Nós temos o cliente Git disponível na Kinsta, então você pode acessar seu site com o SSH e puxar seu Git repo down do GitHub, GitLab, Bitbucket, ou qualquer outro terceiro. O acesso ao SSH está disponível em todos os planos de hospedagem da Kinsta.

Nós ainda não temos a funcionalidade de usar git push kinsta my_site para implantar automaticamente, mas você ainda pode usar Git at Kinsta seguindo as instruções abaixo.

Outra maneira de fazer isso é utilizar o WP Pusher. Muitos de nossos clientes usam isso e isso o torna super fácil, pois você não precisa saber como usar Git ou SSH.

Austin também tem um excelente tutorial sobre como configurar o Git deployment automático com Kinsta usando SSH.

Algumas outras alternativas incluem o Beanstalk e o DeployBot. Caso contrário, você pode seguir as instruções mais detalhadas do Git abaixo.

Preparação e notas importantes

Você pode criar um script de implantação que irá acessar o contêiner do seu site via SSH e puxar a última versão do seu repo para o seu site.

Você precisará de seus detalhes SSH e caminho para o seu site Kinsta, que pode ser encontrado na página de informações do seu site no MyKinsta Sites > sitename > Informações).

Caminho público e detalhes SSH em MyKinsta
Caminho público e detalhes SSH em MyKinsta

Nos exemplos abaixo nós estamos usando GitHub. Se você estiver usando um serviço diferente, substitua a URL do GitHub pela URL do seu repositório.

Extraindo o repo

O comando para extrair seu reporte para seu diretório public será algo parecido com isto:

ssh [email protected]address -p portnumber "cd public-root && git pull https://github.com/USER/REPO.git"

Substitua os valores usados pelos detalhes do seu site do MyKinsta:

  • Substitua ssh [email protected] -p port-number pelo SSH terminal command no MyKinsta (Sitessitename > Informações > Detalhes básicos).
  • Substitua public-root pelo Path no MyKinsta(Sites > sitename > Informações > SFTP/SSH).

Extraindo um Repo Privado

Se for um repo privado, você precisará de uma maneira de autenticar ou entrar no sistema. Aqui está um exemplo de como puxar um repositório privado do GitHub, adicionando credenciais de login ao comando:

ssh [email protected] -p portnumber "cd public-root && git pull https://username:password@github.com/USER/REPO.git"

Extraindo um Repo Privado com 2FA

Se a autenticação de dois fatores estiver habilitada, uma senha de acesso token/app é necessária. Aqui estão instruções de alguns serviços populares sobre como criar um token para autenticar seu comando:

Aqui está um exemplo de como puxar um repo que tem 2FA habilitado do GitHub, usando um token para autenticar:

ssh [email protected] -p portnumber "cd public-root && git pull https://TOKEN@github.com/USER/REPO.git"

Nota: Se o puxão do idiota acima não contém credenciais e o caminho HTTPS, ele tentará olhar localmente (ao invés do repo hospedado) e mostrar a mensagem: “Tudo atualizado”

Clonando um Repo

Para clonar um repo:

git clone https://github.com/USER/REPO.git

Clonando um Rep Privado

Se for um repo privado, você precisará de uma maneira de autenticar ou entrar no sistema. Aqui está um exemplo de como extrair um repositório privado do GitHub, adicionando credenciais de login ao comando:

git clone https://username:password@github.com/USER/REPO.git

Clonando um Repo Privado com 2FA

Se a autenticação de dois fatores estiver habilitada, uma senha de acesso token/app é necessária. Aqui estão instruções de alguns serviços populares sobre como criar um token para autenticar seu comando:

Aqui está um exemplo de como clonar um repo que tem 2FA habilitado no GitHub, usando um token para autenticar:

git clone https://TOKEN@github.com/USER/REPO.git