento de ambiente, PHP tem o virtPHP como seu gerente de ambiente. Entretanto, ele não é mantido ativamente e tem sido arquivado por muito tempo. É por isso que mesmo os desenvolvedores de PHP sugerem não usar virtPHP, mas um recipiente.

Um recipiente é uma opção melhor para o desenvolvimento operacional, e os desenvolvedores podem usá-lo para executar um processo de software, pequenos microserviços ou mesmo um grande aplicativo.

Ele permite menos despesas gerais, operação consistente, maior portabilidade e maior eficiência para o desenvolvimento de aplicativos. É por isso que contêineres como Kubernetes e Docker estão em alta demanda hoje em dia.

Na verdade, se você usa um contêiner, você nem precisa pensar em gerenciamento do ambiente.

Se você não o fizer, vamos ver o quão bom Python é baseado no gerenciamento do ambiente.

Python tem o Virtualenv, que é uma das melhores aplicativos úteis para o gerenciamento do ambiente. Ele pode instalar várias versões Python lado a lado, gerenciá-las e mudar as versões rapidamente.

Virtualenv está entre os aplicativos originais de gerenciamento de ambiente que são celebradas entre a comunidade de desenvolvedores. Eles vêm administrando esta excelente aplicativo há mais de 10 anos.

Conclusão: Python é claramente melhor do que PHP no contexto do gerenciamento do ambiente.

Flexibilidade, Escalabilidade e Versatilidade

A flexibilidade do PHP e do Python

A flexibilidade do PHP e do Python

À medida que um negócio cresce, sua base de usuários também cresce com ele. Portanto, a aplicativo que eles utilizam deve ser escalável para atender às demandas de seus clientes.

Um aplicativo escalável também dá mais flexibilidade às empresas com base nas demandas do mercado e suporta alto tráfego durante as estações de pico. Também deve lhe dar a opção de escalar para cima e para baixo com base em suas necessidades comerciais.

Tanto Python quanto PHP são adequados para o desenvolvimento web com estruturas e bibliotecas abrangentes.

O PHP suporta estruturas poderosas como Symfony, Laravel, etc., como discutido acima, para que você não enfrente problemas durante o desenvolvimento, testes e gerenciamento.

Entretanto, quando falamos de escalabilidade, Python tem a vantagem sobre o PHP com sua inteligência artificial e capacidades de aprendizagem de máquinas que se adaptam às novas tendências e escalas conforme as exigências.

Em contraste, o PHP é menos flexível em resposta às novas tendências e demandas crescentes, mesmo depois de algumas grandes melhorias recentes na linguagem.

Python também oferece muitas estruturas web, e você já sabe que Python é melhor no suporte de bibliotecas. Você tem frameworks como Django e Flask que são altamente escaláveis, seguros e rápidos.

Quer você queira implantar modelos ML ou usar componentes independentes e desacoplados para construir aplicativo, Django está lá para ajudar. Você pode substituir ou desconectar estes componentes com base em suas necessidades comerciais em mudança.

Devido a sua versatilidade e simplicidade, a Instagram utiliza a estrutura Django, escolhendo Python na corrida PHP-vs-Python. Ele ajuda este site de mídia social a atender a seus milhões de usuários todos os dias, sem aborrecimentos.

Conclusão: Python, novamente.

Segurança

PHP vs Python: Segurança

PHP vs Python: Segurança

A cibersegurança é provavelmente uma das maiores preocupações do mundo da Internet.

Os ataques cibernéticos também estão evoluindo com os avanços da tecnologia, como o cross-site scripting (XSS), a injeção de malware, esquemas de phishing, ataques DDoS, e muito mais.

Em última análise, empresas e indivíduos estão sofrendo enormemente em termos de dinheiro e reputação.

Segundo um relatório Varonis publicado em março de 2021, 88% das organizações globais enfrentaram ataques de pesca submarina em 2019, enquanto 95% de todas as violações de segurança cibernética ocorreram devido a erro humano.

É por isso que os desenvolvedores e designers precisam levar a segurança a sério para o desenvolvimento web. Escolher uma linguagem de programação que possa proporcionar melhor segurança é o que eles devem almejar.

Outro estudo publicado em dezembro de 2015 mostra que cerca de 86% dos aplicativos escritos em PHP envolvem pelo menos uma vulnerabilidade XSS. Muitas questões de segurança em PHP foram resolvidas devido a sua enorme comunidade, mas você precisa escolher a alternativa mais segura.

Python é mais seguro do que o PHP. Tem muitos recursos de segurança que você pode aproveitar para construir aplicativos complexas com funcionalidades de ponta e objetivos claros. Na verdade, este relatório de março de 2019 mostra que Python é uma das linguagens de programação mais seguras.

Por exemplo, a Python suporta o Django, que vem com recursos de segurança para proteger os aplicativos contra ameaças. É por isso que muitas organizações governamentais e instituições bancárias utilizam o Python para construir seus aplicativos robustos com segurança de primeira linha.

Conclusão: Python vence sem pensar duas vezes.

Depuração

PHP vs Python: depuração

PHP vs Python: depuração

A próxima comparação em nosso PHP vs Python é o quão eficientes ambas as linguagens são para a depuração.

Cansado do suporte de hospedagem do WordPress de nível 1 sem as respostas? Experimente nossa equipe de suporte de classe mundial! Confira nossos planos

Como desenvolvedor, você precisa estar preparado para ambos os casos, quando as coisas funcionam e quando não funcionam.

E quando seu aplicativo tiver bugs, ele não terá o desempenho esperado e poderá incorrer em riscos de segurança também.

Neste caso, um depurador eficiente ajuda a descobrir o que deu errado com seus códigos e a consertá-los.

A depuração de PHP pode ser um pouco complicada. Pode precisar que você faça algum trabalho extra às vezes para completar o processo de depuração. Entretanto, usar um depurador PHP como XDebug não é difícil, então você pode começar com o processo de depuração mais cedo e completá-lo.

Como PHP, Python também tem depuradores brilhantes como o depurador Python (PDB) que é fácil de usar, mesmo se você for um iniciante. Portanto, basta pressionar o botão “debug” e começar a se livrar de bugs para obter um aplicativo com melhor desempenho e segurança.

Além disso, alguns dos depuradores de ambos PHP e Python podem ser integrados com IDE, tais como PyCharm ou Visual Studio Code.

Conclusão: É um empate.

Documentação

Se você é um iniciante ou um desenvolvedor experiente que vai iniciar um novo projeto, uma das coisas mais importantes que você precisa é uma boa documentação. É essencial para a linguagem de programação que você escolheu ou para as ferramentas que você vai usar.

Ele fornecerá informações completas e o ajudará a manter-se atualizado com os últimos desenvolvimentos introduzidos juntamente com os desafios que você teria que enfrentar.

É por isso que precisamos ver quão boa é a documentação para cada linguagem de programação nesta comparação PHP vs. Python.

Tanto PHP quanto Python têm documentação abrangente disponível em abundância. Você pode consultar inúmeros fóruns, sites, fóruns de discussão, tutoriais e cursos disponíveis para ambos.

PHP tem um site de documentação que consiste de informações em 10 idiomas. Ele cobre profundamente as características do PHP em linguagem simples. Os desenvolvedores podem comentar em cada página que podem ajudar a esclarecer conceitos complexos com exemplos eficazes.

Mas estes comentários, uma vez contribuídos, permanecem para sempre na página para que todo visitante possa vê-los. Como resultado, até mesmo os comentários mais antigos aparecem no topo relacionados às versões anteriores do PHP.

Isto significa que eles estão resolvidos ou obsoletos. Mas quando as pessoas os vêem no início, isso cria muita confusão, pois elas não entendem imediatamente quais questões foram abordadas e no que ainda estão trabalhando. Isto é uma desvantagem para a documentação nativa do PHP.

Com Python, você não encontra situações como esta. Ele também possui documentação aprofundada para cada versão com um índice, novas melhorias introduzidas, instalação de módulos Python, tutorial completo, uso, referência de biblioteca, extensões, seção FAQ, e muito mais.

Além disso, a documentação não mostra comentários, portanto, não há confusão. No entanto, as explicações dadas podem ser difíceis de entender por alguns.

Comparando cada vantagem e desvantagem, Python ainda pontua mais devido aos comentários obsoletos, criando confusão no PHP.

Conclusão: Python.

Como eles funcionam com WordPress

PHP vs Python: WordPress

PHP vs Python: WordPress

O WordPress usa PHP como sua linguagem de programação principal. Portanto, ela já tem importância entre a Comunidade WordPress.

Se você quiser entender como PHP funciona com WordPress, basta baixar o WordPress do seu site oficial e abrir o arquivo ZIP baixado. Ele terá a maioria das instruções detalhadas para PHP.

Além disso, se você instalar um tema WordPress ou plugin, você encontrará arquivos PHP na maioria deles.

Assim, quando os visitantes navegam em seu site, os módulos PHP no servidor processam os códigos PHP, geram a saída em HTML, e a exibem na tela do visitante.

O WordPress precisa de PHP para processar uma solicitação de URL, buscar dados de um banco de dados, carregar arquivos, buscar metadados de posts, validar permissões de usuários, chamar plugins e temas, carregar um documento ou imagem e muito mais, além de construir uma página web e uma interface.

Agora vem a melhor coisa: você não precisa necessariamente aprender PHP para usar e gerenciar um site WordPress.

Mas se você quiser modificar os atributos padrão do WordPress, fazer personalizações complexas ou desenvolver novos plugins e temas para WordPress, aprender PHP é uma obrigação, juntamente com os conceitos básicos de CSS e HTML.

WordPress e seus plugins e temas são escritos em PHP, Python e WordPress parecem ser um par estranho.

É por isso que se você só precisa de um CMS ou planeja iniciar um blog, use o WordPress, mas escolha Python para desenvolver um aplicativo de alta tecnologia, raspagem da web ou análise de dados.

No entanto, se você ainda quiser usar Python no WordPress, você precisa encontrar um link comum – o MySQL.

Tanto o WordPress quanto o Python suportam o MySQL. Você precisará de um plugin que possa iniciar consultas ao MySQL em seu banco de dados, e então exibir a saída em seu front-end.

No entanto, muitos não gostariam de ir com esses aborrecimentos.

Portanto, PHP, sem dúvida, funciona muito bem com WordPress e bate Python por uma margem significativa aqui.

Conclusão: O PHP vence.

Como eles trabalham com o MySQL

O MySQL foi lançado em 1995, no mesmo ano que o PHP. Tornou-se rapidamente um líder no mundo do banco de dados. É de código aberto e vem com muitos benefícios, como alta velocidade, menos pegadas digitais, escalável, fácil de instalar, segurança confiável e muito mais.

Portanto, se você quiser usar o MySQL em seu aplicativo, você precisa ter certeza de qual programação funciona melhor. Portanto, vamos comparar a usabilidade do MySQL nesta batalha PHP vs. Python.

A combinação de MySQL e PHP oferece opções ilimitadas para construir quase qualquer tipo de site, desde um portal de grandes empresas até um formulário de contato em pequena escala. PHP funciona virtualmente com todos os bancos de dados, como Oracle, MySQL, e muito mais.

E o MySQL é utilizado mais comumente em produtos web baseados em PHP porque é de código aberto, disponível gratuitamente, altamente versátil, fácil de usar, rápido, confiável, e utiliza SQL padrão.

As pessoas utilizam amplamente PHP e MySQL para desenvolver aplicativos multi-plataforma que podem ser executadas em diferentes Oss como Windows, Unix, Linux, Mac, etc.

O PHP é projetado para se conectar sem esforço ao MySQL assim que você completar a execução do comando php. Mas com outras linguagens de programação, você pode ter que instalar códigos extras ou alguns plugins para se conectar ao MySQL.

Vindo para Python, é necessário um driver especial para falar com um banco de dados MySQL. Esses drivers estão disponíveis em fornecedores terceirizados. Antes de usar qualquer um deles, é recomendável ler a documentação Python e verificar se todos os drivers estão de acordo com sua interface padrão.

A documentação do MySQL usa a palavra “conector”, substituindo “driver” para esclarecer que ele se conecta, bem como interage com o banco de dados.

As diferentes linguagens de programação têm diferentes drivers ou conectores, e Python usa o MySQL Connector.

Para estabelecer a conexão, você pode usar o PIP para instalar o MySQL Connector. Em seguida, você precisa testar a conexão de banco de dados usando Python e depois criar um banco de dados. Agora, você pode executar consultas SQL, buscar resultados, notificar o banco de dados sobre quaisquer alterações e fechar a conexão.

Todos estes processos podem ser complicados para muitos. Portanto, comparando o que funciona melhor com o MySQL entre PHP e Python, é definitivamente PHP.

Conclusão: O PHP é o vencedor.

Para desenvolvimento de sites e aplicativos

A seguir, entender o que funcionaria melhor para o desenvolvimento de sites e aplicativos é a chave. A linguagem que você escolher deve ser um bom ajuste para suas exigências únicas.

Tanto o PHP quanto o Python são adequados para o desenvolvimento de web e aplicativos. Portanto, tudo se resume exatamente ao que você está planejando desenvolver, quão complexo é, e a escala.

O PHP foi projetado para o desenvolvimento web em sua essência. O PHP pode ser adequado se você quiser desenvolver um aplicativo menos complexo, de pequena escala ou de média escala com características limitadas.

Além disso, o PHP ajuda a acelerar ou simplificar o processo de desenvolvimento com suas ferramentas prontas para uso, ricas em recursos. Também pode ser uma escolha sábia para desenvolver sites CMS e ecommerce. O PHP permite a integração com aplicativos de terceiros de forma impecável.

Por outro lado, Python vem com funcionalidades poderosas que são extremamente adequadas para construir aplicativos baseadas em IA, ML, ciência de dados, grandes dados, etc. Você tem várias opções disponíveis para bibliotecas como TensorFlow, Theano, Pandas e mais (já vimos algumas delas na seção anterior).

Assim, você pode ver que tanto o Python quanto o PHP são bons em seus próprios modos. Qual deles você escolhe depende muito das exigências do seu projeto. Seria melhor se você também adquirisse uma compreensão completa dessas duas linguagens e de sua usabilidade para escolher qualquer uma delas.

Conclusão: Nenhum vencedor claro.

Comunidade de desenvolvedores e suporte

Ter uma comunidade de desenvolvedores ativa e solidária é desejável. Ela ajuda os novos desenvolvedores e os profissionais curiosos a esclarecer suas dúvidas.

PHP e Python foram lançados no mercado há décadas e têm uma excelente comunidade de desenvolvedores para apoiar os profissionais.

Você pode procurá-los em sites e fóruns dedicados e fazer perguntas para entender melhor suas habilidades de programação e desenvolvimento web.

Desde sua introdução em 1995, o PHP tem sido continuamente melhorado com novos lançamentos de recursos e resoluções de emissões. Como resultado, temos agora o PHP 7, que é conhecido por sua incrível velocidade e desempenho.

Há uma vasta comunidade de desenvolvedores disponíveis para PHP para estender a ajuda. Devido às características fortes da linguagem, o Facebook usa o PHP como sua principal linguagem de programação backend.

Falando em Python, foi lançado em 1991 e conta com uma grande comunidade de desenvolvedores que trabalha ainda mais para desenvolver a linguagem de programação e torná-la ainda mais robusta. Portanto, sua comunidade também é forte como as do PHP.

A Python ficou mais famosa quando o Google a usou para desenvolver o YouTube e outros produtos. Além disso, outras empresas notáveis que usam Python são a Pinterest, Reddit e até a Instagram.

Assim, o pescoço e pescoço da concorrência para PHP vs Python em termos de comunidade de desenvolvedores e suporte.

Conclusão: Ambos são vencedores.

Semelhanças

PHP vs Python: Similaridade

PHP vs Python: Similaridade

Agora, vamos descobrir algumas semelhanças entre PHP e Python:

Diferenças

As principais diferenças entre PHP e Python são resumidas como se segue:

Parâmetro PHP Python
Tipo de linguagem Linguagem de script para desenvolvimento web Linguagem de programação de uso geral
Curva de aprendizagem Mais difícil de aprender do que Python Mais fácil de aprender, mesmo para iniciantes
Estruturas com exemplos Um número maior de estruturas suportadas (exemplos: CodeIgniter, Laravel, Symfony, Yii, CakePHP) Menos estruturas em comparação com PHP, mas o que está disponível é eficaz (exemplos: Django, TurboGears, Bottle, Flask, Web2Py, Tornado, Pyramid)
Velocidade As versões anteriores eram mais lentas, mas o PHP 7 é excepcionalmente rápido – mesmo mais rápido do que o Python. Projetado para ser rápido desde o início
Conectividade do banco de dados É amigável ao banco de dados, capaz de se conectar com mais de 25 bancos de dados sem problemas. A conectividade do banco de dados é possível, mas não para todos. Além disso, ela precisa de drivers.
Sintaxe Sua sintaxe pode ser um pouco complexa, usa suportes encaracolados, regras de nomenclatura, símbolo $ antes das variáveis, e assim por diante. Sua sintaxe é nítida e clara. Não há uso de aparelho encaracolado e não há necessidade de definir variáveis.
Suporte à biblioteca Oferece Packagist, que é robusto, mas ainda assim o PHP não oferece um suporte mais amplo à biblioteca Vasto suporte da biblioteca para quase todos os tipos de aplicativos
Identificadores-chave Código aberto e gratuito, melhorias freqüentes, desdobramento descontraído Digitação dinâmica, códigos simples, e desenvolvimento rápido
Popularidade Mais popular (cerca de 79% dos sites usam PHP) Menos popular que PHP (cerca de 1,1% de todos os sites na Internet usam Python)
Capacidade de leitura Menos legível e de fácil manutenção É projetado para reduzir as complexidades e ser altamente legível com um inglês simples.
Programação funcional Sem paradigmas funcionais Os métodos de programação funcional são suportados.
Segurança Muitos ataques de segurança têm sido testemunhados Mais seguro com recursos integrados de segurança cibernética
Documentação Bem documentado e disponível, mas comentários antigos continuam a aparecer para fomentar a confusão. Bem documentado sem confusões
Utilização Principalmente para desenvolvimento web Uso mais amplo, incluindo desenvolvimento de web e aplicativos junto com AI, ML, ciência de dados, grandes dados, etc., tecnologias emergentes
Usuários notáveis Facebook, WordPress, Wikipedia, Yahoo YouTube, Pinterest, Instagram, Quora, Uber, Spotify, Dropbox
GitHub estrelas 30K 30.4K
Garfos 8.04K 8.23K
Há uma batalha em curso na arena do desenvolvimento de software & tudo volta ao PHP vs. Python 🥊 Encontre a melhor linguagem de programação para as necessidades do seu projeto aqui mesmo 👇Click to Tweet

Resumo

Nesta comparação PHP vs Python, Python ganha por 2 pontos. Mas isto não significa que você tem que escolher Python e negligenciar o PHP.  Tanto o PHP quanto o Python são excelentes linguagens de programação adequadas para o desenvolvimento de sites e aplicativos.

O PHP tem sido a escolha para a maioria dos projetos de desenvolvimento web por um longo tempo. Mas agora, Python está lentamente abrindo seu caminho com suas características e funcionalidades excepcionais para aplicativos baseadas em ciência de ponta e que atendem a este mundo moderno e com tecnologia de ponta.

No final, depende em grande parte de seus requisitos de projeto junto com suas habilidades, conhecimento e perícia em PHP ou Python. Você pode ir com qualquer um deles se você for um programador experiente e precisar projetar um site básico com menos complexidade.

Mas se você é um iniciante, tente aprender Python primeiro, e então você pode mudar gradualmente para PHP ou outras linguagens.

Novamente, se você precisa desenvolver aplicativos e sites baseados na ciência como AI, ML, Big Data, etc., Python é melhor.


Se você gostou deste artigo, então você vai adorar a plataforma de hospedagem WordPress da Kinsta. Turbine seu site e obtenha suporte 24/7 de nossa experiente equipe de WordPress. Nossa infraestrutura baseada no Google Cloud se concentra em escalabilidade automática, desempenho e segurança. Deixe-nos mostrar-lhe a diferença Kinsta! Confira nossos planos