A questão de como conseguir clientes de web design é o melhor para todo web designer freelancer que está sofrendo com o ciclo da festa e da fome.

Como freelancer, seu talento faz o trabalho – mas você precisa do conhecimento do negócio e do marketing para atrair clientes e evitar este problema comum que os freelancers enfrentam. Você deve ter maneiras de atrair clientes (inbound marketing) e procurá-los (outbound marketing) para manter um fluxo constante de clientes em seu pipeline.
Se você é um freelancer preso no ciclo de festas e fome, este post é para você 💪Clique para Tweetar
Para ajudar você a começar com o pé direito, reunimos 7 dicas para conseguir os clientes de web design que você deseja.

Continue lendo para saber mais.

O que procurar em clientes de Web Design

Como web designer freelancer, você pode escolher os clientes com os quais você trabalha. Você pode ter tido sua parte de clientes ruins e ter criado sua lista de verificação da bandeira vermelha do cliente para evitar dores de cabeça. Mas as bandeiras verdes dos clientes também são dignas de nota.

Antes de falar sobre como conseguir clientes para web design, aqui estão alguns indicadores de que um cliente é bom para trabalhar:

  • Respeito pelo seu tempo e limites: Bons clientes respeitam seu tempo, seus limites e sua experiência. Eles sabem que você trabalha com outros clientes e não estarão disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana. Eles consideram sua agenda e perguntam se o tempo sugerido por eles funcionaria.
  • Expectativas claras e realistas: Trabalhar com um cliente que sabe o que está procurando é muito mais fácil do que com um cliente que não dá orientações. Claro, ter liberdade criativa sobre a produção é um sonho – até que o cliente peça revisões constantes, já que eles não têm um conceito claro em mente.
  • Aberto a sugestões: Em uma relação freelancer-cliente, ambas as partes contribuem igualmente. O cliente contrata você por sua experiência, então eles devem estar abertos à sua direção ou conselho.
  • Comunicação oportuna e completa: Bons clientes respondem às suas perguntas ou esclarecimentos sem grandes atrasos. Além disso, eles lhe fornecem o conteúdo e a direção que você precisa para prosseguir com seu trabalho.
  • Pagamento integral, dentro do prazo: Preços de cotação é uma das coisas mais assustadoras para um freelancer. Bons clientes raramente regateiam porque eles respeitam sua experiência e habilidade e estão dispostos a pagar por eles. Eles entendem que você também é dono de um negócio, então eles pagam a tempo e horas.

Como conseguir clientes de Web Design

Compilamos nossas principais dicas para encontrar e atrair clientes de web design de alta qualidade. Ao seguir estas sugestões, você terá muito trabalho em pouco tempo.

1. Criar um site de portfólio

Ter um portfólio online é uma das maneiras mais rápidas de conseguir clientes, pois mostra aos clientes potenciais e empregadores o que você pode fazer. Você pode usar sites como Behance ou Dribble para mostrar seus designs, mas recomendamos fortemente a criação de um site personalizado de portfólio. Ao ter o seu próprio site, você pode ser classificado nos resultados de pesquisa do Google. Quando combinado com as melhores práticas de otimização para mecanismos de pesquisa (SEO), seu site pode trazer clientes sem que você tenha que levantar um dedo. Por exemplo, se você pesquisar “WordPress web designer”, o Google mostra o site da web designer Jill Lynn no topo dos resultados. Isto significa que Jill colocou muita reflexão e esforço no SEO do seu site.

Resultado superior para "WordPress web designer"
Resultado superior para “WordPress web designer”

FirstPageSage compartilha que o ranking de uma página web na primeira posição recebe uma taxa de cliques de 39,6% (CTR). Imagine o tráfego de entrada que ela deve estar recebendo de clientes potenciais. Se você não tem um site, você pode começar hoje e construir seu site em questão de minutos usando construtores de sites amigáveis para iniciantes ou passar algum tempo em seu site para mostrar suas habilidades de design de web. Recomendamos a construção de seu site de portfólio no WordPress. Usado por quase 43% de todos os sites, o WordPress é o sistema de gerenciamento de conteúdo ou CMS mais popular. Você pode usar o software gratuitamente, mas você terá que hospedar seu site através de um provedor de hospedagem – Kinsta fornece planos de hospedagem acessíveis – e obter plugins de portfólio para adicionar funcionalidade ao seu site. Uma vez que você tenha configurado seu site, você pode se beneficiar do marketing de conteúdo compartilhando informações como, por exemplo:

  • Projetos anteriores de web design em que você trabalhou
  • Nichos nos quais você é especialista
  • Software de web design que você usa
  • Melhores práticas de web design
  • Histórias e inspirações por trás do seu projeto
  • Seu processo de design
  • Estudos de caso
  • Depoimentos de clientes

Se você quiser subir na classificação nas páginas de resultados dos mecanismos de pesquisa, ou SERPs, publique conteúdo regular, pois isso ajuda a direcionar o tráfego para o seu site.

2. Promova seus serviços em redes sociais

Além de um site, você também deve ter uma presença nas redes sociais. Enquanto um site de portfólio mostra do que você é capaz, uma presença nas redes sociais faz com que a palavra se espalhe. Além disso, suas contas de redes sociais mostram a sua personalidade e o ajudam a construir uma marca pessoal. Você não precisa ter uma presença em todos os sites de redes sociais. Escolha as redes de rede social que seus respectivos clientes usam e faça crescer sua marca lá. Aqui está um resumo rápido de como diferentes redes sociais podem servir a você em sua carreira de web design:

  • O LinkedIn é o melhor lugar para se comercializar profissionalmente. Você pode criar um perfil profissional e publicar insights da indústria e posições de liderança de pensamento, atraindo contatos comerciais e leads à procura de web designers.
  • Twitter é ótimo para compartilhar conteúdo do tamanho de uma mordida e interagir com outros designers, desenvolvedores e profissionais de marketing. Muitas pessoas encontraram empregos e oportunidades simplesmente através do networking no Twitter.
  • O Facebook é o maior site de redes sociais. Muitos freelancers e pequenas empresas têm uma página no Facebook onde eles postam atualizações. Você também pode criar um grupo no Facebook para a sua comunidade online.
  • Pinterest ajuda seu negócio de web design porque lhe permite mostrar seu trabalho na forma de imagens. Não pense no Pinterest como um site frívolo para bricolage e artesanato: ele é um poderoso mecanismo de pesquisa de imagens.
  • Instagram é uma plataforma visual perfeita para os web designers mostrarem sua estética e criatividade – e ajuda você a se beneficiar do marketing boca-a-boca.
  • O TikTok permite que as pessoas criem e publiquem conteúdo de vídeo. É mais do que vídeos de dança – você pode aprender toneladas de hacks, estabelecer-se como um especialista e mostrar sua criatividade. Muitas pessoas se tornaram famosas como gurus compartilhando conteúdo educacional.

Você também pode utilizar hashtags para compartilhar seu conteúdo com públicos-alvo. Por exemplo, a hashtag #webdesign no TikTok tem mais de 180 milhões de visualizações.

A página hashtag TikTok #webdesign tem mais de 180 milhões de visualizações
A página hashtag TikTok #webdesign tem mais de 180 milhões de visualizações

Ao construir uma audiência em vários sites de redes sociais, lembre-se que a audiência de cada plataforma é diferente. Evite o cross-posting como uma estratégia de rede social. Crie conteúdo para cada plataforma de acordo com sua audiência.

3. Compartilhe conteúdo útil

Compartilhe conteúdo útil em seu site e contas sociais para construir uma presença online na qual clientes e outros freelancers possam se beneficiar de conhecer você. O compartilhamento de conteúdo útil beneficia você:

  • Construindo confiança
  • Posicionando você como um especialista
  • Crescendo sua audiência

Mas como você se posiciona como um especialista? Comece por se encaixar.

Uma maneira de se tornar um especialista é oferecendo serviços específicos de web design que atendam a certas necessidades:

  • Mercados – você pode se concentrar em negócios de eCommerce
  • Software ou tecnologia – você pode fazer web design para sites WordPress
  • Serviços – você pode projetar apenas de landing pages

Se você se diferenciar, você será a pessoa que as pessoas procuram para obter ajuda específica. O niching down também facilita a criação de conteúdo sobre a sua experiência. Enquanto se posicionar como um especialista, lembre-se de apoiá-lo, continuando a investir em sua educação. O aumento da qualificação capacita você a exigir uma taxa mais alta. Durante os meses de vacas magras, aproveite a oportunidade para:

4. Crie múltiplos fluxos de renda

Uma vez que você constrói seus seguidores, você também pode tentar vender produtos digitais em que seu público possa estar interessado. Por que? Como provedor de serviços, escalar sua renda pode ser um desafio. Não importa o quanto você trabalhe duro, chegará um momento em que o seu salário de web designer será muito alto. A maioria dos freelancers de seis dígitos tem múltiplas fontes de renda. Além do trabalho do cliente, eles desenvolvem produtos digitais relevantes que eles podem vender. Por exemplo, você pode criar e vender modelos de sites como um web designer. Além da renda passiva, isso demonstra sua habilidade e lhe dá vendas, assim você não tem que se preocupar em como conseguir clientes de web design. Brett da DesignJoy criou um produto digital na forma de um serviço de desenvolvimento baseado em assinatura e levou seu negócio de design gerando US$ 1 milhão por mês. Além dos produtos digitais, outras ideias para fluxos de renda são:

  • Consultoria: Uma vez que você se estabelece como um líder de pensamento, você pode receber pedidos de consulta.
  • Falando em shows: Você pode receber convites para shows de oradores pagos se você construir sua marca pessoal. É também uma excelente maneira de fazer com que seu nome seja divulgado.
  • Sendo um afiliado: Você pode começar a recomendar produtos que você usa e ganhar dinheiro. Por exemplo, Kinsta tem um ótimo programa de afiliados ao qual você pode se juntar.
  • Vender e-cursos: Plataformas como Skillshare ou Teachable facilitam a venda de cursos online. Você também pode criar um site de afiliados e usá-lo como um fluxo de renda a longo prazo se você tiver uma grande audiência.

5. Considere a possibilidade de criar quadros de trabalho específicos para a indústria

Os quadros de empregos são outra forma de encontrar novos clientes de web design. Não nos referimos a mercados freelance como Upwork ou Fiverr, já que as pessoas nessas plataformas competem em preços, e não vale a pena o esforço de correr para o fundo do poço. Confira os quadros de empregos da indústria como:

Enquanto a maioria das listas de empregos são para funções em tempo integral, você ainda pode tentar lançar seus serviços como um web designer freelancer.

6. Alcance o alvo

O e-mail frio é uma ótima maneira de oferecer seus serviços a clientes potenciais que possam se beneficiar deles. Ele pode até mesmo conseguir seus shows com as marcas dos seus sonhos. Aqui estão alguns passos para realizar contatos direcionados.

1. Crie um cliente ideal

Como web designer freelancer, você pode escolher com quais clientes trabalhar. Existem 4 tipos de clientes:

  1. Clientes que você não quer atingir e que não precisam dos seus serviços
  2. Clientes que você quer atingir, mas que não precisam dos seus serviços
  3. Clientes que você não quer atingir, mas que precisam de seus serviços
  4. Clientes que você quer atingir e que precisam de seus serviços.


Mas como você consegue esses clientes de web design?

Primeiro, você deve ser claro sobre o tipo de clientes com os quais você quer trabalhar. Listar os traços de sua pessoa de cliente ideal ajuda a restringir a sua pesquisa.

Por exemplo, aqui estão algumas coisas a serem consideradas ao determinar seu mercado-alvo:

  • Objetivos do cliente
  • Renda anual
  • Antecedentes
  • Problemas, preocupações e medos
  • Motivações

Depois de desenvolver seu cliente ou persona ideal, liste a solução ou serviço que você pode oferecer a ele. Por exemplo, clientes corporativos podem se beneficiar de seus serviços de design, enquanto novos web designers podem preferir comprar seus modelos de web design.

2. Crie uma lista de clientes em potencial

Comece a procurar por clientes em potencial depois de desenvolver sua persona de cliente ideal. Para clientes de alto poder aquisitivo, você pode direcionar seus clientes que receberam financiamento. É mais provável que eles lhe paguem taxas respeitáveis do que as empresas que apenas tentam se manter à tona. Procure em sites como o Crunchbase e bancos de dados de capital de risco (VC) por dados como receita anual ou vendas e financiamento de VC. Verifique o site da empresa para verificar se eles são legítimos. Procure por bandeiras vermelhas, tais como:

  • Erros ortográficos, gramaticais e de pontuação
  • Conteúdo genérico ou spammy
  • Conteúdo desatualizado

Se você tem a paciência e gosta do desafio, você pode escolher trabalhar com esses clientes. Caso contrário, se uma empresa não entender a importância da imagem de marca e do marketing, você pode passar muito tempo em reuniões tentando convencê-los a fazer a coisa certa. Liste abaixo todos os potenciais clientes em uma ferramenta de prospecção. Não tem que ser extravagante; uma planilha é suficiente. Inclua os seguintes detalhes:

Lutando com tempo de inatividade e problemas no WordPress? Kinsta é a solução de hospedagem projetada para economizar seu tempo! Confira nossos recursos
  1. Nome da empresa
  2. Site da empresa
  3. Perfil da empresa no LinkedIn
  4. Detalhes da pessoa de contato, incluindo:
    • Nome
    • Posição na empresa
    • E-mail
    • Perfil LinkedIn

Você também pode adicionar estas seções:

  • Notas ou detalhes de conversas passadas para inserir em seu email frio ou carta de apresentação (LOI).
  • Status para manter registro de quem você contactou e quando (para fácil acompanhamento).

3. Envie um e-mail de prospecção (cold email )

Crie um e-mail de prospecção, também conhecido como cold email (email frio, em português), perfeito com todos os detalhes que você tem. Ele deve ser bem elaborado com a sua clientela alvo em mente. Algumas dicas para ter em mente:

  • Conecte-se com o cliente em potencial. Antes de enviar o e-mail, tente encontrar uma oportunidade de interagir com um cliente através da mídia social ou em um evento de rede. Ajuda a construir confiança e reconhecimento se você já interagiu com um cliente antes.
  • Personalize sua apresentação. Mostre aos seus clientes em potencial que você entende o negócio deles. Diga-lhes o que você pode fazer por eles e porque você é a melhor opção. Em última análise, o objetivo de um email frio é conversar com o cliente. A partir daí, você pode discutir seu processo e suas necessidades e orçamento para verificar se você se encaixa bem.
  • Acompanhe. Não fique desanimado se você não tiver retorno. Talvez eles estejam apenas ocupados. Sinta-se livre para acompanhar depois de alguns dias – 35% dos tomadores de decisão consideram o acompanhamento um ótimo lembrete devido aos seus horários ocupados.

7. Network

Um guia sobre como conseguir clientes de web design estaria incompleto sem uma network. Participar de eventos de networking é uma ótima maneira de conhecer novas pessoas na indústria e construir conexões mais profundas com os contatos existentes. Siga estas sugestões para expandir sua rede:

Participe de eventos da indústria

Participar de eventos e encontros do setor é uma ótima maneira de construir confiança e visibilidade para o seu negócio de web design. Você pode encontrar seu público-alvo cara a cara e fazer conexões que podem ajudá-lo a encontrar o próximo cliente. De acordo com a pesquisa de Mark Granovetter publicada no American Journal of Sociology, é mais provável que ouçamos falar de um trabalho de um conhecido do que de um amigo próximo, uma vez que nossos conhecidos fazem parte de grupos diferentes dos nossos. Outra vantagem? Clientes e colaboradores em potencial estarão mais confortáveis trabalhando com você quando puderem dar um rosto a um nome.

Alcance clientes antigos

É mais fácil e mais barato reter um cliente existente do que adquirir um novo. Se você está tentando conseguir clientes de web design, vale a pena alcançar clientes antigos para vender ou obter indicações, especialmente se você prestou um excelente serviço.

Pergunte por referências/indicações

Peça ativamente referências de clientes anteriores, pessoas da indústria ou colegas freelancers. Obter um endosso ou recomendação de pessoas com quem você trabalhou encoraja potenciais clientes a trabalharem com você. Você pode incentivar o processo dando pequenos sinais de apreço – descontos ou presentes – para as pessoas que enviam trabalho à sua maneira.

Parceria com outros freelancers

Outra maneira de conseguir trabalho como freelancer é através da parceria com freelancers que oferecem serviços complementares. Você pode contatar especialistas em SEO ou redatores de conteúdo cujos clientes podem estar procurando alguém para reformular seus sites. Você pode até mesmo chegar a desenvolvedores web cujos pontos fortes estão na construção de sites e não no design de sites. Você acessa a base de clientes existente do seu parceiro e eles oferecem seus serviços aos clientes deles, o que cria valor adicional para ambas as partes.

Junte-se a uma agência

Além de fazer parcerias com outros freelancers, você também pode se juntar a uma agência. Uma agência é uma organização que presta serviços a outras empresas. Neste caso, ela pode ser um grupo de freelancers trabalhando juntos em projetos complementares. A vantagem de trabalhar com agências é que elas têm uma base recorrente de clientes de grande orçamento e um influxo de novos clientes. Como seus clientes lhes pagam tarifas de mercado, eles também pagam melhor seus freelancers e subempreiteiros. Se você está procurando aprender e ganhar o que está dentro e fora do negócio, as agências são a sua melhor aposta. Uma vez que você aprende as habilidades que você precisa, você pode até mesmo escalar de freelancer para agência. Para obter uma lista de agências pré-contratadas para trabalhar, confira o Diretório de agências Kinsta.

Página inicial do Diretório de Agências Kinsta
Página inicial do Diretório de Agências Kinsta

O diretório de agências da Kinsta é um banco de dados abrangente de agências em que confiamos. Você pode filtrar os resultados de acordo:

  • Orçamento
  • Serviços oferecidos
  • Pilha de tecnologia
  • Locais
  • Idioma

Se você precisar de ajuda ou estiver procurando por seu próximo show, você pode encontrá-la aqui na Kinsta.
Quer manter um fluxo constante de clientes? 💰 Confira este guia para começar ✅Clique para Tweetar

Resumo

Aprender como conseguir clientes de web design é uma mistura de dar um pontapé inicial em sua marca pessoal, mostrar sua experiência e construir relações com outras pessoas. Você pode aplicar diferentes estratégias de marketing de entrada e de saída para atrair clientes potenciais.

Ainda assim, antes de implementar as estratégias que você escolher, é essencial conhecer os clientes de web design ideais que você quer atrair – aqueles que sabem o que querem e respeitam sua experiência como colaborador.

Você está procurando trabalhar com outras agências de conteúdo ou web design? Confira o diretório de agências da Kinsta. Se você está interessado em ser listado em nosso diretório, entre em contato conosco hoje mesmo.


Obtenha todos os seus aplicativos, banco de dados e Sites WordPress on-line e sob o mesmo teto. Nossa plataforma de nuvens de alto desempenho e repleta de recursos inclui:

  • Fácil configuração e gerenciamento no painel MyKinsta
  • Suporte especializado 24/7
  • O melhor hardware e rede do Google Cloud Platform, alimentado por Kubernetes para a máxima escalabilidade
  • Integração Cloudflare de nível empresarial para velocidade e segurança
  • Audiência global com centros de dados de até 35 e 275+ PoPs no mundo todo

Teste você mesmo com um desconto de 20 dólares em seu primeiro mês de Hospedagem de Aplicativos ou Hospedagem de Banco de Dados. Explore nossos planos ou entre em contato com as vendas para encontrar seu melhor ajuste.