O que lhe vem à mente quando pensa em SEO?

Se você é como a maioria das pessoas, sua mente vai imediatamente para palavras-chave, conteúdo e, é claro, backlinks. No lado técnico, você pode estar familiarizado com fatores como a estrutura do site e a facilidade de uso do celular.

Mas você sabia que à sua hospedagem de site afeta o SEO?

A hospedagem pode ter um grande impacto no desempenho do seu mecanismo de pesquisa, mas muitas empresas não pensam nisso como parte da sua estratégia de SEO. Isso é um erro – escolher o serviço de hospedagem certo pode melhorar a classificação do seu mecanismo de pesquisa, diminuir sua taxa de rejeição e impulsionar as conversões.

Este artigo demonstra como a hospedagem afeta o SEO e como você pode escolher a hospedagem de sites certo para o seu site.

Por que SEO é tão importante?

Antes de entrarmos em como a hospedagem de sites afeta o SEO, falaremos sobre por que você deve se preocupar com a otimização dos mecanismos de pesquisa em primeiro lugar. Você tem muito em que pensar – será que investir tempo e recursos em SEO realmente vale a pena?

A resposta curta é sim. SEO é uma das coisas mais importantes que você pode fazer para comercializar seu negócio.

Por quê?

Primeiramente, porque os mecanismos de pesquisa estão onde as pessoas estão. Ao procurar informações sobre um produto específico que eles querem comprar, 55% dos compradores se voltam para um mecanismo de pesquisa. Em outras palavras, já existem pessoas procurando no Google por produtos como o seu. SEO ajuda você a entrar nos resultados de pesquisa deles.

Hospedagem 🤝 SEO. Saiba mais sobre como eles vão de mãos dadas neste guia ✅Clique para Tweetar

Mas não é suficiente estar na página dois dos resultados ou mesmo na metade da primeira página. A maioria dos pesquisadores não percorre tão longe. 28,5% de todos os usuários clicam no primeiro resultado do Google. O segundo aparece com 15,6% do tráfego e o terceiro com 11%. O 10º lugar recebe apenas 2,5% dos pesquisadores para clicar, e quase ninguém consegue chegar à segunda página.

Uma imagem mostrando a taxa de cliques do Google por posição na página de resultados do mecanismo de pesquisa
Uma imagem mostrando a taxa de cliques do Google por posição na página de resultados do mecanismo de pesquisa.

Quando feito corretamente, SEO pode ajudar o seu site a subir ao topo dos resultados onde os pesquisadores irão realmente vê-lo. Então, SEO até ajuda a construir a consciência da marca. Aparecer em resultados de pesquisa relevantes melhora sua visibilidade e sua reputação.

Como a hospedagem afeta o seu SEO?

Hospedagem pode não ser o componente mais conhecido do SEO, mas é um componente importante. Para ser favorecido pelo Google, seu site precisa funcionar bem, e sua empresa de hospedagem pode ajudar com isso (ou prevenir isso).

Aqui estão algumas maneiras que sua hospedagem pode afetar o desempenho do seu mecanismo de pesquisa.

Velocidade do site e tempos de carregamento

Um cliente potencial encontra você no Google e clica no link. Quanto tempo você acha que eles vão esperar para carregar a página antes de sair e escolher um resultado de pesquisa diferente?

Se você disse que eles esperariam vários segundos ou mais, você pode estar superestimando a paciência deles.

Os tempos de carregamento rápidos aumentam as chances de um visitante do site fazer uma compra. Um site que carrega em um segundo tem uma taxa de conversão três vezes maior do que um site que carrega em cinco segundos. E um estudo de dados de um site móvel descobriu que uma melhoria de 0,1 segundo na velocidade do site fez com que os compradores de varejo gastassem quase 10% a mais.

Conversões por velocidade de carregamento de página
Conversões por velocidade de carregamento de página

Ter um site rápido também pode melhorar o seu lugar na página de resultados do mecanismo de pesquisa. Como sabemos? Porque o Google disse que sim. O Google confirmou pela primeira vez a velocidade do site como um fator de ranking em 2010 (e ainda menciona isso até hoje).

E esta é apenas a ponta do iceberg de como a hospedagem afeta o SEO.

Claro, sua escolha de hospedagem de sites não é o único fator que pode afetar a velocidade e o tempo de carregamento do seu site, mas é o mais significativo. Caso você já resolveu outras coisas como o cache e a minificação do JS, investir em uma hospedagem mais rápida e de maior qualidade pode lhe proporcionar velocidades de carregamento mais rápidas e lhe render mais tráfego e conversões.

Por exemplo, Kinsta se concentra em hospedagem de aplicativos, hospedagem de banco de dados e hospedagem gerenciada de WordPress, oferecendo uma variedade de recursos exclusivos para garantir que você tenha o site de carregamento mais rápido possível.

Veja o Kinsta APM (Application Performance Monitoring), por exemplo. Grátis para usuários Kinsta, o Kinsta APM captura informações com registro de tempo nos processos PHP do seu site, consultas ao banco de dados MySQL, chamadas HTTP externas, e muito mais.

Tempo de inatividade do servidor

Ninguém quer que seu site não funcione.

Você deve ter percebido quanto custa para você o tempo de inatividade do servidor. Você perderá vendas em potencial enquanto o site estiver fora do ar. E sua reputação precisa ser analisada – se um cliente acessar seu site quando ele estiver inativo, ele poderá considerá-lo não confiável e não retornará.

E fica pior. O tempo de inatividade do servidor também afeta o SEO. Se um mecanismo de pesquisa rastrear seu site quando ele estiver inativo, você pode ser temporariamente desindexado. E o Google tem sido conhecido por rastrear um site com menos frequência se ele sofrer um downtime, o que não é bom para o SEO.

Qualquer site pode experimentar um pouco de tempo parado, mas você quer minimizá-lo. Um provedor de hospedagem de sites com garantia de tempo de atividade pode garantir que o tempo de inatividade do servidor seja um problema raro.

Localização

Quando você estiver escolhendo um provedor de hospedagem de sites, olhe onde os servidores da empresa estão localizados.

Servidores localizados mais próximos da maioria do seu público oferecerão melhores velocidades do site, o que é importante para SEO. A localização também pode afetar os regulamentos de armazenamento de dados que você tem que cumprir. Isso é importante para a otimização dos mecanismos de pesquisa porque a não conformidade pode levar a paradas forçadas.

Outro fator baseado na localização é o seu nome de domínio (que não precisa ser fornecido pela sua empresa de hospedagem, mas muitas vezes é). O Google confirmou que todas as extensões genéricas de domínio são iguais em termos de SEO – você pode se sentir livre para escolher .pizza ao invés de .com se isso funcionar para o seu negócio.

Extensões de país são outra história. Por exemplo, se você usar um domínio .fr, o Google segmentará geograficamente seu site para a França. É provável que tenha um desempenho melhor nos mecanismos de pesquisa desse país do que em outros mecanismos de pesquisa.

Tipos de hospedagem

Quando você começar a procurar por empresas de hospedagem, você notará uma grande variedade de preços e muitos termos diferentes como hospedagem compartilhada, hospedagem dedicada e hospedagem gerenciada. Se você é novo na propriedade de um site, isso pode ficar confuso.

Há vários tipos de hospedagem disponíveis, e aquela que você escolher pode impactar o seu SEO. Vamos ver alguns tipos de hospedagem de sites que você pode encontrar e como eles afetam a otimização dos mecanismos de pesquisa.

Grátis

Existem maneiras de hospedar um site gratuitamente. Por exemplo, você pode usar o wordpress.com ou outro construtor de sites como Wix.

Estas opções podem ser aceitáveis para um site pessoal, mas não são boas para SEO ou para à sua marca pessoal. Você normalmente não pode ter seu próprio nome de domínio, e seu site não terá desempenho suficiente para lidar com o alto tráfego.

Você pode encontrar um plano compartilhado por tão baixo quanto alguns dólares por mês – uma taxa que irá compensar quando se trata de SEO.

Compartilhado

É típico que pequenos sites comecem com a hospedagem compartilhada. Estes planos são baratos e amigáveis para iniciantes.

A hospedagem compartilhada mantém o custo-benefício através da divisão de recursos. Como o nome indica, um usuário em um plano de hospedagem compartilhado tem que compartilhar recursos com outros usuários no mesmo servidor.

Embora a hospedagem compartilhada seja uma boa maneira para os novos proprietários de sites começarem, ela tem seus pontos negativos para SEO. Se você compartilha um servidor com outros sites, esses sites podem afetar o desempenho do seu. Por exemplo, se um dos sites no seu servidor receber um grande pico de tráfego, isso pode atrasar o seu site, o que por sua vez afeta a otimização dos mecanismos de pesquisa.

Como funciona um servidor compartilhado
Como funciona um servidor compartilhado.

VPS (Servidor Virtual Privado)

Se você escolher hospedar seu site em um Servidor Privado Virtual, você ainda estará compartilhando um servidor físico com outros sites. No entanto, você tem uma partição virtual só para você. Isso melhora o desempenho e reduz a chance de que o tráfego de outro site possa afetar sua velocidade de carregamento e SEO.

Dedicado

Hospedar em um servidor dedicado é exatamente o que parece – o servidor inteiro é dedicado a você. Isso significa mais tempo de atividade e velocidades mais rápidas. Você também tem controle completo sobre as configurações do seu servidor, assim você pode ter certeza de que seu site terá um bom desempenho.

A hospedagem dedicada é boa para SEO, mas é cara. A menos que você tenha um site de tamanho empresarial, você provavelmente não precisa dele.

Hospedagem na nuvem

Com a hospedagem na nuvem, seu site está espalhado por vários servidores remotos.

Se um dos servidores tiver um problema, os outros servidores da rede irão assumir o controle. A hospedagem na nuvem é ótima para garantir um alto tempo de atividade, o que é bom para SEO. Se você tem a experiência certa para configurá-lo corretamente, é também uma das melhores maneiras de configurar um site de carregamento rápido.

No entanto, pode ser um pouco complicado colocar algo como o WordPress em funcionamento se você nunca o fez antes.

Hospedagem gerenciada

Se o lado técnico de gerenciar um site não é sua área de especialização – ou se você simplesmente não tem tempo para lidar com isso – por que não chamar os profissionais?

Com a hospedagem gerenciada, sua empresa de hospedagem assume uma grande parte do trabalho, como configuração de hardware e software, manutenção, suporte técnico e atualização e monitoramento do seu CMS.

É um pouco mais caro que a hospedagem compartilhada, mas ainda dentro do orçamento para a maioria das pequenas e médias empresas. A velocidade do seu site, tempo de inatividade e outros fatores de desempenho serão melhores quando você tiver suporte do seu provedor de hospedagem web.

Kinsta oferece hospedagem de aplicativos, hospedagem de banco de dados e hospedagem gerenciada de WordPress otimizada para velocidade, segurança e pico de tráfego. As empresas de eCommerce também podem se beneficiar da hospedagem gerenciada de WooCommerce da Kinsta.

Taxa de rejeição

A taxa de rejeição é a porcentagem de visitantes que visitam apenas uma página e não tomam nenhuma ação em seu site. Em outras palavras, eles abandonam (rejeitam) antes de fazer qualquer coisa.

Se a taxa de rejeição afeta o ranking do Google é controverso. O Google negou que a taxa de rejeição é um fator de classificação, enquanto outras fontes mostram uma correlação clara entre uma alta taxa de rejeição e uma classificação mais baixa nas SERPs.

Taxa de rejeição por classificação no Google
Taxa de rejeição por classificação no Google

Embora não seja um fator de classificação oficial, muitas vezes pode ser um indicador de baixo tempo de permanência, o que é um fator crucial no ranking do Google em 2022. Basicamente, se um grande número de pessoas sai rapidamente do seu site e volta ao Google, é uma indicação de que os usuários não encontram o seu conteúdo relevante para à sua pesquisa. E como o Google quer fornecer conteúdo relevante, eles começarão a classificá-lo mais baixo quando isso acontecer.

Melhorar sua taxa de rejeição e tempo de permanência é um aspecto crucial do SEO técnico. Uma taxa de rejeição mais baixa significa que mais pessoas ficam na sua página e interagem com ela, o que provavelmente levará a mais conversões.

O que isso tem a ver com a hospedagem? Uma alta taxa de rejeição pode ser causada por um site lento ou pelo tempo de inatividade do servidor – fatores afetados pela sua escolha de uma hospedagem de sites.

Segurança

O Google não quer enviar seus usuários para sites de risco.

Em 2014, ele anunciou que a criptografia HTTPS válida era um sinal de classificação. HTTPS permite que um navegador ou aplicativo web do usuário se conecte com seu site com segurança. No anúncio, o Google esclareceu que HTTPS seria um sinal de classificação “leve”, significativamente menos importante do que coisas como a qualidade do conteúdo. Até onde sabemos, este ainda é o caso hoje.

HTTP vs criptografia HTTPS
HTTP vs criptografia HTTPS (Fonte: Savvy Security)

O que é menos claro é se outros fatores de segurança são sinais de classificação. Obter seu site hackeado e ter o conteúdo substituído por malware ou spam pode afetar negativamente à sua classificação de pesquisa. Mas de qualquer forma, estar atualizado com a segurança do seu site é uma melhor prática.

A hospedagem do seu site é essencial para a segurança do seu site. Por um lado, a empresa de hospedagem de sites é responsável pela segurança de seus servidores. Ela também pode fornecer a você outros serviços de hospedagem segura, como um certificado SSL gratuito ou scans regulares de malware.

Nível de suporte

Com algumas hospedagens de sites, você está na maioria das vezes por conta própria se o seu site tiver problemas. Outros provedores de hospedagem de sites (especialmente provedores de hospedagem gerenciadas) resolverão rapidamente o seu problema.

Já discutimos como o tempo de inatividade ou problemas de desempenho inesperados podem afetar seu SEO, para que você possa ver o quão crucial é o suporte técnico (não o suporte genérico ao cliente) quando se trata de hospedagem. Procure por um serviço de hospedagem de sites que regularmente faça backup de todo o seu ambiente do site, e que possa resolver rapidamente qualquer falha técnica.

Como escolher o melhor serviço de hospedagem para SEO

Agora você entende como a hospedagem afeta o SEO, e porque à sua escolha de servidor é um fator SEO muito subvalorizado. Mas como você escolhe um provedor de hospedagem de sites que irá aumentar à sua classificação, tráfego e conversões?

Enquanto você procura por hospedagem, tenha estes fatores em mente.

Tipo de hospedagem

Você está procurando manter os custos baixos com uma hospedagem compartilhada, ou você quer o melhor desempenho de um provedor de VPS? Certifique-se de saber em que tipo de plano de hospedagem você está contratando.

Tenha em mente que pode haver sobreposição entre os tipos de hospedagem que descrevemos acima. Por exemplo, Kinsta é um provedor de hospedagem gerenciada. Kinsta também aproveita o poder da hospedagem na nuvem – nossa infraestrutura é construída no Google Cloud Platform, o que significa que a capacidade do nosso servidor físico é compartilhada por múltiplos dispositivos de armazenamento. Como os dados estão espalhados por vários locais, seu site terá um tempo mínimo de inatividade relacionado à hospedagem de sites.

Estrutura de preços

O custo do seu plano de hospedagem não afeta seu SEO, é claro, mas é algo a ser considerado.

Vale a pena pagar um pouco mais por uma solução que irá ajudá-lo a subir na página de resultados do Google, ou você irá para a opção mais barata e investir em uma área diferente de SEO?

Muitas das principais soluções de hospedagem compartilhada oferecem um preço muito baixo adiantado, como $2,75 por mês. Antes que você seja atraído pelo baixo preço, certifique-se de entender exatamente o que você está recebendo pelo seu dinheiro.

Por exemplo, a escolha de um plano básico limita sua largura de banda ou limita seu tráfego? Você recebe alguma outra vantagem que pode afetar seu SEO, como recursos de segurança? Todos os canais de suporte da empresa estão disponíveis para os clientes no plano de camadas mais baixas?

Além disso, preste atenção no preço após seu primeiro ano de serviço – muitas vezes ele sobe após seu contrato inicial.

Suporte acessível

São 2:00 da manhã, e você percebe que seu site não está funcionando. Você está perdendo vendas no exterior a cada minuto e preocupado com o seu SEO. O seu serviço de hospedagem tem uma linha direta para o cliente a esta hora?

Melhor ainda, você tem uma equipe de hospedagem gerenciada constantemente monitorando seu site?

Quanto mais rápido você conseguir resolver problemas técnicos, melhor será o seu SEO. Descubra sobre os canais e horas de suporte da empresa de hospedagem e quanta ajuda eles podem oferecer.

CDN

Finalmente, determine se à sua solução de hospedagem oferece uma rede de entrega de conteúdo ou CDN. Os CDNs podem ser fornecidos por uma empresa de hospedagem, mas eles são um serviço separado projetado para acelerar o seu site.

Um CDN funciona através do cache de ativos estáticos como imagens, arquivos CSS e JS, fontes web e muito mais em centros de dados ao redor do mundo. Criar este cache acelera a entrega de conteúdo e faz com que seu site seja carregado mais rapidamente. Ele faz isso encurtando a distância física necessária para que os dados viajem. Ele também pode ajudar a diminuir seu tempo para o primeiro byte (TTFB), a medida de quanto tempo um navegador tem que esperar antes de receber seu primeiro byte de dados do servidor.

O resultado é um site mais rápido; como você já sabe, a velocidade do site é essencial para a otimização dos mecanismos de pesquisa.

Como funciona uma rede de entrega de conteúdo
Como funciona uma rede de entrega de conteúdo (Fonte: Plesk)

Um CDN também melhora o tempo de atividade ao tornar o conteúdo replicado disponível em múltiplos servidores em diferentes localizações geográficas. Se um servidor for desligado, o tráfego é redirecionado para outro. E como mais um benefício SEO, muitos CDNs fornecem recursos adicionais de segurança.

O CDN da Kinsta é alimentado por Cloudflare. Ele é ativado em todos os planos da Kinsta sem custo adicional para você. Os usuários Kinsta podem acessar o CDN através do MyKinsta.

Como mudar de empresa de hospedagem para melhorar o SEO

Alguns de vocês estão apenas começando como proprietários de sites. Vocês têm a oportunidade de escolher um site rápido e confiável desde o primeiro dia.

No entanto, é provável que a maioria de vocês que estão lendo isto já tenham sites na Internet. O que vocês devem fazer se descobrirem que seu host existente não corresponde com a realidade? A migração para um provedor de hospedagem de sites diferente prejudicará ainda mais o desempenho do seu mecanismo de pesquisa?

John Mueller, do Google, abordou esta questão. Quando você migrar pela primeira vez para um novo provedor de hospedagem de sites, o Google diminuirá sua frequência de rastreamento do seu site. Isso pode afetar o SEO. Entretanto, é temporário. Mueller diz:

“Com o tempo, uma vez que nossos sistemas possam dizer que ir mais rápido não causa nenhum problema, nós vamos acelerar novamente. Isso é independente do tipo de mudança de hospedagem que você faz. Não importa se você está mudando para outro fornecedor ou se está se mudando para outro país”.

Pronto para deixar os especialistas gerenciarem sua hospedagem?

Kinsta oferece migrações ilimitadas e gratuitas de todos os outros provedores de hospedagem. Mudamos regularmente sites de hospedagem de sites como WP Engine e Flywheel para Kinsta, o que muitas vezes resulta em um aumento substancial na velocidade.

Tentando melhorar o seu SEO? Não esqueça da hospedagem 🚀Clique para Tweetar

Resumo

A maioria das empresas escolhe hospedagem de sites baseados em fatores como preço e largura de banda sem nunca considerar a otimização para mecanismos de pesquisa.

Hospedagem de sites não é frequentemente discutida como um fator SEO, mas pode ter um impacto significativo em sua classificação, tráfego e conversões. O Google não se importa com qual provedor de hospedagem de sites você usa, mas se importa com fatores como velocidade do site, confiabilidade, tempo de funcionamento do servidor e segurança – todos os quais são afetados pela sua escolha da hospedagem de sites.

Considere um plano de hospedagem gerenciada para garantir que seu site seja monitorado e mantido por especialistas técnicos. A hospedagem gerenciada de WordPress da Kinsta oferece alta velocidade, suporte 24/7, recursos de segurança, um CDN e uma garantia de 99,9% de tempo de atividade garantida através da SLA.

Para mais maneiras de aumentar seu SEO, confira nossa lista de 61 dicas de SEO WordPress para aumentar seu tráfego orgânico em 250%.


Obtenha todos os seus aplicativos, banco de dados e Sites WordPress on-line e sob o mesmo teto. Nossa plataforma de nuvens de alto desempenho e repleta de recursos inclui:

  • Fácil configuração e gerenciamento no painel MyKinsta
  • Suporte especializado 24/7
  • O melhor hardware e rede do Google Cloud Platform, alimentado por Kubernetes para a máxima escalabilidade
  • Integração Cloudflare de nível empresarial para velocidade e segurança
  • Audiência global com centros de dados de até 35 e 275+ PoPs no mundo todo

Teste você mesmo com um desconto de 20 dólares em seu primeiro mês de Hospedagem de Aplicativos ou Hospedagem de Banco de Dados. Explore nossos planos ou entre em contato com as vendas para encontrar seu melhor ajuste.