Quando você pensa em desenvolvimento web, além de HTML, CSS e JavaScript, a linguagem PHP é um dos nomes que vem à mente.

Ao contrário da crença popular, o PHP não está morto. Ele ainda é amplamente utilizado por sites, incluindo grandes nomes como Facebook e Wikipedia.

De acordo com a W3Techs, o PHP é usado por cerca de 79% de todos os websites. É oito vezes mais popular do que o ASP.NET, o seu rival mais próximo nas linguagens de programação do lado do servidor.

A participação do uso do PHP tem se mantido consistente durante o último ano.

Uso histórico do PHP

Uso histórico do PHP

Os programadores de PHP freqüentemente se voltam para uma estrutura PHP para compor seu código. Vamos descobrir o que são estruturas PHP, por que elas são usadas, e examinar algumas das mais populares.

O que é uma estrutura PHP?

Uma estrutura PHP é uma plataforma para criar aplicações web PHP. As estruturas PHP fornecem bibliotecas de código para funções comumente usadas, reduzindo a quantidade de código original que você precisa escrever.

Por que usar uma estrutura PHP?

Há muitas boas razões para usar estruturas PHP, em oposição à codificação a partir do zero.

1. Desenvolvimento mais rápido

Como as estruturas PHP têm bibliotecas e ferramentas embutidas, o tempo necessário para o desenvolvimento é menor.

Por exemplo, a estrutura CakePHP tem a ferramenta de linha de comando Bake que pode criar rapidamente qualquer código de esqueleto que você precisa em sua aplicação.

Várias estruturas populares de PHP têm a biblioteca PHPUnit integrada para testes fáceis.

2. Menos Código para Escrever

O uso de funções incorporadas à estrutura significa que você não precisa escrever tanto código original.

3. Bibliotecas para tarefas comuns

Muitas tarefas que os desenvolvedores precisarão realizar dentro de aplicativos web são comuns. Exemplos são validação de formulários, sanitização de dados e operações CRUD (Create, Read, Update, and Delete). Em vez de ter que escrever suas próprias funções para estas tarefas, você pode simplesmente usar as que fazem parte da estrutura.

4. Siga as Boas Práticas de Codificação

As estruturas PHP geralmente seguem as melhores práticas de codificação. Por exemplo, eles dividem o código ordenadamente em vários diretórios de acordo com a função.

Framework de diretório padrão Symfony (Fonte da imagem: Symfony)

Estrutura de diretório padrão Symfony

Eles forçam você a organizar o código de uma maneira mais limpa, mais limpa e mais fácil de manter.

Os estruturas também têm suas próprias convenções de nomenclatura para entidades que você deve seguir.

5. Mais seguro do que escrever suas próprias aplicações

Existem muitas ameaças à segurança PHP, incluindo scripts cruzados, ataques de injeção SQL e falsificação de pedidos cruzados no local. A menos que você tome as medidas certas para proteger seu código, seus aplicativos web PHP ficarão vulneráveis.

O uso de uma estrutura PHP não é um substituto para escrever código seguro, mas minimiza a chance de explorações de hackers. Boas estruturas têm a sanitização de dados incorporada e defesas contra as ameaças comuns mencionadas acima.

6. Melhor trabalho em equipe

Projetos com vários desenvolvedores podem dar errado se não houver clareza sobre o assunto:

A utilização de uma estrutura estabelece regras básicas claras para seu projeto. Mesmo que outro desenvolvedor não esteja familiarizado com a estrutura, eles devem ser capazes de aprender rapidamente as cordas e trabalhar de forma colaborativa.

7. Mais fácil de manter

As estruturas PHP incentivam a refatoração do código e promovem o desenvolvimento do DRY (Don’t Repeat Yourself). A base de código mais enxuta resultante precisa de menos manutenção.

Você também não precisa se preocupar em manter a estrutura central, como é feito para você pelos desenvolvedores.

O PHP está longe de estar morto. 💀 De facto, é utilizado por cerca de 79% de todos os websites! 🤯 Saiba mais sobre estruturas PHP neste guia ⤵️Click to Tweet

O que você precisa saber antes de usar uma estrutura PHP

A primeira coisa que você precisa saber antes de usar uma estrutura PHP é o próprio PHP! Se você não tiver um bom domínio da linguagem, você terá dificuldade para pegar uma estrutura. A maioria das estruturas funcionam com PHP versão 7.2 ou posterior.

Se você precisar aperfeiçoar o seu PHP, leia estes artigos:

Em seguida, você deveria ter construído algumas aplicações PHP próprias, para que você tenha uma compreensão clara do que é necessário no frontend e backend.

Conhecer PHP orientado a objetos também é uma necessidade, pois a maioria das estruturas modernas de PHP são orientadas a objetos. Certifique-se de compreender conceitos como classes, objetos, herança, métodos, traços e modificadores de acesso.

Como muitos aplicativos web se conectam a um banco de dados, você deve conhecer os bancos de dados e a sintaxe SQL. Cada estrutura PHP tem sua própria lista de bancos de dados suportados.

É útil entender um modelo de Mapeamento Relacional a Objetos (ORM). ORM é um método de acesso aos dados do banco de dados usando a sintaxe orientada a objetos em vez de usar SQL. Isto significa que você pode escrever suas consultas de banco de dados em PHP familiar, embora possa haver momentos em que você queira usar SQL.

Muitas estruturas PHP têm suas próprias ORM embutidas. Por exemplo, Laravel usa o ORM Eloquente. Outros usam um ORM de código aberto como Doctrine.

Entender como funcionam servidores web como Apache e Nginx é útil. Você pode precisar configurar os arquivos no servidor para que seu aplicativo funcione de forma ideal.

Você provavelmente fará muito de seu desenvolvimento localmente, então você precisa saber sobre o localhost, também. Outra opção é criar e testar seu aplicativo em um ambiente virtual usando o Vagrant e o VirtualBox.

Arquitetura do controlador de visão de modelo

As estruturas PHP normalmente seguem o padrão de projeto Model View Controller (MVC). Este conceito separa a manipulação de dados de sua apresentação.

Model View Controller Process - PHP frameworks

Model View Controller Process (Fonte de imagem: Wikimedia Commons)

O Modelo armazena a lógica comercial e os dados de aplicação. Ele passa os dados para o View, a camada de apresentação. O usuário interage com a View e pode inserir instruções através do Controlador. O Controlador dá estes comandos ao Modelo, e o ciclo continua.

Em resumo, o Modelo é sobre dados, a Vista é sobre aparência e o Controlador é sobre comportamento.

Uma analogia do padrão MVC é pedir um coquetel em um bar.

O Usuário é o cliente que chega ao bar (o View) que precisa de um refresco. O Usuário dá seu pedido de bebida para o barman (o Controlador).

O Controlador compõe o pedido a partir do Modelo – a receita, os ingredientes e o equipamento. Dependendo do coquetel, eles podem usar qualquer um dos seguintes itens, ou outros:

O coquetel acabado é colocado na barra para o usuário desfrutar. Caso o Usuário queira outra bebida, ele deve falar primeiro com o Controlador. Eles não estão autorizados a acessar o Modelo e misturar sua própria bebida.

Em termos de aplicação PHP, o MVC poderia corresponder ao seguinte:

Estar confortável usando uma interface de linha de comando (CLI) ajuda quando se usa uma estrutura PHP. Laravel tem sua própria CLI, Artisan Console. Usando o comando make no Artisan você pode rapidamente construir modelos, controladores e outros componentes para seu projeto.

A familiaridade com a linha de comando também é fundamental para o uso do gerenciador de pacotes Composer PHP. A estrutura Yii é um dos vários que utilizam o Composer para instalar e gerenciar dependências, pacotes que são necessários para que uma aplicação seja executada.

Packagist é o principal repositório de pacotes que você pode instalar com o Composer. Alguns dos pacotes mais populares do Composer são executados com a estrutura Symfony.

Packagist embalagens populares

Packagist embalagens populares

O que você deve procurar em uma estrutura PHP?

Aqui estão alguns fatores que você precisa considerar ao escolher a melhor estrutura PHP para seu projeto.

Primeiramente, se você é novo em uma estrutura PHP, a curva de aprendizado não deve ser muito íngreme. Você não quer investir tempo precioso aprendendo uma estrutura se ela for muito complicada de se entender.

A seguir, você quer uma estrutura que seja fácil de usar e economize seu tempo.

Uma estrutura PHP deve atender às suas exigências técnicas para um projeto. A maioria das estruturas terá uma versão PHP mínima e certas extensões PHP com as quais elas funcionam. Certifique-se de que sua estrutura suporte seu(s) banco(s) de dados de sua escolha, e que você possa usar a estrutura com o servidor web que você deseja implantar.

Escolha uma estrutura com o equilíbrio certo de características. Uma estrutura rica em características pode ser uma bênção para alguns projetos. Por outro lado, se você não precisar de muitas características, escolha uma estrutura que seja despojada e mínima.

Algumas características desejáveis são:

Se você precisar construir uma aplicação que seja escalável, selecione uma estrutura que suporte isto.

Finalmente, boa documentação e suporte são importantes para que você possa tirar o máximo proveito de sua estrutura PHP. Uma estrutura com uma comunidade grande e vibrante é também mais provável de suportar o teste do tempo e também é capaz de ajudá-lo quando você se depara com dificuldades.

Quais são as Melhores Estruturas PHP em 2021?

É difícil obter uma lista definitiva de estruturas PHP. A Wikipedia lista 40 estruturas PHP, mas algumas delas são melhor descritas como sistemas de gerenciamento de conteúdo, e sem dúvida há muitas mais.

As primeiras estruturas PHP incluem PHPlib, Horde, e Pear. A maioria dos grandes nomes agora lançados em 2005 ou mais tarde.

Aqui estão algumas das melhores estruturas PHP em uso hoje em dia.

Laravel

Laravel

Laravel

Laravel é faturado como “The PHP Framework for Web Artisans”. Foi desenvolvido por Taylor Otwell, que queria uma estrutura com elementos que o CodeIgniter não tinha, como a autenticação do usuário.

Especificações rápidas

Lançado: Junho de 2011

Versão atual: 8, lançada em 8 de setembro de 2020.

Exigências técnicas:

Prós de Laravel

É fácil começar com Laravel Homestead, um ambiente de desenvolvimento virtual do tipo “doe-for-you”.

Laravel Homestead é uma caixa Vagrant oficial, pré-embalada, que fornece a você um ambiente de desenvolvimento maravilhoso sem a necessidade de instalar PHP, um servidor web e qualquer outro software de servidor em sua máquina local. Não se preocupe mais em bagunçar seu sistema operacional!

Se você é um usuário Mac, você também tem a opção de usar Laravel Valet como seu ambiente de desenvolvimento. A propósito, Laravel Valet suporta Symfony, CakePHP 3, Slim, e Zend, assim como WordPress.

Laravel usa um motor de modelo chamado Blade. Uma vantagem que ela tem sobre outros motores de modelos é que você pode usar PHP dentro do Blade, o que você não pode fazer com os outros.

Packalyst, uma coleção de pacotes Laravel, tem mais de 15.000 pacotes que você pode usar em seus projetos.

Laravel fornece uma gama de características e métodos de segurança, cobrindo o seguinte:

Laravel’s Eloquent ORM e Fluent Query Builder protegem contra ataques de injeção SQL, uma vez que utilizam a ligação de parâmetros PDO. A proteção contra falsificação cruzada (CSRF), que usa uma ficha de formulário CSRF oculta, também é ativada por padrão.

A ferramenta de linha de comando Artisan Console que Laravel tem acelera o desenvolvimento, permitindo aos desenvolvedores automatizar tarefas repetitivas e gerar rapidamente o código do esqueleto.

Quando fizemos testes de benchmark PHP, Laravel foi o mais rápido dos estruturas PHP que tentamos.

O ecossistema Laravel tem várias ferramentas úteis, como o Mix para a compilação de ativos CSS e JS, e o Socialite para autenticação OAuth.

Laravel se beneficia de uma grande comunidade de desenvolvedores (como WordPress). Você pode encontrá-los em:

  1. Laracasts: um portal de aprendizado com cursos, blog, podcast e fórum.
  2. Laravel.io: um portal comunitário com mais de 45.000 usuários.
  3. O subredito Laravel: lar de 50.000 artesãos Laravel.

Quem usa Laravel?

Symfony

Symfony

Symfony

Symfony é tanto uma estrutura PHP quanto uma coleção de componentes PHP para a construção de websites.

Especificações rápidas

Lançado: Outubro de 2005

Versão atual: 5.1.4

Exigências técnicas:

Prós da Symfony

Symfony é uma excelente escolha para websites e aplicativos que precisam ser escaláveis. Seu sistema modular de componentes é muito flexível e permite que você escolha os componentes necessários para seu projeto.

Symfony suporta a maioria dos bancos de dados fora das populares estruturas PHP:

A melhor maneira de interagir com seus bancos de dados é através da Doutrina ORM. Symfony usa mapeadores de dados para mapear objetos para o banco de dados. Isto mantém seu modelo de objeto e o esquema do banco de dados separados, o que significa que se você mudar uma coluna do banco de dados, não precisará fazer muitas mudanças em sua base de dados.

A depuração de projetos Symfony é simples com a barra de ferramentas embutida.

Symfony usa o motor Twig templating, que é fácil de aprender, rápido e seguro.

Packagist lista mais de 4.000 pacotes Symfony disponíveis para você baixar e usar.

A Symfony tem o apoio comercial da Sensio Labs. Isto significa que há suporte profissional disponível, ao contrário da maioria das outras estruturas PHP. Ela também tem versões de suporte de longo prazo que têm 3 anos completos de suporte.

Os desenvolvedores Symfony podem treinar e obter ajuda através de múltiplos canais:

Além disso, a Comunidade Symfony é enorme, com mais de 600.000 desenvolvedores ativamente envolvidos.

Quem usa o Symfony?

Outros grandes nomes usam componentes Symfony em seus projetos, incluindo Drupal, Joomla, e Magento.

CodeIgniter

CodeIgniter

CodeIgniter

A estrutura CodeIgniter ajuda a construir aplicativos web rapidamente, já que tem configuração mínima.

Especificações rápidas

Lançado: Fevereiro de 2006

Versão atual: 4.0.3

Exigências técnicas:

Vantagens do CodeIgniter

O CodeIgniter é conhecido por sua velocidade. Foi o segundo mais rápido dos quatro estruturas PHP que experimentamos em nossos testes de benchmark PHP.

A pegada leve da estrutura (é um download de 1,2MB) significa que não há inchaço. Você pode adicionar exatamente os componentes que você precisa.

CodeIgniter é flexível: encoraja o desenvolvimento com a arquitetura MVC, mas você também pode codificar aplicações não-MVC.

A estrutura inclui defesas contra ataques CSRF e XSS, além de fugas sensíveis ao contexto e uma Política de Segurança de Conteúdo.

CodeIgniter suporta múltiplos métodos de caching, acelerando seus aplicativos.

Como observado anteriormente, o CodeIgniter tem uma curva de aprendizagem fácil em comparação com outras estruturas e é bastante extensível.

A comunidade do CodeIgniter consiste em um fórum e um grupo Slack.

Quem usa o CodeIgniter?

Zend Framework / Laminas Project

Zend Framework

Zend Framework

A Zend Framework é uma estrutura PHP há muito estabelecida que agora está em transição para o Laminas Project. A migração para as Laminas é fortemente recomendada, uma vez que a Zend não está mais atualizada.

O Laminas Project é composto de 3 partes:

  1. Componentes de laminas e MVC
  2. Mezzio
  3. Ferramentas API para laminas

Especificações rápidas

Lançado: Março de 2006

Versão atual: 3.0.0 (Zend) ou 1.3.0 (Laminas)

Exigências técnicas:

Prós de Zend/Laminas

A Framework Zend já teve mais de 570 milhões de instalações. É também a estrutura PHP mais utilizada pelas empresas.

Zend segue as normas da estrutura PHP Interop Group (PHP-FIG), o que significa que seu código pode ser portado para outras estruturas sem dificuldade.

Como a Symfony, você pode usar apenas os componentes de que precisa.

Você pode usar o Zend para construir APIs RESTful.

A comunidade Laminas tem um fórum e um grupo Slack para colaboração e apoio.

Quem usa Zend/Laminas?

De acordo com a página inicial da Zend, a estrutura tem sido utilizada por grandes empresas, incluindo

Yii (Estrutura)

Yii Framework

Estrutura Yii

O nome desta estrutura, Yii, significa “simples e evolutivo” em chinês. Também significa “Sim, É!”.

Especificações rápidas

Lançado: Dezembro de 2008

Versão atual: 2.0.35

Exigências técnicas:

Prós de Yii

Você pode começar a trabalhar com a Yii em minutos. A documentação está bem escrita e é fácil de seguir.

A estrutura Yii  tem várias medidas de segurança tais como hashing de senha bcrypt, criptografia, autenticação e autorização. A documentação oferece as melhores práticas para prevenir ataques SQL injection, XSS e CSRF.

O gerador de código Gii pode construir rapidamente o código do esqueleto para você, economizando tempo.

Gerador de código Gii

Gerador de código Gii

Yii suporta quatro tipos de caching para acelerar aplicações web: caching de dados, caching de fragmentos, caching de páginas e caching HTTP.

Você pode executar código de terceiros dentro dos projetos Yii.

A comunidade Yii oferece apoio ao vivo via Slack ou IRC. Há também um fórum de discussão e canais de mídia social. A comunidade recompensa seus membros ativos com crachás e inscrições em um Hall da Fama.

Quem usa Yii?

CakePHP

CakePHP - PHP frameworks

CakePHP

CakePHP serve para o desenvolvimento rápido e limpo do PHP.

Especificações rápidas

Lançado: Abril de 2005

Versão atual: 4.1.1

Exigências técnicas:

Vantagens do CakePHP

A configuração é mínima. Você não precisa mexer com arquivos XML ou YAML. Uma vez configurado seu banco de dados, você pode começar a codificar.

Precisa de uma hospedagem rápida, segura e de fácil desenvolvimento para os sites dos seus clientes? Kinsta é construído com os desenvolvedores do WordPress em mente e fornece muitas ferramentas e um poderoso painel de controle. Confira os nossos planos

A CakePHP tem seu próprio ORM embutido, que é rápido e simples de usar.

Os recursos de segurança incluem métodos de criptografia, hashing de senha, proteção de dados de formulários e proteção CSRF.

Os Componentes e Ajudantes da CakePHP simplificam o desenvolvimento e reduzem o número de tarefas para pedestres que você deve fazer.

Github hospeda uma lista útil de recursos e plugins de CakePHP.

Você pode aprender CakePHP através do livro de receitas (documentação), treinamento on-line e conferências do CakeFest.

Você pode encontrar padeiros CakePHP amigáveis através de seus fóruns, Stack Overflow, IRC, e Slack. O suporte profissional também está disponível na Cake DC, dirigida pelo fundador da CakePHP, Larry Masters.

Quem usa CakePHP?

Slim

Slim Framework

Estrutura Slim

Slim é uma estrutura de micro PHP despojada, ágil e ágil, criada por Josh Lockhart. Ele se concentra em receber uma solicitação HTTP, invocar uma chamada de retorno e retornar uma resposta HTTP.

Especificações rápidas

Lançado: Setembro de 2010

Versão atual: 4.5.0

Exigências técnicas:

Prós de Slim

A base de código Slim é enxuta, pois não tem dependências de terceiros. Como resultado, ela é muito rápida.

Slim é particularmente adequado para a construção de pequenas aplicações e APIs. Se você precisar de mais da estrutura, Slim se integra tanto com componentes de primeira parte quanto com componentes de terceiros.

Slim é fácil de aprender e entender. Você pode ter um aplicativo “Olá Mundo” rodando em minutos.

Slim é classificado como a melhor estrutura PHP pelos desenvolvedores no site de comparação Slant.

Quais são as melhores frameworks PHP?

Quais são as melhores estruturas PHP?

Suporte profissional para Slim está disponível na Tidelift.

Quem usa Slim?

Phalcon

Phalcon

Phalcon

Phalcon é uma estrutura PHP construída para a velocidade. É entregue como uma extensão de servidor web escrita em Zephir e C. Nenhum conhecimento de C é necessário. Os desenvolvedores trabalham com as classes PHP e namespaces que a estrutura gera.

Especifições rápidas

Lançado: Novembro de 2012

Versão atual: 4.0.6

Exigências técnicas:

Prós da Phalcon

A Phalcon foi projetada para funcionar rapidamente, pois possui as seguintes características:

Como a Phalcon está frouxamente acoplada, você pode criar sua própria estrutura de diretórios. O código da Phalcon não vive no diretório do projeto, tornando o código leve.

O componente de segurança da Phalcon ajuda com o hashing da senha e a proteção do CSRF.

O motor de modelos da Phalcon, Volt, é extremamente rápido e vem com classes de ajuda para criar vistas facilmente.

Você pode buscar suporte para a Phalcon através de sua documentação, fóruns, Discord chat, Stack Overflow, e múltiplas plataformas de mídia social.

Quem usa a Phalcon?

De acordo com o site Phalcon BuiltWith, o Phalcon é usado por:

FuelPHP

FuelPHP

FuelPHP

FuelPHP é uma estrutura PHP orientada para a comunidade com mais de 300 colaboradores ao longo de sua vida útil.

Especificações rápidas

Lançado: Junho de 2011

Versão atual: 1.8.2

Exigências técnicas:

Vantagens da FuelPHP

FuelPHP usa MVC mas também suporta HMVC (Hierarchical Model View Controller). Isto acrescenta outra camada entre o Controller e a View. As vantagens do padrão de projeto do HMVC são:

Você pode escolher a estrutura de arquivos e pastas que deseja para seu projeto, pois há poucas restrições. FuelPHP leva a segurança a sério, com as seguintes características:

FuelPHP tem seu próprio utilitário de linha de comando, o óleo, que você pode usar para executar tarefas, depurar códigos e gerar componentes comuns.

O ORM FuelPHP é potente e, ao mesmo tempo, leve.

Você pode se juntar à comunidade FuelPHP em seus fóruns e no Facebook e Twitter.

Quem usa FuelPHP?

Fat-Free Framework

Fat-Free Framework

Fat-Free Framework

Como Slim, Fat-Free Framework (F3) é uma microestrutura. Seu objetivo é encontrar um equilíbrio entre características úteis, simplicidade, facilidade de uso e velocidade.

Especificações rápidas

Lançado: 2009

Versão atual: 3.7.2

Exigências técnicas:

Prós da Fat-Free Framework

A base de código está em torno de 65Kb, por isso é rápida. No entanto, a F3 ainda tem toda a funcionalidade que você esperaria. Você pode ampliá-la conforme suas necessidades com plugins opcionais.

É muito fácil de se pegar com Fat-Free Framework. Não há necessidade de usar o Composer, o curl, ou um injetor de dependência para começar. Você pode criar um aplicativo Hello World em minutos.

Quase toda a estrutura é modular, de modo que você pode usar apenas as peças necessárias para construir seus aplicativos web. F3 não adiciona código por padrão que você não precisa, mantendo seus aplicativos mínimos.

A documentação é clara e fácil de seguir, com muitos exemplos. Fat-Free Framework oferece uma escolha de motor de modelo: você pode usar PHP, o próprio motor de modelo da F3, ou outros como o Smarty ou Twig.

Os desenvolvedores de F3 se encontram no Slack and the Fat-Free Framework do Grupo Google.

Quem usa Fat-Free Framework?

Deseja reduzir a quantidade de código que precisa de escrever? 💡 Uma estrutura PHP pode ser exactamente o que precisa. Saiba mais sobre os melhores neste guia!Click to Tweet

Qual é a melhor estrutura PHP para iniciantes?

As melhores estruturas  para iniciantes são as que são mais simples e enxutas. Uma vez que você tenha dominado uma delas, você está pronto para se formar em uma que seja mais repleta de recursos, se você precisar de uma.

Yii seria minha principal escolha para uma estrutura PHP para iniciantes. A documentação de Yii o leva a fazer um aplicativo para visualizar países, ensinando-lhe sobre o padrão MVC, e como trabalhar com bancos de dados ao longo do caminho.

Yii Aplicação web dos países

Yii Aplicação web dos países

Se você cometer um erro, os erros são claros, ajudando-o a depurar e continuar rapidamente.

Yii erro para variável indefinida

Yii erro para variável indefinida

A estrutura Slim  é rápida e fácil de instalar. Slim tem um tutorial de Primeira Aplicação para a versão 3 da estrutura. Infelizmente, ele não foi atualizado para a versão Slim 4, a versão atual.

Instalação do Slim 4 via Composer

Instalação do Slim 4 via Composer

Para Fat-Free Framework, você tem a opção de instalar via Composer ou simplesmente baixar e descompactar um arquivo zip. A estrutura é montada com um simples programa “Olá, mundo”.

O guia do usuário leva você passo a passo através das coisas que você precisa saber, desde o roteamento até os testes unitários. Há também uma demonstração do CMS para que você possa ver como todas as peças se encaixam juntas.

O CodeIgniter também tem uma configuração bastante fácil com boa documentação. Seu primeiro tutorial de Aplicação constrói um CMS simples com funções CRUD apresentando notícias.

Página de arquivo de notícias CodeIgniter

Página de arquivo de notícias CodeIgniter

Resumo

Se você quer reduzir seu tempo gasto no desenvolvimento de suas aplicações web PHP, usar uma estrutura é uma escolha inteligente.

Para tirar o máximo proveito de uma estrutura PHP e evitar frustrações, certifique-se de ter um conhecimento decente de PHP e compreender os conceitos subjacentes por trás das estruturas: arquitetura MVC, sintaxe orientada a objetos, bancos de dados e ORMs, e a linha de comando.

A estrutura que você escolher dependerá do tipo de aplicativo que você está construindo. Existem estruturas PHP para todos os gostos, desde o ultra-mínimo até “tudo menos a pia da cozinha”. Esperamos que este artigo tenha ajudado você a descobrir a estrutura PHP perfeita para você.

Agora de volta a você: qual é sua estrutura PHP preferida e por quê? Informe-nos nos comentários abaixo!


Se você gostou deste artigo, então você vai adorar a plataforma de hospedagem WordPress da Kinsta. Turbine seu site e obtenha suporte 24/7 de nossa experiente equipe de WordPress. Nossa infraestrutura baseada no Google Cloud se concentra em escalabilidade automática, desempenho e segurança. Deixe-nos mostrar-lhe a diferença Kinsta! Confira nossos planos