Quando você hospeda seu site WordPress com a Kinsta, você também pode usar nosso serviço de DNS Kinsta para gerenciar seus registros DNS. Isto é opcional (você pode gerenciar seus registros DNS onde quiser), mas se você quiser aproveitar nosso serviço de DNS premium, siga as instruções abaixo.

Como funciona o DNS (O básico)

Quando alguém digita em seu domínio (seusite.com) em seu navegador, seu computador usa o sistema DNS para procurar quais servidores de nomes ele deve contatar para obter informações DNS. Ele retornará algo parecido com o seguinte:

O computador do visitante então contata um desses servidores de nomes para procurar o endereço IP do domínio verificando o registro A do DNS, que contém o endereço IP do servidor onde ele está hospedado. Neste caso, seu registro A é apontado para o IP da Kinsta. O computador do visitante então se conecta ao IP da Kinsta para carregar seu sitesite.com.

O que é Kinsta DNS?

Todos os planos Kinsta vêm com o Kinsta DNS, um serviço de DNS Anycast premium ativado pela Amazon Route53. Route53 está consistentemente entre os serviços DNS mais rápidos do mundo, e suporta até mesmo roteamento baseado em latência e geolocalização para garantir tempos de resposta rápidos. Ao contrário de outros hosts WordPress que cobram mais por um DNS premium, todos os clientes Kinsta podem tirar proveito do Kinsta DNS sem custo adicional.

Como configurar o Kinsta DNS para o seu domínio

Para configurar seu domínio com o Kinsta DNS, clique na aba Kinsta DNS no MyKinsta, e clique em Adicionar seu primeiro domínio. Se você já tem uma zona Kinsta DNS adicionada, clique em Adicionar Domínio no canto superior direito da página em seu lugar

Configurações do DNS Kinsta no MyKinsta.
Configurações do DNS Kinsta no MyKinsta.

Em seguida, digite seu domínio no campo Adicionar Domínio no modal/pop-up. Se você estiver usando o Google Workspace para e-mail, você pode verificar a opção Adicionar Registros MX do Gmail para adicionar automaticamente os registros MX necessários. Tenha em mente que isto só adiciona os registros MX, e você ainda pode precisar adicionar registros adicionais de verificação CNAME e TXT para o Google Workspace mais tarde.

Após entrar em seu domínio, clique em Adicionar Domínio para prosseguir para o próximo passo.

Adicione seu nome de domínio ao Kinsta DNS.
Adicione seu nome de domínio ao Kinsta DNS.

Seu domínio está agora pronto para ser apontado para quatro servidores de nomes como os que estão abaixo:

Kinsta servidores de nomes DNS em MyKinsta.
Kinsta servidores de nomes DNS em MyKinsta.

A seguir, você precisará atualizar os servidores de nomes de domínio em seu registrador de domínios. O processo de atualização dos servidores de nomes é específico para cada registrador, portanto não deixe de consultar a documentação ou a equipe de suporte do seu registrador se você não tiver certeza sobre como atualizar seus servidores de nomes.

Neste exemplo, estaremos atualizando os servidores de nomes no Google Domains com os endereços do servidor de nomes DNS Kinsta abaixo. Observe que estes endereços de servidores de nomes são específicos para nosso domínio de exemplo, portanto, certifique-se de copiar os endereços corretos dos servidores de nomes do seu domínio.

No Google Domains, clique na aba DNS do seu domínio e selecione a opção Use Custom Name Servers (Usar Servidores de Nomes Personalizados). Adicione os quatro endereços de servidores de nomes DNS Kinsta e clique em Salvar.

Atualizar servidores de nomes no Google Domains.
Atualizar servidores de nomes no Google Domains.

Depois de atualizar os servidores de nomes no registrador do seu domínio, pode levar de 24 a 48 horas para que as mudanças se propaguem pela Internet. Enquanto você espera que isso aconteça, você pode começar a adicionar quaisquer registros DNS necessários, como explicado na próxima seção.

Como adicionar registros DNS

Kinsta DNS suporta vários tipos de registros DNS, incluindo registros A, registros CNAME, registros MX, registros TXT, e muito mais. Nesta seção, nós o acompanharemos através de todos os registros DNS suportados e lhe mostraremos como configurá-los no Kinsta DNS.

Registro A

Um registro A mapeia um nome de domínio para o endereço IPV4 de um servidor e é necessário para que um site seja servido através de um nome de domínio. Para informações específicas sobre como apontar seu domínio para um site hospedado na Kinsta, por favor, consulte nosso guia detalhado aqui.

Adicionar um registro A ao Kinsta DNS.
Adicionar um registro A ao Kinsta DNS.

Registro AAAA

Um registro AAAA mapeia um nome de domínio para o endereço IPV6 de um servidor e é necessário para que um site seja servido através de um nome de domínio.

Adicionar um registro AAAA no Kinsta DNS.
Adicionar um registro AAAA no Kinsta DNS.

Registro CNAME

Um registro CNAME trata do mapeamento de um nome de domínio para outro hostname. CNAMEs são comumente usados para mapear um domínio www para um domínio não-www (por exemplo, www.kinstalife.com para kinstalife.com). Se você selecionou a caixa Adicionar registro DNS com e sem www ao adicionar um registro A ou AAAA, o CNAME para seu domínio www já foi adicionado. Para informações específicas sobre como apontar seu domínio para um site hospedado na Kinsta, por favor, consulte nosso guia detalhado aqui.

Adicionar um registro CNAME no Kinsta DNS.
Adicionar um registro CNAME no Kinsta DNS.

Registro CAA

Um registro CAA é um registro DNS opcional que lhe permite especificar quais autoridades certificadoras (CAs) estão autorizadas a emitir certificados SSL para o seu domínio. Se um domínio não possui registros CAA, qualquer CA pode gerar um certificado SSL para ele, se solicitado. A criação de um registro CAA lhe proporciona uma camada adicional de segurança para evitar que as CAAs não confiáveis emitam certificados SSL para seu domínio. O registro CAA segue o formato abaixo:

your-domain.com CAA <flags> <tag> <value>

Vamos dar uma olhada mais de perto em cada elemento do registro CEA.

CAA Flag

Um CAA flag especifica se um CA é autorizada a utilizar as informações especificadas em um registro CAA. O sinalizador tem dois valores – 0 ou 1

CAA Tag

Um CAA tag especifica que o comportamento permitido para ACs autorizadas ao emitir certificados SSL. A tag é geralmente um dos três valores – issue, issuewild, iodef, mas valores personalizados específicos para certas ACs também são suportados.

CAA Value

Um CAA value especifica o nome de domínio de uma autoridade certificadora (CA). Por exemplo, o CAA value para Let’s Encrypt ( um CA popular) seria letsencrypt.org. Se o CAA value for definido como ;, nenhuma CA está autorizada a emitir um certificado SSL para o domínio. Para adicionar um registro CAA no Kinsta DNS, você precisará do nome da máquina, CAA value (o nome de domínio da CA), CAA flag, e CAA tag. Neste exemplo, vamos adicionar o registro CAA abaixo.

kinstalife.com. CAA 0 issue “digicert.com”

Podemos adicionar este registro do CAA em Kinsta DNS assim:

Adicionar um registro CAA no Kinsta DNS.
Adicionar um registro CAA no Kinsta DNS.

Registro MX

Os registros MX são usados para roteamento de e-mail, e os registros específicos variam de acordo com o que seu provedor de e-mail lhe fornece.

Para este exemplo, vamos configurar os registros MX para MX Route, um serviço de hospedagem de e-mail popular. Abaixo estão os registros MX fornecidos pela MX Route:

  1. echo.mxrouting.net (Prioridade 10)
  2. echo-relay.mxrouting.net (Prioridade 20)

Adicione o primeiro registro MX como este:

Primeiro registro MX para MX Route.
Primeiro registro MX para MX Route.

Em seguida, o segundo registro MX pode ser adicionado assim (observe os diferentes apontamentos para o hostname e Prioridade):

Adicionar o segundo registro MX no MX Route .
Adicionar o segundo registro MX no MX Route .

Adicionar registros MX do Gmail em um novo domínio

Se você estiver usando o Google Workspace para seu serviço de e-mail, tornamos super fácil a adição dos registros MX necessários. Quando você estiver adicionando um domínio no Kinsta DNS, verifique a caixa Adicionar Registros MX do Gmail, e os registros MX necessários serão adicionados automaticamente.

Adicionar automaticamente registros Gmail MX com Kinsta DNS.
Adicionar automaticamente registros Gmail MX com Kinsta DNS.

Adicionar registros MX do Gmail em domínios existentes

Já tem um domínio adicionado e configurado no Kinsta DNS? Não há problema. Clique no botão Adicionar registros MX do Gmail na parte superior.

Adicionar Gmail MX records a um domínio existente.
Adicionar Gmail MX records a um domínio existente.

Em seguida, clique em Adicionar 5 Registros, e já está tudo pronto!

Adicionar Gmail MX records no Kinsta DNS.
Adicionar Gmail MX records no Kinsta DNS.

Registro TXT

Os registros TXT são usados para uma variedade de coisas. Tipicamente são usados para verificação. Por exemplo, você pode verificar seu nome de domínio com o Google Workspace usando um registro TXT.

Digamos que precisamos adicionar o registro TXT abaixo para verificar o domínio kinstalife.com com o Google Workspace.

google-site-verification=rXOxyZounnZasA8Z7oaD3c14JdjS9aKSWvsR1EbUSIQ

Eis como seria esse registro TXT no Kinsta DNS:

Adicionar um registro TXT no Kinsta DNS.
Adicionar um registro TXT no Kinsta DNS.

Registro SPF

Os registros SPF são usados pelos provedores de serviços de Internet (ISPs) para verificar o endereço IP do remetente, assim como os IPs do site. Se eles corresponderem, então você está pronto para ir. Aqui está um exemplo de como é um registro SPF:

v=spf1 include:servers.mcsv.net ?all

Fornecedores de e-mail de terceiros e serviços de e-mail de transação podem fazer com que você crie um registro SPF para fins de autenticação de e-mail. Entretanto, os registros SPF agora estão obsoletos (RFC 7208) e podem ser inseridos como registros TXT.

Adicionar um registro SPF no Kinsta DNS.
Adicionar um registro SPF no Kinsta DNS.

Registro DKIM

DKIM significa DomainKeys Identified Mail. Esta é uma camada extra de autenticação de e-mail normalmente usada por software de e-mail marketing e provedores de e-mail transacional. No MyKinsta DNS, não há opção separada para DKIM, pois estes são tipicamente inseridos como registro CNAME ou TXT, dependendo do serviço. No exemplo abaixo, estamos adicionando um registro DKIM para Mailgun.

Adicionar um registro DKIM no Kinsta DNS.
Adicionar um registro DKIM no Kinsta DNS.

Os registros TXT têm um limite de 255 caracteres. Este limite não é imposto por nossa parte, mas sim pelo próprio protocolo DNS. Pode haver um momento em que um serviço exigirá que você acrescente um registro DKIM que seja maior que 255 caracteres. Neste caso, você precisará dividir seu DKIM em várias strings para o registro TXT. Você pode fazer isso através do console inserindo cada string encapsulada entre aspas, uma string por linha. Aqui está um exemplo de um registro DKIM dividido (note as aspas):

k=rsa; p=MIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb" "3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUkIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3DQEBAQUMIGfMA0GCSqGSIb3D

Registro SRV

Um registro SRV é usado quando um serviço precisa de informações adicionais, como o número de uma porta. Estes são mais comumente usados com configurações SIP, VOIP, e IM.

Neste exemplo, vamos adicionar o registro SRV abaixo para o Office 365 e o Skype for Business ao Kinsta DNS

Adicionar um registro SRV no Kinsta DNS.
Adicionar um registro SRV no Kinsta DNS.

Resumo

Neste artigo, discutimos como criar registros A, CNAME, MX e muito mais. Após apontar o DNS para Kinsta, recomendamos a criação do HTTPS e a habilitação do Kinsta CDN para o seu site. Confira este artigo para mais informações sobre como ir ao ar com seu site Kinsta